História Bubbline: uma historia de Amor - Capítulo 139


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Marceline, Princesa Jujuba
Tags Bubbline
Exibições 46
Palavras 1.041
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Fantasia, Magia, Romance e Novela, Shoujo-Ai
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


espero que gostem <333

Capítulo 139 - 2 temp: morte...


POV: Ice

                -eu sei Ice, eu sei que você matou o Victor – falou e eu meu mundo parou, como ela descobriu isso? E o mais importando como eu vou explica-la?

                -n-não foi minha c-culpa – falei já sentindo meus olhos com lagrimas, eu não queria lembrar disse, não mesmo.

                -COMO A CULPA NÃO FOI SUA, ICE VOCÊ MATOU ALGUÉM, ICE – gritou, eu andei para baixa a encarando, ela estava com lagrimas nos olhos – ICE VOCÊ É UMA ASSASSINA.

                Senti meus olhos se encherem de lagrimas, e cai de joelho no chão.

                Eu não sou uma assassina, eu não sou uma assassina, eu não sou uma assassina, aquilo não foi minha culpa.

                -EU NÃO SOU ASSASINA – gritei e limpei minhas lagrimas, eu não quero me lembrar do passado.

                -ICE VOCÊ MATOU O VICTOR, VOCÊ NÃO TINHA MOTIVO PARA FAZER ISSO – gritou para mim, me levantei, Victor não era quem Lívia estava pensando, ele nunca foi.

                -EU NÃO QUERO LEMBRAR DISSO – falei, sai correndo da sala, não olhei para trás, eu só queria ir ara qualquer lugar.

POV: Cup

                Estava andando pela escola, eu não tinha muito o que fazer, eu só estava esperando minha irmã resolver aparecer, porque ela veio procurar a Lívia e não voltou.

                -EU NÃO QUERO LEMBRAR DISSE – escutei a voz da Ice, olhei em volta, minha irmã saiu para minha direção oposta correndo, o que aconteceu? Agora fiquei preocupado.

                Andei ate perto da sala, olhei para dentro e vi a Lívia chorando sentada em uma cadeira, será que elas brigaram? Não sei. Entrei na sala e fui ate perto da Lívia, ela estava de costa, coloquei minha mão no seu ombro, ela deu um pulo de susto e depois olhou para mim.

                -Cup – ela falou ao me notar do seu lado, Lívia estava sentada, então peguei uma cadeira e me sentei na sua frente.

                -o que aconteceu aqui? – perguntei, Lívia olhou para trás, no caso para porta.

                -e-eu d-descobrir que a Ice matou o Victor – falou e eu me assustei, não pela noticia porque eu já sabia.

                Não, não, não, não, não, a Ice deve estar arrasada, Ice não fica bem ao falar sobre isso, ela fica arrasada e só melhora depois de ficar algum tempo sozinha.

                -merda! – falei, Lívia me olhou sem entender, talvez ela esperasse outra reação, mas não posso fazer nada, eu já sabia – Lívia, eu já sabia – falei e Lívia parecia se assustar mais ainda.

                -a Ice matou alguém, ela matou o Victor – Lívia parecia não acreditar no que descobriu.

                -Lívia a Ice não fez isso porque quis, ela teve um motivo, ela deve uma historia – falei.

                -qual historia? – Lívia perguntou me encarando – por favor me conta, a Ice e importante para mim.

                -ok – falei – a Ice não conseguiria contar mesmo – falei e respirei fundo, eu iria me contar tudo como a Ice me contou, mesmo que tenha demorado muito para ela me contar – tudo começou quando...

 

POV: Ice

                E lá estava eu pensando sobre isso novamente, mesmo que eu não queria, eu sempre lembro.

                FLASHBACK ON

                -QUE MERDA ICE, VOCÊ QUE O QUE? ROUBAR TUDO DE MIM?! – Victor gritou para mim enquanto estávamos naquele beco sem saída, eu não estava entendendo o que ele estava falando, ou do que ele estava falando – JÁ BASTAVA A MINHA IRMÃ, AGORA A LÍVIA TAMBEM? EU SEMPRE ACHEI VOCÊ UMA VADIA, MAS AGORA EU TENHO CERTEZA – do que ele ta falando eu não faço ideia, eu sei a sua irmã, gosta muito de mim, como amiga, claro, mas o que tem a Lívia? – VOCÊ GOSTA DA ALEX, EU SEI QUE GOSTA, EU SEI QUE VOCÊ NÃO E SANTA ICE, MAS PORQUE A LÍVIA TINHA QUE SER TÃO TROUXA? – porque a Lívia e trouxa? – SUA VADIA! – ele gritou e tirou uma faca do bolso de seu casaco, me assustei, o que ele vai fazer? – VOCÊ VAI MORRER – ele correu na minha direção segurando aquela faca, comecei a correr pra trás, ele vai me matar.

                Corri por esse beco, mas era um lugar lotado de coisas, Victor me pediu para me encontrar com ele aqui porque queria conversa, claro que achei estranho mais ele é meu primo então aceitei, mas agora eu vou morrer.

                -VICTOR PARA – gritei, eu estava com medo, não queria morrer, não mesmo – VICTOR EU NÃO SEI DO QUE VOCÊ TA FALANDO, P-PARA POR FAVOR – pedi mais e como se ele não escutasse, por sorte eu sou mais rápida que ele, mesmo que Victor seja dois anos mais velho.

                -MORRE ICE – gritou, pegou sua faca e lançou na minha direção, desviei por um segundo, eu estava suando, eu quase morri, continuei correndo, mas eu estava chegando no final do beco, merda estava ficando encurralada – QUE MERDA – olhei um pouco para trás, ele pegou outra arma no seu bolso.

                Sem notar para onde andava eu cai no chão tropeçando em uma pedra, me virei mais não consegui me levantar, Victor continuava correndo na minha direção, olhei em volta para ver se encontrava algo para me defender, vi a faca que Victor tinha lançado antes, me aproximei e peguei a faca.

                -MORRE – Victor gritou e se jogou em cima de mim colocando a sua faca no meu pescoço – ultimas palavr... – estes que ele terminasse de falar enfiei a faca na sua barriga, ele parecia que tinha paralisado, mas logo depois caio do meu lado.

                -Victor? – chamei assustada e me levantando, eu avia matado algum, joguei a faca suja de sangue no chão e observei o Victor no chão, senti lagrimas, eu tinha matado alguém.

                -e-eu vou voltar Ice – Victor falou e depois seus olhos se fecharam, ele tinha morrido, eu tinha o matado, não, não, não, eu sou uma assassina.

                FLASHBACK OFF

 

POV: Cup

                Terminei de contar tudo para Lívia, ela parecia meio chocada, talvez por saber a verdadeira natureza do Victor.

                -eu não acredito – Lívia falou – a Ice quase morreu por culpa do Victor.

                -sim – falei – a Ice não quis matar o Victor, ela fez isso para se defender.

                -eu tenho que procura-la – Lívia falou se tentando se levantar mais eu a lhe impedir.

                -Lívia, agora não, Ice precisa pensar – falei, Lívia concordou triste, notei que ela se sentia culpada – Lívia a culpa não e sua, você simplesmente não sabia, Ice entendera isso.

                -assim espero – Lívia falou triste.


Notas Finais


eita! kkkkkk como vocês estão ao descobrir isso?
comentem que me anima <333


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...