História Broken Heart - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Itachi Uchiha, Kakashi Hatake, Naruto Uzumaki, Sai, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Gaasaku, Hinata, Ino, Naruhina, Naruto, Saino, Sakura, Sasuke, Sasusaku
Visualizações 245
Palavras 1.037
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Hentai, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, e segue mais um capítulo de broken heart, espero que gostem. Estou tentando aumentar o tamanho do texto, mas ta difícil, porém sigo em frente.
Então a foto de capa, é pra ser o ator thomas mcdonell de the100 como sasuke.

Capítulo 4 - The Surprise


Fanfic / Fanfiction Broken Heart - Capítulo 4 - The Surprise

Capítulo 4 – The Surprise  

 

Assim que chegou em casa Gaara se deparou com uma surpresa nada agradável, sua irmã mais velha estava sentada em seu sofá com ar de irritação e com cara de que certamente iria matar alguém, mas isso não afetou o ruivo, que já estava se perguntando como ela conseguiu entrar em sua casa, mas antes de pronunciar o pensamento, a loira se levantou e foi em sua direção com uma cara na boa.

-Gaara, como que tu muda de cidade e não avisa? Não sabe o quanto deixou a gente preocupado? Papai quase teve um infarto e Kankuro coitado, além de está preocupado, ainda teve aguentar os berros do papai. 

-Até parece que o pai se importa comigo, foi ele mesmo que me colocou para fora de casa. 

-Mas não deveria ter simplesmente saído sem dar nenhuma satisfação e porque diabos escolheu morar logo nessa cidade? Papai quase morre de ódio quando soube que tu tinha voltado para cá. 

-O que eu faço ou deixo de fazer não é mais da conta de vocês - o ruivo respondeu, já irritado com toda aquela situação, afinal tinha sido o próprio pai que o tinha colocado para fora de casa e assim ele fez e veio morar em sua cidade natal, no qual perdeu sua mãe assim que nasceu e tinha sido ali que ela viveu todos os dias de sua vida, porém quando ele era pequeno o seu pai levou ele e os irmãos para outra cidade,então o menino não teve a oportunidade de conhecer a cidade que sua mãe viveu, e provavelmente o pai teria tirado eles de lá, por não querer lembrar a perda da mãe deles, mas desde pequeno o ruivo percebeu o desgosto de seu pai em relação à ele, pois o mesmo o culpava pela morte da mãe de seus filhos.

-Sabe Gaara, eu e Kankuro não somos o papai, a gente realmente te ama e se importa contigo e pode não parecer mais no fundo papai te ama muito e sair assim sem dar satisfação preocupou muito a gente. Tive que contratar um detetive pra te achar aqui, mas valeu a pena e então me conta, o que ta achando da cidade? 

-Temari, desembucha logo, o que veio fazer aqui? - o ruivo disse irritado com toda aquele discurso da irmã 

-Como sempre, direto ao ponto. Então tá, só vim dizer que transferi meu curso para cá e vou morar contigo, irmãozinho.. Não pensou que eu fosse te abandonar ner? Kankuro resolveu ficar com papai ou o velho ia ter um infarto de tanto desgosto... 

-COMO É QUE É? QUEM DISSE QUE QUERO TU MORANDO AQUI?  

-Até parece que preciso da tua permissão 

O ruivo irritado demais para dialogar com a irmã, saiu em disparada em direção ao seu quarto e no caminho notou a quantidade de malas da irmã pela casa e então teve a certeza que sua irmã não estava brincando. 

Distante dali, Sakura limpava sua casa tranquilamente, após terminar tomou um longo banho e já ia começar seus deverem de casa quando a campainha de seu apartamento toca, ela acha um pouco estranho pois a pessoa não foi anunciada no interfone, mas mesmo assim ela vai atender e quando abre a porta se depara com seu ex-melhor amigo, que apresentava um semblante sério e sem esperar ser convidado adentrou no apartamento da menina, que ainda estava um pouco espantada com essa visita, mas o menino pareceu ignorar isso e continuou encarando a moça com aqueles olhos ônix que ela tanto amava e com uma súbita coragem a menina encarou de voltar e perguntou: 

-O que faz aqui Sasuke? E por que não interfonaram para avisar que tu tava subindo? 

-Deve ser porque eu vivia mais aqui do na minha própria casa, Sakura.  

-Ta, mais isso mudou, então o que faz aqui? 

-Precisamos conversar. 

-Sobre o que? Da última vez que nos falamos, tu simplesmente me deixou falando sozinha e foi embora e depois não fez questão de falar comigo e além do que dias depois começou a namorar com aquela ruiva e nem ao menos me avisou e eu pensando que a gente era melhores amigos e contava tudo para outro, como sempre fazíamos Sasuke, mas depois que eu fiz o favor de me declarar e deixando claro que vou me arrepender disso profundamente, tu saiu sem dizer nada, como se não tivesse escutado nada do que eu disse. 

-Eu sei Sakura, mas tu tem que entender que aquilo me pegou de surpresa, porra e eu nunca tinha te visto como nada além do que uma irmã que eu nunca tive e ainda a vejo assim, por isso fiquei sem reação e precisei de um tempo pra poder pensar naquilo. Desculpa ter te ignorado.

A garota escutou aquilo com atenção e mesmo assim pareceu que seu coração tinha sido arrancado do peito, ouvir em entrelinhas que seu amor não era correspondido, foi pior do que ser ignorada todos esses meses e por um momento esqueceu de como respirar e com olhos cheio de lágrimas, ela encheu os pulmões de ar e então perguntou: 

-Já entendi, mas o que veio fazer aqui? - sua voz soou magoada e o rapaz percebendo isso , ficou com semblante mais triste e disse: 

-Sakura, eu sinto tua falta, nesses últimos meses foram triste sem tua presença na minha vida, senti falta de assistir filme contigo, de jogar vídeo game,de ver o futebol no domingo, de jogar conversa fora, de comentar os seriados, das nossas risadas e tudo mais e sinceramente gostaria que continuássemos amigos, assim como antes. Se tu ainda quiser é claro. - a menina fez uma cara de espanto e então pediu  um tempo para pensar. O garoto então saiu pela porta, deixando uma garota completamente confusa e despedaçada para trás. 

A moça de cabelos rosas passou o resto do dia pensando nas palavras de seu amigo, era como se aos poucos ela perdesse um pedaço de si mesma e a dor no peito só aumentava e apenas de pensar que amanhã teria que olhar para a cara dele a fez desejar desaparecer e foi com esses pensamentos e entre lágrimas que a garota agarrou no sono.


Notas Finais


Oláaa, então .. estou tentando aprofundar mais os personagens, e mediar as personalidades do anime com a que eu quero eles sejam.. entendem? enfim, é isso ai.. Obrigada por lerem <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...