História Bts V- amor ou possessão? - Capítulo 11


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Exibições 103
Palavras 686
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Escolar, Festa, Hentai
Avisos: Insinuação de sexo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meus amores desculpem a demora.
Boa leitura😉😍

Capítulo 11 - Doença?


Depois de eu ter desmaiado kook me levou para o hospital e eu fiquei bem. O acampamento acabou depois de tudo aquilo e fomos todos para casa... Mas eu precisava fazer alguma coisa para me vingar do V, então decidi ir a casa dele para tirar algumas satisfações. 

-- V... V... -- falei enquanto batia na porta. 

até que alguém atende a porta. 

-- o que vc quer? -- V me pergunta seco e frio. 

-- o que eu quero?  Eu quero te matar! Vc ainda pergunta! Vc quase me estrupou e me pergunta o que foi?! Aff vc é ridículo! -- eu disse brava e quase chorando. 

-- olha ___, se vc não quiser que isso se repita é só ficar longe de mim ok... minha intenção nunca foi te machucar mas as vezes eu realmente não me controlo. pare de chorar não gosto de te ver assim -- ele falou triste. 

-- eu só queria que vc sumisse da minha vida para sempre v! -- eu falei chorando. 

-- desculpa, eu sei que isso não vai amenizar nada mais eu realmente te amo e pesso  desculpas. 

-- se vc me ama vai embora é me esquece eu amo o jungkook agora e nada que vc fassa vai mudar isso! -- falei indo embora. 

Quando entrei em casa vi minha avó me olhando com uma cara de preocupada e logo ela me chamou para conversar. 

-- a gente precisa conversar minha filha. -- disse ela. 

-- vó está tudo bem? -- perguntei. 

-- o que eu vou falar é bem difícil para mim mas vai ser mais difícil para vc... -- ela falou. 

-- fala logo vó! -- falei. 

-- bom antes de sua mãe morrer ela falou que eu só poderia revelar este segredo para vc quando vc estivesse com 18 anos, então como vc já tem eu preciso te falar... -- ela falou. 

-- fala logo vó... -- eu já estava começando a lacrimejar. 

-- tabom, ___ vc tem uma doença muito grave. -- ela falou. 

-- c-como assim... que doença?! ( eu já estava chorando e minha avó também  ). 

-- vc não pode namorar... na verdade vc não pode ingravidar... por que se vc ingravidar pode morrer. -- ela falou me abraçando bem forte. 

-- que? Como assim? Isso é verdade mesmo? -- eu disse. 

-- sim, é verdade minha filha eu sinto muito. Vc nasceu com uma doença um pouco  rrara e vc não pode ingravidar se nao vc tem um grande risco de morrer, eu não queria te contar isso mas eu precisava agora que eu sei que vc e o jungkook namoram... 

  -- ok vó não quero mais saber desse assunto eu vou pro meu quarto. -- falei e subi para o meu quarto e dormi. 

        ~ QUEBRA DE TEMPO ~

Acordei e hoje não iria ter aula então fiz tudo que eu Fasso todos os dias tomei café e fui assistir TV um pouco, quando v chega. 

-- Olá vovozona! -- ele fala. 

-- Olha como vc fala comigo em sua peste! Ela fala e sobe pro quarto.

-- o que vc quer aqui V? 

-- eu ouvi sua conversa com sua avó ontem... 

-- seu fuchiqueiro para de ouvir minhas conversas ouviu! 

-- aff ok. 

-- e vai embora! Sabia que eu te odeio?! 

-- e sabia que eu te amo! 

-- aff... tchau! 

-- não vou ficar aqui! Para te fazer companhia. 

-- não quero sua " companhia" 

-- e quem disse que vc tem que querer em... Eu vou ficar sim.

Eu realmente fiquei morrendo de raiva mas não queria ficar sozinha então... logo alguém bate na porta e o v vai atender. 

-- jungkook? O que vc está fazendo aqui? 

-- eu que te pergunto seu pervertido! Sai da casa da minha namorada agora! 

-- vem fazê... vem fazê... -- V fala pulando e fazendo careta. 

-- nossa como vc é infantil né. -- jungkook fala o empurrando e entrando na casa. 

-- oi amor. 

-- oiii kook! 

-- posso saber por que tá dando liberdade para este pivete entrar aqui?!  -- ele pergunta bem bravo. 


 




Notas Finais


Espero que vcs tenham gostado bjs e tchau.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...