História Brincadeiras do destino - Capítulo 10


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Raiva, Realidade, Relacionamento, Revelaçoes, Romance, Sexo, Suspense, Tragedia
Visualizações 31
Palavras 571
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 10 - Porque fez isso?


Já era noite, quando Neuza e o pessoal foram para casa. Informaram que era necessário que alguém ficasse e passasse a noite com San, só para se caso a garota precisasse de algo. Milla olhou para Leandro com os olhos brilhando. O garoto já sabendo o que ela estava tramando, negou.

-O Ken.-disse ela apontando para o mesmo.

-O que?-ele ficou surpreso.

-Milla, o Ken não tem a obrigação de...

-Tudo bem tia. -ele diz. -Eu fico. Não se preocupe.- dá um sorriso.

Então, como decidido. Ken ficou no Hospital, para fazer companhia a San. Voltou para o quarto onde a garota estava e se sentou na cadeira onde estava antes.

-"Como tiveram coragem de bater em você? O que custava ter dado um beijo apenas? Vocês mulheres são cheias de dramas."- pensava ele de braço cruzados.

-Então é isso que você planeja?- pergunta Neuza para Milla, que contava sobre querer juntar San e Ken.

-Sim, não é o máximo?

-Eu gostaria que os dois ficassem juntos. Mais filha, eles é que tem que decidir.Quem sabe com o tempo.

-Mãe, a San detesta ele. E ele...

-Ele gosta dela, Milla.

-O que? Como a senhora sabe?

-No hospital, vi como ele olhava para ela. Ele parecia pensativo, e á olhava  preocupado.

-Que lindinho. 

-Por isso peço que deixe que as coisas rolem como tem que rolar.

-Mas mãe...

-Promete logo.

-Tá.-disse emburrada.

-San, vou tomar meu banho.-disse Neuza indo para seu quarto.

-Saco.-Milla bufa cruzando os braços.

No hospital, Ken estava apoiado com o queixo no braço, sobre a cama. Fechou os olhos, logo pegando no sono.
A noite ocorreu tudo bem, e já quando começava a amanhecer, ele sentiu uma movimentação na cama. Abriu os olhos rapidamente e viu San se mexendo.

-Oi. Como se sente?- ele pergunta, mas não obtém resposta. Se levanta e olha para o rosto da menina.Só então percebe que ela ainda permanecia de olhos fechados. Mais parecia que estava desconfortável. Aconchegou a almofada dela, que pareceu relaxar.

-Olhando assim, parece até um anjo.-sorriu com o comentário.

Foi até o banheiro que havia no quarto e foi lavar o rosto. San, aos poucos foi acordando. Remexeu um pouco na cama, até ficar de um jeito sentada. Não sentiu muita dor com o movimento.

-"pelo menos a anestesia fez resultado".-pensou agradecida. Ouviu um barulho de água caindo. Cogitou ser Milla, que deve ter se oferecido para passar a noite com ela lá. Respirou calmamente, fechando os olhos por sentir poucas fincadas no peito. Ken saiu do banheiro e á viu mais ou menos sentada, e de olhos fechados. Se aproximou.

-Se sente bem?- ele perguntou enquanto se aproximava, ela abriu os olhos rapidamente e o olhou.

-O que faz aqui?

-Pediram para eu passar a noite aqui, com você.

-Mas porque você?

-Sua tia estava cansada, Milla de frescura e Leandro, nem digo.-explicou com tédio.

-Hm. Entendi.-disse normalmente.

-Está com fome? Se quiser eu pego alguma coisa pra você comer.

-Não precisa, obrigada.-disse séria. Ele ficou sem graça. 

-Ok.-disse escorando na parede. Fez-se silêncio.

-Porquê...-ela disse baixo, ele á olhou esperando que a mesma continuasse.- Porque fez isso?-perguntou um pouco envergonhada.

-Isso o que?-ele pareceu não entender.

-Porque, você quis ficar aqui? Poderia ter recusado.

-Ah, isso? Rsrs. Bem, nem mesmo eu sei direito o porque.-disse coçando a nuca e sorrindo.- Mas foi bom poder ajudar.

Ela ficou calada, mais logo sorriu fraco sem que ele percebesse.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...