História BTS Imagine - Kim Taehyung - Muito além do limite - Capítulo 55


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys, Exo, Got7, Kim Taehyung
Exibições 963
Palavras 1.084
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Comédia, Escolar, Hentai, Luta, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


O Ensino Médio não será fácil pra (S/N), mas ela não vai deixar ninguém passar por cima dela, muito menos Kim Taehyung, veja oque acontecerá nesse capítulo.

Capítulo 55 - Primos?


No Capítulo anterior

 

Ele pegou uma faca e cortou o dedo dele.

 

Eu: TÁ FICANDO LOUCO?

Mark: Não é muito difícil de descobrir se você é uma vampira também.

 

 Eu estava começando a ficar doida, o cheiro do sangue do Mark era melhor do que o do Taehyung.

 

Mark: Eu vou deixar você beber meu sangue.

 

 Quando eu avancei para beber o sangue dele, ele me grudou no pescoço

 

Mark: Não quero que beba aqui, tem um lugar bem melhor.

 

Ele cortou os lábios dele, estava pingando sangue sem parar, tive que fazer isso, eu estava morrendo de fome, beijei ele, na hora ouvi a porta abrir.

 

Tae: SABIA!

~~~~~~~~~*-*~~~~~~~~~~~~~~~~~*-*~~~~~~~~~~~~~~~~~*-*~~~~~~~~

 

Ele me puxou com tudo, eu estava tão faminta, voltei aos braços do Mark e continuei lambendo os lábios dele.

 

Tae: Desgraçado.

 

 Ele me puxou novamente e me segurou com toda força.

 

Eu: ME SOLTAA!

Tae: Eu falei se estivesse com fome vinha à mim! Eu te daria meu sangue.

Eu: Há sangue melhor que o seu, me solta!!

 

 O Mark me puxou, ele me beijou.

 

Tae: Prefere o sangue dele né? Beleza então, não tenho nada com você mais. E você Mark, controle ela se puder.

 

 Eu ouvia passos dele indo embora, o beijo do Mark era tão bom, o sangue dele ajudava mais ainda.

 

Mark: Desse jeito eu fico sem boca.

Eu: Então deixa eu tirar ela..

Mark: Não, se não como vou te beijar de novo.

 

Jackson: Que porra! Mark, sua boca tá sangrando!

Mark: Eu sei.

 

Jackson: A boca da S/N também!

Mark: Eu sei.

 

Jackson: O que vocês fizeram?

 

Mark: Ela me mordeu muito forte.

 

Jackson: Gente, se querem transar entrem e se tranquem no quarto, não precisa fazer isso não.

 

Mark: Vai te cat..

 

 Beijei ele, eu precisava do sangue dele, era tão boom.

 

Jackson: Aish! Seus nojento.

 

 Ouvi a porta abrir e fechar, provavelmente o Jackson entrou, o Mark logo me empurrou.

 

Mark: Desse jeito não, está me machucando.

Eu: Não aguento..

 

 Avancei nele, acabei o derrubando.

 

Mark: Vamos fazer isso lá dentro, como o Jackson falou, se não alguém pode perceber.

Eu: Não ligo.. Me beija.

Mark: Vamos, eu deixo você morder meu pescoço.

 

 Ele me levantou e entramos.

 

BamBam: QUE CARALHOS MARK! OLHA A BOCA DE VOCÊS.

Jackson: Deixa eles, isso é falta de transa.

Mark: Estamos indo transar agora, então não nos atrapalhe.

Junior: Gente, esse Mark tá muito atiçado hoje, roubou ela do namorado.

Jackson: Pois é minino.

 

 Subimos, eu e o Mark entramos, ele trancou a porta.

 

Eu: Vai me deixar morder seu pescoço?

Mark: Vou deixar você morder muito mais.

 

 Ele me empurrou na cama e começou a tirar minha roupa.

 

Mark: Você é tão gostosa.

Eu: E você é tão safado.

 

 Ele beijou meu corpo, eu virei ele, ficando por cima dele e comecei a tirar a roupa dele.

 

Mark: Gosto de garotas como você.

Eu: É mesmo?

 

 Tirei a camisa dele, e mordi o pescoço.

 

Mark: Parece que não bebe sangue à séculos.. Ah! Doi.. vai devagar.

 

 Eu realmente bebi muito sangue dele, não aguentei mais e parei.

 

Eu: Enchi.

Mark: Então.. onde estávamos?

Eu: .. Aqui.

 

 Tirei a calça dele, fui indo, transamos.. Mas era como se eu não estivesse ali, minha mente estava viajando.

 

Mark: S/N? S/N??

Eu: OI?

Mark: Eu estou dando meu melhor e você não demonstra nenhuma reação.

Eu: Desculpe.. eu.. eu não posso fazer isso.

 

 Ele já estava dentro de mim.

 

Mark: Tudo bem, eu entendo.

 

 Ele tirou seu membro de mim, fez o resto do trabalho sozinho, despejou no banheiro, na privada.

 

Eu: Desculpa mesmo.

Mark: Tudo bem, não é culpa sua, é minha.

Eu: Vou colocar minha roupa.

Mark: Que tal tomarmos banho juntos? Não vou fazer nada, só quero relaxar um pouco sua cabeça.

Eu: Tudo bem.

 

 Peguei a roupa que eu iria usar, ele já tinha ligado o chuveiro, já estava debaixo dele ligado.

 

Mark: Venha.

 

 Eu entrei, ele pegou o sabão e foi passando no meu corpo.

 

Eu: Mark, eu.. eu não quero te magoar mas..

Mark: Eu entendi, sei que gosta dele, eu.. Apenas quero que você se lembre de quem ele realmente é.

Eu: Eu fiz o mesmo que ele, apenas usei.

Mark: Mas eu pedi.

Eu: Mark, eu queria muito ter te conhecido primeiro, o Taehyung não vale nada, sei disso, mas eu gosto dele do jeito que ele é.

Mark: Sei.. Desculpe, eu estarei sempre do seu lado quando precisar.

Eu: Obrigada.

 

 Ele terminou de passar o sabão em mim, entrei debaixo d’água e comecei a passar o sabão nele.

 

Mark: Como se conheceram?

Eu: Quer mesmo saber?

Mark: Sim, afinal agora ele é meu rival, tenho que dar o meu melhor para conquistar seu coração, fazer melhor que ele.

Eu: MARK!

Mark: Desculpe. – ele riu – Apenas quero saber mesmo, só pra puxar assunto.

Eu: Tem tantas coisas pra conversar.. mas enfim, vou te contar, não é segredo.

Mark: Ok, então me conte.

Eu: Quando eu cheguei aqui, o meu amigo me levou pra conhecer a cidade, passamos numa loja de conveniência, ele estava me olhando da janela, quando eu sai ele me seguiu até em casa.

Mark: Nossa, que bosta. – Ele riu.

Eu: Quando fui pra escola, ele estava na mesma sala que eu, acabamos nos conhecendo, pois meu amigo era amigo dele.

Mark: Ah.. Quem é seu amigo?

Eu: O Dong.. conhece?

Mark: Oh não..

 

 Ele se virou e ficou me olhando.

 

Eu: Que foi?

Mark: Seu namorado.. se chama como mesmo?

Eu: Taehyung.

Mark: Tinha até me esquecido.. Você tem um dedo podre.

Eu: Por quê o Taehyung não presta?

Mark: Esses meninos são os anjos caídos, não vale nem o que come.

Eu: Como assim?

Mark: O Taehyung, o nome dele não é esse.

Eu: Claro que é, mas ele pede pra chama-lo de V.

Mark: Então era ele desde o começo, ele é pior do que eu falei mesmo.

Eu: Para de enrolar!

Mark: Sabe quando eu te falei que ele matou o meu amigo? Por rir da cara dele?

Eu: Sim.. e daí?

Mark: Se ele tivesse feito só isso..

Eu: Eu sei a história da garota, sei de tudo já Mark.

Mark: Foi só isso que te contaram? Então deixa pra lá, prefiro nem contar o resto.

Eu: Aff, me conta né. Já chegou até aqui.

Mark: A empregada quem te falou não foi?

Eu: Foi.

Mark: Ela esconde a história, igual os outros.

Eu: E como sabe disso tudo?

Mark: Eu sou o primo do V.


Notas Finais


Espero que tenham gostado! Desculpem quais quer erro.

Veja a fanfic do Jimin - Primeira temporada > https://spiritfanfics.com/historia/bts-imagine--jimin--dependent-love-6469020/capitulo1
Segunda temporada > https://spiritfanfics.com/historia/bts-imagine--jimin--dependent-love-2-6887631/capitulo1

Fanfic do Jungkook > https://spiritfanfics.com/historia/bts-imagine--jungkook--amor-concreto-7046113/capitulo1
------------------------------------------------------------------------------
Hoje postarei no horário certo.
Inclusive, postarei duas 15:30 e 23:30 < Só porque não postei no sábado, preciso que saia na ordem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...