História Brincadeiras do destino - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Drama, Raiva, Realidade, Relacionamento, Revelaçoes, Romance, Sexo, Suspense, Tragedia
Visualizações 14
Palavras 375
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Onde essa garota se meteu?


-Cheguei.- Milla diz entrando em casa.

-Já chegou meus amores. Estou preparando a janta.-diz Neuza, da cozinha.

-Mãe á essa hora?Tá cedo de mais.

-Eu sei. É que San nao come comida quente, então pensei em preparar agora pra quando chegarem comerem ela morna.

-Hmm...eu pensei que vocês já tinham até comido.

-Uai, como assim? Vocês nem tinham chegado ainda.

-Mas a San sim.

-Não. Sua prima ainda não chegou, eu to sozinha aqui.

-Como assim mãe? A San veio pra casa faz mais de duas horas, e só fomos ali no parque. Era pra ela já ter chegado.-Milla diz preocupada.

-O que?- Neuza diz preocupada também.

As duas então correram para o quarto de San e não a viram, nem na varanda e nem no banheiro.

-Droga,já devia ter chegado San.-Milla diz.

-Calma, vou desligar as panelas enquanto isso, vai ligando pro celular dela.

Milla assim fez. Ligou pra San tres vezes e nada da menina atender. Na quarta ligação, nem tocou. Milla então ligou para Leandro.

-Fala sério Leandro. Você perdeu de novo.Kkkkk.-Ken zoava a perda de Leandro no videogame.

-Vai ter revanc.....

-Triiimmm! Triiiiim.- O celular dele toca o interrompendo.

-Alô...calma Milla, o que aconteceu?...o que tem a San?...Mas já faz horas que ela saiu de lá....tem certeza?...Sim....Vou para ai.

-O que aconteceu?-Ken pergunta.

-Milla disse que San não chegou em casa.Desde aquela hora. Ela e a tia estão preocupadas,disse que tem medo de San aprontar algo.

-Ela não parece ter cara de que apronta..-Ken diz debochado.

-Não é hora pra gracinhas. Já to indo.

-Vou junto.

-E então? Conseguiu falar com ela Milla?-Neuza pergunta a garota que já estava chorando.

-N.não.

-Toc,toc.-Alguém bate a porta e Neuza vai atender.

-Olá garotos, entrem.-disse com um fraco sorriso.Ken percebe que a coisa é séria.

-E então, nada?

-Nada, a.amor.-Milla responde chorando.Leandro a abraça.

-Não acho que a nervosinha vá fazer algo de errado.-Ken comenta.

-É que San quando passa por sentimentos fortes, pensa antes de agir.-explica Neuza.

-Então ela ataca aos outros?-pergunta com duvida.

-Pior...ela agride à...si mesma.-Milla respode. Ele fica calado.

Passam-se mais tres horas e nada...Milla chorava abraçada a Leandro,Neuza rezava sentada na varanda. E Ken olhava para o relógio. Já era tarde da noite.

-"onde essa garota se meteu?"-pensa ele.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...