História Brittle (Imagine Taehyung) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Rap Monster, V
Tags Namjin, Taehyung
Exibições 70
Palavras 1.176
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Fluffy, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Helou, eu pessoalmente achei essa capítulo bem bostinha, mas fazer o que né, espero que vocês não achem o mesmo que eu
Aah leiam minhas notas finais tera um aviso importante 💙

Capítulo 2 - 02.i like you


Fanfic / Fanfiction Brittle (Imagine Taehyung) - Capítulo 2 - 02.i like you


-C-como assim -senti meus olhos encherem de lágrimas.

-Taehyung te explica, sobe e arruma suas coisas, por favor -disse


Me pergunto quando minha mãe ficou seca assim, ela andava estranha a algumas semanas mas, eu não to acreditando nisso, ela me vender como se eu fosse um objeto, eu sou alguém como ela, eu tenho sentimentos.


Subi para o meu quarto e Taehyung vinha logo atrás, meus olhos estavam encharcados e eu não conseguia mais segurar o choro, senti algo no meu estômago, que droga, coloquei a mão na boca e corri no banheiro, coloquei metade do almoço para fora, senti uma mão colocar uma mecha que havia caido do meu coque atrás da orelha.


-Porque fez isso? -voltei a chorar mas antes que pudesse ouvir sua resposta voltei a vomitar.



Taehyung pov


-Porque fez isso? -"porque eu te amo" pensei comigo mesmo, e ela voltou a vomitar


Séria doentio dizer que ja amo essa garota? E que venho vigiando ela a algum tempo, sim seria muito doentio, pelo fato de eu ser 5 anos mais velho que ela, pelo fato de eu ser um completo covarde e ficar seguindo ela por ai e pelo fato de eu a ter comprado, como se ela fosse um objeto.


Tudo começou quando tive que ir com meu appa a uma dessas visitas que ele faz frequentemente  nas empresas menores.


   "Um dia sera você no meu lugar, tem que estar preparado" ~Appa Nam


Tá mas esse dia ainda vai demorar, não tem porque ter pressa, nesse dia a empresa a ser visitada era a Starship, quando entramos na sala da direitora do lugar, havia uma foto em cima da mesa, a tal dona da Starship e mais duas meninas, Yunji e a mais alta estavam serias e apenas a mais baixinha estava sorrindo na foto.


Acho que o que me chamou atenção foi o fato dela não ter olhos tão puxados, muito menos um corpo "padrão" coreano, ela conseguia ser linda so jeito dela, sem precisar ser "padrão", na foto estavam ela a mãe dela e a irmã, a irmã também era bonita,  mas ela realmente chamava a atenção.


-Quem é aquela appa? -perguntei apontando para a foto

-São as filhas da Yunji, a mais nova é aquela ali -apontou -S/N e a outra se chama Nayeon a mais velha -concluiu

-Quantos anos elas tem? -perguntei, ela não devia ser tão mais nova que eu, pelo menos não aparentava.

-Acho que a S/N tem 15 e a Nayeon 21, porque essas perguntas Taehyung? Ta interessado na Nayeon? -neguei com a cabeça.


Não appa, eu não estou interessado na Nayeon estou interessado na S/N



S/N pov


-Yunji precisava de ajuda, e eu me oferici -disse calmo, e se ajoelhou ao meu lado -Não precisa ter medo de mim, não vou fazer nada contigo,  muito pelo contrário, eu gosto de você.



Como assim caralho você gosta de mim, você não me conhece, você não sabe quem eu sou, não sabe o ser fresco e completamente retardado que eu sou, não da pra você gostar de mim cacete.


Isso foi o que eu pensei, mas a unica coisa que saiu da minha boca foi mais vomito, não existe nada pior do que vomitar, o que me surpreendeu foi o Taehyung ter ficado comigo no banheiro, deve gostar mesmo de mim, eu não aguento ficar perto de alguém que esta vomitando, eu vomito junto.


Levantei um pouco a cabeça e o olhei, ele sorriu, desgraçado do caralho, é bonito pra porra esse homem, que ódio, da vontade de pegar essa cara bonita e esfregar no asfalto.


-Sai daqui -disse e ele desfez o sorriso -Por favor

-Mas e se você se machucar, e se você precisar de ajuda -"nossa senhora" foi a unica coisa que passou  pela minha cabeça 

-Eu sei me cuidar, ou eu dou um grit... -vomitei de novo que beleza -SAI -berrei e ele saiu e fechou a porta


Vomitar não é uma coisa boa, pelo o que conheço meu corpo, não vou parar de vomitar tão cedo, provavelmente vou ter que tomar soro, que bom Taehyung ja vai me achar um fardo, soltei um arco-iro bem grande e purpurinoso de foda se pra ele, ninguém mandou me comprar agora vai ter que me levar no médico.


-Volta -ouvi ele rir -Não ri -levantei e dei descarga, que nojo


Caminhai até a pia e Taehyung me observava parado na porta, comecei a escovar os dentes enquanto ele me olhava ainda sorrindo, será que eu sou uma palhaça pra ele ficar rindo a toa, eu em.

-Agora que eu sou um objeto que pertence a você -queria ser o mais grossa o possível, mas então pensei. Ele só se ofereceu para ajudar a omma, ele estava sendo um bolinho de chocolate comigo ate agora, e eu teria que aturar ele até que fosse de maior e pudesse ir embora, então porque não eu tratar ele bem, talvez nos possamos ser amigos -Desculpa.

-Tudo bem, embora eu não queira que pense assim, nós realmente tratamos você como se fosse um objeto -caminhou e colocou o polegar na minha bochecha fazendo carinho -Prometo que você sera muito bem cuidada -abaixou e deu um beijo na minha testa -gente que homem alto do cacete, meus 1,57 não gostaram disso.

-Acho que vou precisar tomar soro -virei os olhos e ele riu -Não ri, ô -mostrei o meu antebraço (aquele lugar onde nois toma soro, que fica na parte oposta do cotovelo) roxo pela ultima vez que tomei soro e ele arregalou os olhos -Ainda ta roxo.

-Você não vai tomar soro não -acabo de concluir que é muito difícil conversar com esse homem, tenho que ficar olhando pra cima -Te dou algum remédio para você tomar, vamos arrumar suas coisas -pegou minha mão e "encaixou" nossos dedos, caralho que mão enorme, maliciei -Onde é seu quarto? -apontei no quarto que ficava ao lado do banheiro


Peguei uma maletinha e coloquei minhas maquiagens, que não eram muitas porque eu não gosto muito de maquiagem, quando ia começar a arrumar mais uma mala ouvi uma voz vindo do inferno, mentira veio só da cama mesmo

-Não precisa de tanta roupa, depois a gente compra mais pra você -disse ficando em pé.


Eu queria fazer um zoeira básica com ele, mas nós ainda não temos essa intimidade e nem sei se algum dia vamos ter pelo fato de que, só reforçando pela trigésima vez, ele me comprou como se eu fosse um objeto.


Segurei a vontade anorme de vomitar, com um grande suspiro, coloquei a mão na barriga e ele entendeu o que eu estava sentindo.

-Ai meu deus quer vomitar? -começou a berrar igual um louco o que me fez rir

-Calma -parei de rir respirando -Parece até que eu to grávida de um filho seu -cacete, isso ficou muito estranho, senti minhas bochechas arderem certeza que eu tava vermelha igual uma pimenta -Tá vamos embora? -perguntei ele assentiu


O caminho foi silêncioso, um silêncio completamente constrangedor, deus por que eu tenho que falar tanta bosta? 

Notas Finais


Olá unicórnios de púrpurina, então eu vim ate aqui para dizer que
TAN TAN TAN
Nada de demais só que segunda e quarta tenho inglês, então não postarei capítulos, a fic sera atualizada, terça, quinta e sábado só isso mesmo
Annyeong e saranghae 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...