História Bruxas com sede de sangue - Capítulo 1


Escrita por: ~, ~LannaLima e ~GihhMelo

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ação, Aventura, Bruxa, Colegial, Ficção Cientifica, Luta, Magia, Romance, Sobrenatural
Exibições 17
Palavras 968
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Fantasia, Luta, Magia, Sobrenatural, Super Power, Suspense
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Olá pessoal, sou uma nova autora e junto com 2 amigas minhas, que já escrevem, nos 3 vamos escrever uma fic com um tema diferente do que estão acostumados. Esperamos que gostem, lhes esperam ação, magia é muito mistério.

Capítulo 1 - True me


Fanfic / Fanfiction Bruxas com sede de sangue - Capítulo 1 - True me

Rosalie

 

Odeio educação física! Claro, temos que manter o corpo sensacional pra conquistar o boy. Mas já Fasso crossfit, pra que essa aula? Enquanto bebia grandes goles de agua, uma espécie de vulto passou por mim e paralisou todos. Mas EU ainda podia me mexer.

Andei pelo corredor e, todos, tipo todos mesmo, estavam parados como mannequinchallennge aí que as pessoas nem estavam piscando, mais a frente tinha uma borboleta que antes estava no ar, mais agora estava parada como todos. Fui até ela  tocando suas Assas de leve,, um brilho cor de sangue as correu e novamente voltou a voar. Fiquei assustada. Eu fiz isso?

- Meu Deus!! Alguém ajuda aqui...O que eu fiz?-pensei.

katrina

Que porra e essa que ninguém se mexe?- pensei 

-moçooo, oiii- falei mexendo a mão de um lado pro outro - Tão brincand...

Parei quando ouvi em minha mente, alguém falando: "Meu Deus!! Alguém ajuda aqui...O que eu fiz?" era uma menina de cabelos longos e loiros platinado e roupa preta, havia algo de diferente nela...seus olhos eram vermelho sangue! não conseguia ver mais eu sentia, será que ela fez isso?Olhei minha sala, tudo parado. Eu precisava ir atrás dessa garota, andei toda escola e não a encontrei, porém ouvi novamente seus pensamentos e fui para o bebedor ao lado da sala de biologia. Encontrei ela congelando e descongelando a agua com suas mãos que tinham um tom vermelho brilhante.

-Oi!- ela se assustou mais depois ficou curiosa- sou Katrina...e vc é...

- Prazer, sou Roselie...Como esta se mexendo?

-Não sei, mas como vc - apontei - está esta se mexendo?

- Também não sei, mas...acho que fui eu que fiz isso.

- Bom, e porque você me excluída, quer dizer, nem te conheço, não creio que foi você.

- Ent...- ela parou de falar porque mais uma menina apareceu esbarrando em nos e deixando suas milhares de folhas com símbolos caírem no chão. O mais engraçado é que tanto eu quanto Roselie também tínhamos esses simbolos.

Ela se abaixou pra pega-los, e fomos ajudar porém seus olhos ficaram violeta e ela não se mexia.

- Moça? Se tá bem?- falou Rose

Blair 

Olhei o local e nele havia uma floresta sombria, estava escuro e parecia ter alguém ali. Logo, a loira que esbarrei apareceu ao meu lado.

- Que isso? Onde eu to? - Questionou arfante 

- Isso que quero descobrir, agora calada

Olhamos em volta mais eu não conseguia ver nada quando derrepente  uma linda luz azul explodiu. Era a outra garota, a ruiva. Assim como logo a frente um fogo alto e brilhante chamou nossa atenção pois dele saia uma mulher de longos cabelos loiros que pegavam em sua cintura marcada pelo vertido branco com detalhes dourados que caiam sobe seu busto e sua saia levemente armada.

- Procurem por queijo- Falou nos tirando do transe de sua beleza.

- Queijo? Que mané queijo o que, eu não encosto nem um dedo nessa coisa gordurosa- falou Rose

- Há maravilha, já não basta os mannequins ali agora vamos brincar de tom e jerry- falou Katrina

- Achem suas quatro irmãs. 

- Mas...- O quarto pegou fogo e meus "poderes" cessaram.

Nos olhamos assustadas, todas arfando  e com seus olhos de cores diferentes e brilhantes, quando enfim consegui perguntar

- Você consegue ouvir alguém?- Apontei para a ruiva

- Sim, mas...- disse confusa- e sobre conchitos.

- Serve. Vamos!

Chegamos na cantina e olhei para a esquisita que berrava por conchitos conceitos de "queijo". Eca, isso fede.

- Sua vagabunda olhe bem aqui, eu peço queijo e você me vem com presunto? E isso mesmo?- falou a esquisita em um tom bem alterado.

- Deve ser isso aí ne?- disse a loira apontando com repugnância.

Assenti e me aproximei falando: 

- Oi

- Que que foi? Ou melhor, quem é você?

- Sou Blair Wimpy, essa é...- Apontei para a loira que falou em seguida Rosalie Repear e depois pra ruiva que disse Katrina Spike- E você é...

- Porque deveria dizer isso a você?- levantou uma sonbrancelha- Afinal vocês não tem conchitos ne.

-  Acho que não - falei olhando para as meninas.

-  Então sem comida isso aqui não funciona- apontou para nós.

Derrepente os olhos de Rosolie começaram a brilhar e sua bolsa a se mexer com uma forte luz vermelha emanando do interior, quando aos poucos o brilho cessou e abrimos, eu não acreditava no que estava vendo era....conchitos de queijo.

- O que foi isso? - disse a esfomeada por queijo.

- Era o que queríamos descobrir mais podemos ir embora se quiser- fiz  menção de sair mais seus olhos gastam vida em um tom esverdeado e o chão começou a tremer-  Ta bem, vamos fazer uma troca, isso -  apontei pra bolsa-  Por 10 minutos de sua atenção.

Seus olhos não brilhavam mais e ela concordou com a troca.

- Qual seu nome? 

- Madson James

- Então Madson nos acreditam....- assim conversamos por horas tentando entender qual era nossa ligação, o que éramos, como reverter o efeito estatua, quem era a moça loira, qual eram nossos poderes. Em fim eram tantas perguntas que não tinham respostas e acabamos sentadas em uma sala de cor escura com quatro poltronas vermelhas

Estávamos nos olhando quando não só os meus olhos mais  de todas nós começaram a brilhar de diferentes  cores, vermelho sangue, azul marinho, verde esmeralda e violetta. Não sei como mais conseguia sentir  o poder  emanando de cada uma de nós  assim como eu podia enchergar o vento, a água ,  o fogo e a terra em cada uma de seus pensamentos.

Era algo extraordinário e inexplicável, eu tinha pensamentos e respostas fluindo por toda parte, não sei ao certo qual o nosso destino mais as lembranças esquecidas e o passado apagado será desvendado.

 


Notas Finais


Qual será o destidestino dessas 4 bruxas??
Esperem que tenhas gostado, por ai vem muito mais.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...