História Breathe Me - Capítulo 44


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jeremy Bieber, Justin Bieber, Personagens Originais
Visualizações 583
Palavras 1.232
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Festa, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Necrofilia, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Coloquem “Breathe Me” da Sia para tocar quando a letra da música aparecer no capítulo.

Capítulo 44 - Stay alive


- LEVANTA DO CHÃO, VADIA. – Mike gritou chutando a barriga da moça. – LEVANTA!

- Eu... Não consigo. – ela sussurrou.

- O QUE? NÃO OUVI. ABRE A BOCA PRA FALAR.

- EU. NÃO. CONSIGO.

- VOCÊ TEM QUE CONSEGUIR. – Mike pegou o braço de Brooke e a levantou do chão brutalmente, ela não tinha forças para ficar em pé, Brooke sentia seu corpo, mas ela não conseguia mandar os comandos para eles se mexerem. Mike a jogou no chão de novo ao ver que ela não conseguia ficar em pé sozinha e quando Brooke caiu sua cabeça bateu no chão. Aquilo foi como a gota d’água para o corpo dela que não aguentava mais essa tortura.

Como ela tinha caído de costas, ela também sentia falta de ar, a jovem abriu a boca em busca de mais ar para seus pulmões com isso o desespero foi tomando conta o que não ajuda muito nessas horas. Ao seu lado Mike sua da situação com a mão na barriga, seu estado psicológico estava denegrido, para ele o desespero de Brooke era a coisa mais engraçada do mundo, parecia que ele estava assistindo uma boa comédia. Mas na verdade ele estava assistindo uma morte.

 

P.O.V Justin Bieber On

 

Xavier, eu e a equipe nos deslocamos até o local onde Bryan tinha avisado pelo rádio. Já estávamos perto, de onde nós estávamos dava para ver a cabana rústica e velha ao longe. Quando nós chegamos os gritos já tinham parado, todas as equipes estavam a uma distância segura do local para não despertar suspeitas.

 

Help, I have done it again

I have been here many times before

Hurt myself again today

And the worst part is there's no one else to blame

 

Minha boca estava seca, eu engolia seco, eu estava muito nervosa. Aquela pode ser a minha última esperança de chance de encontrar Brooke viva. Talvez ela já esteja morta e talvez não. Todas as garotas que o serial killer pegou foram mortas logo depois de serem vistas pela última vez como disse a pericia. Soltei o ar de meus pulmões.

Não esperei uma ordem do Xavier, sai de onde eu estava e fui até a cabana, ouvi uma repreensão do Xavier atrás de mim falando para eu voltar, mas claro que eu não iria. Eu queria ver se o a Brooke estava lá, eu queria acabar com a agonia que eu estava sentindo há horas.

 

 

Be my friend

Hold me, wrap me up

Unfold me, I am small and needy

Warm me up and breathe me

 

Ao chegar na porta da cabana encostei minhas costas nela e respirei fundo, Stormwhite e as equipes dele já vinham atrás de mim em suas posições. Me virei e dei um chute na porta logo depois ergui meus braços apontando a arma para o interior da cabana e meus olhos se assustaram ao ver o que tinha lá. 

- Mike? – Mike que estava rindo se virou e me olhou com um olhar doentio. Meus olhos arregalados se assustaram mais ainda após eu ver Brooke no chão, seu rosto estava com uma tonalidade roxa. A raiva me consumiu ao vê-la naquele estado e já ia apertar o gatilho da arma, mas Xavier me interrompeu antes de eu dar um tiro para matar Mike.

- Não atire. – Xavier foi até Mike, o virou de costas e colocou algemas nos pulsos dele e disse os direitos dele.

Caminhei até Brooke e abaixei, coloquei minha arma dentro da minha calça e coloquei minhas mãos em seu rosto, lágrimas deslizaram de meu rosto. Encostei minha testa na dela e comecei a chorar. Eu pensei que ela estava morta, mas ela moveu a cabeça, desencostei as nossas testas e vi que ela estava olhando pra mim, mesmo ela estando mal eu não contive meu sorriso.

- Você está viva.

- Mas... Acho... Que... Não por... Muito... Tempo. – ela disse com dificuldade  pausando entre as palavras para puxar o ar que ela mal conseguia puxar.

 

Ouch, I have lost myself again

Lost myself and I am nowhere to be found

Yeah, I think that I might break

Lost myself again and I feel unsafe

 

Be my friend

Hold me, wrap me up

Unfold me, I am small and needy

Warm me up and breathe me

 

- Vou te levar pro hospital agora. – a peguei no colo.

Os policiais estavam trabalhando no local, Mike estava dentro de uma viatura e Xavier estava conversando com ele. 

- O que ele está fazendo com a minha Brooke?

- Ela não é a sua Brooke, Mike. – Xavier respondeu. – Justin, temos que levar ela para o hospital.

- É isso que eu vou fazer.

- Vou pedir para um policial ir com você. Coloque-a dentro de uma viatura. – assenti e Xavier saiu para chamar um policial. 

Fui até uma viatura e coloquei Brooke deitada no banco traseiro com um pouco de dificuldade. Sai do carro, dei meia volta e entrei na outra porta, ergui a cabeça de Brooke, me sentei no banco e coloquei a cabeça dela em cima da minha perna. Ela já não estava mais com os olhos abertos e mesmo com dificuldade ela respirava. Um policial chegou correndo, entrou no carro e deu a partida.

 

Be my friend

Hold me, wrap me up

Unfold me, I am small and needy

Warm me up and breathe me

 

Já tínhamos chegado no hospital e o médico tinha levado Brooke para uma das sala para fazer exames nela. Brooke não tinha acordado no caminho e ao chegar no hospital acabou dando uma parada cardíaca, mas foi atendida pelos médicos a tempo de salvá-la. Uma hora tinha se passado desde nós termos chegado ao hospital e nada.

- Justin, como ela está? – Julia chegou ofegante, parecia que tinha corrido muito para chegar ali.

- Eu não sei, os médicos não me informou nada sobre o estado dela ainda.

- Como ela estava quando a encontrou?

- Ela estava em péssimo estado. Estava toda cheia de machucados, roxos...

- Ai meu Deus. – colocou a mão sob a boca e começou a chorar.

- Temos que ser fortes, eu vi o estado de Brooke e sei que ela não está bem. Mas eu acredito que ela vai sobreviver, ela não vai nos deixar. 

- Ela não pode me deixar. – ela disse perdida em seus pensamentos. 

- Olha, o doutor. – avisei a Julia e me levantei.

- Vocês estão com Brooke Montes, certo?

- Certo. – eu disse e Julia só assentiu.

- Vamos até a minha sala. – seguimos o doutor até a sala dele, na sala nós nos sentamos e ouvimos o que o doutor tinha a falar. – Bem, não vou fazer rodeios. O estado de Brooke realmente é complicado, por isso resolvi conversar com você aqui do que lá na sala de espera. – ele já estava fazendo rodeios, pensei – Brooke acabou sendo muito lesionada, ela tem várias escoriações pelo corpo. As pancadas que ela levou acabaram quebrando costela e o osso que quebrou fez uma pequena perfuração no pulmão, mas por sorte isso não levou a hemorragia interna. Ela também foi abusada sexualmente...

- O QUE? – gritei com o doutor.

- Já estamos informados do caso e não há risco dela ficar grávida já que o homem que abusou dela era estéril. E a pior notícia.

- Ainda tem a pior? – eu ri sem humor e o doutor assentiu.

- Brooke está em coma. 


Notas Finais


Esse capítulo ficou uma merda, não gostei dele, eu até poderia reescrevê-lo se eu não tivesse com preguiça. 
Eu pensei que meu último dia de trabalho iria ser sábado, mas não foi, ainda estou trabalhando e isso atrapalha a minha criatividade zz. Vou me esforçar o máximo para os próximo capítulos ficarem emocionantes e não merdas como esse, odiei esse, serio.
Amei os comentários do outro capítulo <33 obrigada por eles, pelas visualizações e pelos favoritos.
Beijos e até a próxima postagem.
twitter: hewereborn | wpp: +55 Telefone Removido
LEIAM MINHA NOVA FANFIC: http://socialspirit.com.br/fanfics/historia/fanfiction-barbara-palvin-after-storm-2465814 irei postar o primeiro capítulo dela amanhã.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...