História BTS: Camera Prive - Capítulo 49


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Hyuna, Namjin, Vhope, Vkook, Vmin, Vmon, Yoonmin, Yoonseok
Visualizações 238
Palavras 2.920
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Não disse que ia terminar no capítulo 48 :p
O fim está no capítulo 50.

Dedicado à ~PattyMartins <3

Capítulo 49 - Mama


Fanfic / Fanfiction BTS: Camera Prive - Capítulo 49 - Mama

— Chingudeul mallo mallo malloneun...

Jimin estava no estúdio da Byeol Entertainment gravando um cover de Rumor, do Kard. Não só ele, aliás, como também Taehyung, Hyuna e Jay Park. Haviam decidido postar esse cover no youtube no dia do aniversário do ex ruivo e atual loiro, que seria daqui duas semanas. A escolha da música foi unânime, pois o Kard encaixava-se perfeitamente com eles: Taehyung era o BM, Jay era o J.Seph, Jimin era a Jiwoo e Hyuna era a Somin.

Claro que zoaram o fato de haver um Kim Taehyung no Kard e por isso mesmo, mas também pela questão do timbre da voz, nosso Taetae escolheu ser o BM, pois o único Taehyung que ele seria, seria ele mesmo.

Enfim, com os vocais já finalizados, faltava agora apenas a produção da música e isso levaria um dia inteiro, mas o trabalho já era para os produtores. Nossos quatro divos, ao terminarem, saíram do estúdio determinados a vadiar na rua. Estavam afim de relaxar e passaram em um supermercado para abastecer o carro com bebidas alcoólicas. As crianças estavam com a Gayoon e eles tinham tempo de sobra para curtir. Sem cerimônia abriram as cervejas e começaram a beber, menos Taehyung, que estava no volante, e isso só até entrar em uma rodovia deserta, logo já estava virando uma garrafa também. O carro chegava a vibrar com a altura das músicas que estavam tocando lá dentro. Os quatro cantavam e bebiam, intercalando com beijos e risadas. Decidiram estacionar no meio de um matagal para curtir as estrelas e claro que tudo terminou de forma sexual.

Aliás, estavam tão bêbados e cansados após o grande esforço que fizeram, porque meu deus, o kama sutra perdia pra eles, que acabaram adormecendo de qualquer jeito dentro do carro que agora parecia minúsculo. Acordaram cedo no dia seguinte com dores no corpo, descabelados, com a maquiagem borrada e grandes olheiras. Estavam destruídos, sem falar nas roupas que mal sabiam onde estavam e nos bancos molhados de cerveja. Vestiram-se com dificuldade e Taehyung olhou as horas: 7:34.

— Meu deus, o Taemin! — exclamou com um semblante espantado.

— Que Taemin? — Jimin esfregava os olhos mal humorado por estar se sentindo feio, porém logo se lembrou. — Ah, é, o Taemin! — arregalou os olhos.

— Temos que pegar a Hwasa também. — disse Hyuna ao namorado, ambos morrendo de preguiça.

Taehyung dirigiu para o apartamento da amiga e no caminho ficaram especulando sobre qual desculpa dariam à ela por terem dormido fora sem avisar, isso enquanto ouviam músicas proibidonas em volume alto, fazendo as pessoas dos outros carros olharem para eles. Logo começaram a rir da própria irresponsabilidade parecendo uns loucos.

— Ah, eu amo não prestar de vez em quando! — exclamou Hyuna.

Ao chegarem deram alguma desculpa esfarrapada para Gayoon, que riu deles pois era bem nítido o que andaram fazendo, mas fingiu acreditar, afinal eles mereciam se divertir.

Tanto Taemin quanto Hwasa estavam brincando com Ryan na sala, em cima do tapete de oncinha. Os pais pegaram seus respectivos bebês e Taehyung deu um beijinho em Ryan, brincando um pouquinho com ele.

— Tem certeza que querem levá-los agora? — perguntou Gayoon, pois não estava convicta de que os quatro zumbis à sua frente estivessem em condições de cuidar dos bebês.

— Estamos bem. — Taehyung piscou, percebendo a preocupação da amiga.

No entanto ela acabou convencendo-os a tirar o dia para descansar e pegar os bebês só à tarde. Os quatro foram então para o apartamento de Taehyung que era ali pertinho e tomaram um bom e demorado banho, pediram três pizzas grandes e assistiram a um filme. Jimin estava deitado no colo de Taehyung, que olhava para Hyuna e Jay Park e pensava que se estivesse solteiro já teria passado o rodo nos dois. Seus pensamentos foram interrompidos com o toque de seu celular, eram os produtores avisando que a música já estava pronta. Comemoraram com muitos beijos.

Como estavam os quatro reunidos, aproveitaram para fazer uma live e contar que parte da surpresa estava pronta e que agora só faltava a outra parte, deixando os fãs curiosos, pois até então não sabiam de surpresa nenhuma. Conversaram um pouco com eles e antes de encerrar a live Taehyung disse que tinha um pedido a fazer:

— Pessoal, vão dar view no Monsta X, é sério, eles são demais, votem neles no Mama. — dizendo isso fez o símbolo do amor com os dedos e então encerraram a live.

— Monsta X? — Jimin perguntou, não conhecia esse grupo.

Taehyung colocou um mv deles para assistirem. Era Trespass.

— Nuss que gato! — Hyuna apontou para um garoto de cabelo branco. — Ele tem o sorriso muito fofo… — derreteu-se.

— Esse é o Minhyuk. — disse Taehyung.

Jay Park estava cantando o refrão, pois curtiu a música.

— E esse aqui é quem? — Jimin apontou para um garoto bonito e cheio de charme.

Taehyung riu, sabia que ele seria o bias do namorado.

— É o Jooheon, inclusive ele é libriano igual a você.

— Esse aqui também é gato. — apontou para outro.

— É o I.M.

— Gente! — exclamaram Hyuna e Jimin ao mesmo tempo. — Esse aqui é o meme!

— É sério que vocês compartilham tanto os memes do cara e sequer sabem de qual grupo ele é? — disse Jay enquanto Taehyung colocava o mv de Beautiful.

— É o Hyungwon. — o garoto respondeu.

— Eles nem tem o first win, ouvi dizer… — disse Jay Park.

— Não, mas eles merecem, não é? — disse Taehyung enquanto Hyuna e Jimin prestavam atenção no mv.

— Com certeza! — exclamou Jay, que certamente iria procurar por mais músicas deles pra ouvir.

— Eles são ótimos. — disse Jimin. — Vamos criar uma tag de apoio no twitter e votar muito! Eles merecem muito amor.

Hyuna concordou.

#VoteMonstaXforMAMA.

Quando assistiram o mv de Hero as atenções se voltaram para um determinado garoto e tanto Taehyung quanto Jay Park não se surpreenderam com isso.

— O Wonho é mais que um abs, só pra constar… — disse o namorado de Jimin.

***

O 2ne1, grupo de Chaerin, a irmã de Yoongi, havia debutado em junho daquele ano e Cypher, grupo de Yoongi, Namjoon, Hoseok e Jin, havia debutado um mês depois. Ambos foram calorosamente recebido pelos fãs que já haviam conquistado e muitos outros vieram. O fato do grupo Cypher ser composto por dois casais acabou gerando rebuliço entre os idols, que começaram a querer assumir os relacionamentos com seus colegas de grupo. Exo que o diga, mas a empresa mandou que os dois membros conhecidos por sua alta e baixa altura respectivamente, sossegassem o facho. E eles sossegaram. Por enquanto…

Com o fim das promoções da música de debut, o grupo Cypher ganhou uma semana de folga antes de voltar ao estúdio para trabalhar no próximo comeback. Por sorte essa semana era justamente a que antecedia o aniversário de Jimin e por isso foram para a casa dele aproveitar os dias de folga.

Taehyung estava com Taemin no colo sentado numa mesa da lanchonete do aeroporto, pois estava esperando o grupo Cypher desembarcar. Do outro lado da mesa estava Jay Park com a filha Hwasa. Jimin e Hyuna estavam na banca de revistas ali perto.

— Você é mesmo o V do Camera Prive né? — Jay perguntou.

Taehyung riu.

— Um colega de site reconhece o outro, né? — piscou. — Por que você decidiu trabalhar lá? — quis saber por curiosidade.

— Ah cara, — o garoto riu, — tirar a roupa nunca foi problema pra mim, então ganhar uma grana fácil com isso era moleza e eu topei o negócio.

Taehyung entendia o lado dele. Contudo, ambos concordaram que, apesar de não se arrependerem de ter trabalhado naquele site, não voltariam a se objetificar.

— Era meio vazio naquela época… — disse Jay e Taehyung concordou.

— E programa, você fazia?

— Não. — o garoto respondeu. — Você fazia né?

Taehyung riu meio sem jeito e assentiu. Logo Hyuna e Jimin chegaram com os braços abarrotados de revistas femininas.

— Sobre o que estão falando? — Jimin perguntou.

— Sobre… — Taehyung ia dizer alguma coisa mas Taemin pegou seu celular e começou a batê-lo na mesa, atraindo as atenções para si. — Taemin! — ralhou com o bebê.

O avião chegou nesse momento e, como esperado, Jin correu e pegou o Taemin no colo. Tanto ele quanto Namjoon ficaram mimando o bebê. Hoseok e Yoongi vieram abraçados logo atrás. Foram recebidos calorosamente e então foram todos para a casa de Jimin para comemorar.

E foi lá que o projeto do cover de Rumor entrou em discussão. Hoseok foi eleito o coreógrafo do mv e então passaram a semana trabalhando nisso. Jimin, após ter surpreendido nos vocais, surpreendeu também na dança e lembrou que sempre treinava com Hoseok quando este ainda era seu empregado.

— Bons tempos aqueles… — murmurou nostálgico.

Enquanto isso Jin insistia com Taehyung que queria ver novamente o menininho do dia lá da festa do Jimin.

— O Oompa Loompa? — perguntou Taehyung.

— Tadinho Tae, que apelido nada a ver esse aí. — disse Jin. — Mas é esse menino mesmo. — riu. — Adorei ele.

Taehyung então levou o casal Namjin até o abrigo e logo o famoso Oompa Loompa apareceu, dando um forte abraço em Jin, que se emocionou ao vê-lo. Passaram o dia lá e Jin insistiu em levar o garoto para passar o resto da semana com eles.

Enquanto isso os treinos para a gravação do mv do cover de Rumor iam de bom a melhor. Divertiam-se muito, sobretudo depois que Yoongi decidiu participar. Não demorou muito para gravarem, pois logo pegaram o ritmo do negócio.

E ficou bom, ficou charmoso. Além de Jimin, Taehyung, Hyuna, Jay, Hoseok e Yoongi, também participaram o Namjoon, o Jin, a Gayoon e as meninas do abrigo, além de Sunny.

Chegou o dia de postar, que era também o aniversário de Jimin. Em meio à festa que estavam fazendo em sua casa, uparam o vídeo no youtube e ficaram festejando e acompanhando o surto dos fãs. Exatamente como Jimin amava, vivia para isso.

Acabou, então, os dias de folga do grupo Cypher e eles iriam voltar para o estúdio. Levaram Oompa Loompa de volta para o abrigo, mas Jin prometeu que iria buscá-lo assim que pudesse. Tanto ele quanto Namjoon estavam de acordo com isso.

— É sério?! — Taehyung estava empolgado enquanto seguiam para o aeroporto. — Vão mesmo adotar ele?!

O casal Namjin assentiu.

— A gente sentiu que é o momento certo e que ele é o garoto certo. — disse Jin dando um beijo em Namjoon.

— Ele é um menino maravilhoso, eu mesmo o teria adotado se o sistema não fosse tão burocrático. — os olhos de Taehyung brilhavam.

— Estamos muito bem só com o Taemin. — Jimin brincou, porém falando sério ao mesmo tempo, afinal o filho estava fazendo bagunça em seu colo e só ele já era custoso por dois.

Ao chegarem, todos se sentaram numa lanchonete enquanto esperavam pelo avião.

— E a Chaerin? — Hyuna perguntou para Yoongi. — Tem notícias dela?

Yoongi deu de ombros.

— Tá em Nova Iorque, aquela piolho de Estados Unidos.

Riram.

— Tá com saudade dela, né? Te conheço. — disse Jimin.

Yoongi sorriu meio envergonhado.

— Ah, tô né, fazer o quê…

Hoseok deu-lhe um beijinho.

Antes de embarcarem, despediram-se afetuosamente e tiraram muitas selfies. Yoongi e Hoseok também estavam empolgados com o fato de que seriam “titios” e os quatro ficaram conversando sobre a novidade da adoção.

Quanto à Jimin e Taehyung, os dois haviam pregado adesivos em seu carro e no carro de Hyuna com os dizeres “dêem views no Monsta X”. Os quatro então partiram para o aconchego de seus lares.

***

Estavam no mês de dezembro, mais especificamente no dia do Mama. Taehyung havia sido convidado para entregar o prêmio de Música do Ano e estava empolgado com isso.

— Cara, nem acredito que vou ficar no meio de tanto idol. — disse Jimin enquanto arrumava o cabelo do namorado dentro do camarim.

— Você agora é um deles. — disse Taehyung, dando um grande beijo na boca do garoto.

Os dois foram se sentar em suas mesas redondas. Sentaram-se junto com a Hyuna e o Jay Park. A mesa deles estava perto da mesa do Exo, do Got7 e do Twice.

— Olha lá, Jiminnie, o tanto que o Jackson é gostoso! — disse Hyuna, apontando para um garoto platinado que estava conversando energeticamente com Namjoon enquanto Jin apenas observava.

— Acho que o Jin tá com ciúme. — disse Taehyung.

— Mas ele nunca desce do salto. — disse Jimin.

— Em público. — Taehyung riu.

Yoongi e Hoseok estavam conversando entre si quando Hyungwoon e Wonho chegaram puxando assunto e então os quatro engataram em uma boa conversa.

Um garoto passou depressa pela mesa de Jimin e disse “oi” para Taehyung.

— Gente, ele é ainda mais bonito ao vivo. — disse Hyuna com os olhos brilhando.

— Ah, esse Taeyong… — Jimin suspirou.

Taehyung e Jay Park só observavam.

— E aí? — disse Baekhyun.

— Tudo bem? — disse Chanyeol.

Assim que ambos se aproximaram da mesa para trocar algumas palavras com Taehyung, tanto Jimin quanto Hyuna começaram com os famosos cochichinhos e os mini infartos.

Deu então a hora de Taehyung apresentar o prêmio e ele foi para o camarim se preparar. No caminho trombou com Kai e sentiu um grande choque percorrer seu corpo e não o encarou. Jimin estava tão orgulhoso do namorado que mesmo sabendo haver trocentas câmeras ali, fez questão de filmar ele mesmo aquele momento.

Taehyung subiu ao palco e foi aplaudido. Sorriu meio tímido, o que o deixava naturalmente fofo. Abriu o envelope e não conteve a satisfação.

— Nossa, nem acredito que vou ter a honra de dar eu mesmo o prêmio pra eles. — encarou o público. — Não que os outros grupos não sejam bons, são todos maravilhosos, não me joguem hate. — riu. — O prêmio de Música do Ano vai para… — fez suspense. — Monsta X!

Todos os grupos se levantaram e começaram a aplaudir, os Monbebes gritaram balançando os lightsticks e o assunto já estava fervendo no twitter, afinal, sabe como é, o povo é rápido com as fofocas.

O Monsta X, no entanto, permaneceu de pé aplaudindo.

Taehyung pigarreou.

— Monsta X! — repetiu.

Foi nesse momento que a ficha deles caiu.

— Meu deus, é a gente! — disse Wonho já chorando e fazendo Minhyuk chorar também.

Estavam tão emocionados que custaram acertar o caminho do palco. Cumprimentaram Taehyung e logo Shownu, como bom líder, pegou o microfone e começou a agradecer, apesar de ter esquecido por um momento como falar. Passou então o microfone para Wonho e no final todos se abraçaram em uma cena que emocionou tanto os fãs quanto os não fãs. E não era para menos, tratava-se do first win deles, o qual suaram muito para conseguir e era mais que merecido.

Taehyung olhava-os orgulhoso, sabia que se tivesse um grupo seria bem assim também. Pensou por um momento em qual seria o grupo perfeito para ele e lhe veio à mente um grupo de 7 membros: ele mesmo, Jimin, Namjoon, Jin, Yoongi, Hoseok e… E Jungkook. Sorriu. Se não fosse essa formação não seria realmente um grupo completo.

Cypher e 2ne1 ganharam o prêmio de Rookies do Ano e logo se apresentaram. Ao final, Taehyung, Jimin, Hyuna e Jay Park foram convidados a performar o cover de Rumor que tanto fizera sucesso na internet e Hoseok brotou para dançar com eles, foi bastante divertido.

Após todos descerem do palco Taehyung pegou o microfone e disse:

— Vocês devem estar pensando que acabou, né… — sorriu. — Mas falta ainda uma coisa muito importante.

Isso atraiu todas atenções, pois nem os organizadores do Mama sabiam do que se tratava.

— Todo mundo sabe que eu amo o Jimin e… — as câmeras filmaram o referido garoto, que estava vermelho de timidez. — Bom, sei que devia ter feito isso antes, mas queria que fosse grandioso assim como ele é. — sorriu para o namorado, que não estava entendendo nada. — Jimin… — Taehyung se ajoelhou e pegou algo no bolso de seu terno. — Quer casar comigo? — abriu uma caixinha que exibia um belo anel de diamante.

Jimin quase morreu com isso, suas pernas ficaram bambas e o ar sumiu por um momento. Estava abismado e não acreditava no nível de ser humano com o qual havia se deparado, achava-o genial*. Subiu ao palco com a ajuda de Chanyeol e Taeyong, que sorriam para ele com aquelas caras bonitas, fazendo-o querer surtar, mas não era possível porque já estava surtando em nível máximo. Ao subir no palco, pegou o anel e não disse nada, apenas deu em Taehyung o beijo mais romântico de sua vida.

Todo mundo começou a aplaudir, muitos ainda estavam boquiabertos, afinal era o Mama cara, o mundo inteiro estava assistindo àquela cena.

Jimin pegou o microfone e, mesmo tentando ao máximo, não conseguiu conter as lágrimas, então deixou que elas caíssem aos montes.

— Eu aceito. — sua voz falhava de emoção.

Taehyung e Jimin se abraçaram forte e Hyuna não podia estar mais orgulhosa e surpresa, pois nem ela fazia ideia de que isso iria acontecer. E logo foi a vez dela de sentir as pernas bambas pois Jay Park também fez o pedido a nível mundial.

Depois foi o Namjoon e Jin, que já estava chorando litros, saiu de lá quase desidratado. Da mesma forma saiu o Hoseok, pois Yoongi também o pediu em casamento.

Aproveitando a onda, Chanyeol subiu no palco e pediu Baekhyun em casamento, que disse não.

— Quê?! — Chanyeol arregalou os olhos, que já eram grandes. — Você disse ontem que me amava e…

Baekhyun riu.

— To zuando, bobão, eu aceito sim. — disse Baek, tascando em seguida um grande beijo em seu homem.

Fizeram uma grande festa ali mesmo e os organizadores já estavam comemorando o fato deste ter sido o Mama mais assistido da história.

O Monsta X ainda estava chorando de emoção...


Notas Finais


*Palavras da minha queridíssima ~PattyMartins <3
Tô lendo seu comentário até hoje, acredita? Eu mesma fiquei tão abismada com o nível de comentário que me deparei que tive de homenageá-lo na fic.
Menina, eu nem te conheço, mas te amo!! <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...