História Bubline: os opostos se atraem - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Brad, Cake, Finn, Fionna, Jake, Lady Íris, Litch, Marceline, Marshall Lee, Mordomo Menta, Personagens Originais, Princesa Caroço, Princesa De Fogo, Princesa Jujuba, Principe Chiclete, Príncipe de Fogo, Rainha Gelada, Rei Gelado
Tags Bubbline
Exibições 154
Palavras 1.179
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Fantasia, Hentai, Magia, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ignorem os erros, boa leitura!!

Capítulo 32 - Lina voltou


Fanfic / Fanfiction Bubline: os opostos se atraem - Capítulo 32 - Lina voltou

                Pov's Lina on
Estava nas costas de castiel, ele corria muito, os capangas de Litch correndo atrás da gente e atirando, então chegamos no carro, castiel me colocou no banco do passageiro, deu a gols e entrou, então deu partida, fomos a alta velocidade

-Esta bem Lina?? -ele perguntou ofegante

-estou obrigada por ter me salvado Castiel -eu disse

-você sabe como eu te amo Lina, nunca deixaria alguem te machucar, eu queria ter chegado antes, queria te resgatar antes, infelizmente só descobri hoje onde estava meu amor -ele disse com lagrimas nos olhos e acariciando meu rosto enquanto dirigia eu segurei sua mao

-ta tudo bem... Eu te amo

-eu também minha Lina

Ficamos o resto do caminho em silencio, quando finalmente ele parou o carro em frente ao hospital e olhou pra mim

-Lina...

-Não castiel, não quero ir no hospital, eu quero ficar contigo, quero você, quero que... -eu abaixei a cabeca -...quero que cuide de mim

-Oh meu amor, vem cá -ele disse

Fui ate ele e o mesmo me envolveu num abraço, me aqueceu, e pela primeira vez em três semanas eu me senti segura

Nos separamos e ele novamente deu partida com o carro, fomos ate a casa dele, elecompleto acompleto  me levou ate o quarto

                      ***

Eu já estava bem, Castiel cuidou e mim, e de meus machucados, e a melhor noticia, eu e ele voltamos

Agora ele tava terminando de fazer ensopado legumes e carne

Quando ensopado ficou pronto ele veio trazer

-aqui esta Lina... Argh -ele ez cara de dor

-o que houve amor?? -eu perguntei levantando rapidamente

-ele segurava os ombros

Tirei sua jaqueta e pude ver um sangramento forte

-Castiel, precisamos ir ao hospital agora! -eu disse e ele assentiu

Levei ele de carro ate o hospital, chegando lá levaram ele pra dentro, depois de mais ou menos 2 horas o medico voltou

-srt. Bartoli, O Sr. Castiel perdeu sangue demais, e não temos o sangue dele aqui

-qual é??

-O+

           Pov's Marcy on
Acordei era 6:30 da manha, acordei atrasada, me levantei rápido, tomei meu banho, vesti um vestido todo preto, ate o joelho, e um salto

Peguei minha bolsa, meu celular e fones e sai dali correndo, fui ate meu carro, pois não daria pra ir de moto por causa do vestido, e fui até o colégio

Cheguei e avistei Bonnie, estava conversando com a galera, fui então ate Karla que estava com Cake conversando separadamente do grupo

-eae Karla, posso falar contigo um instante??

-claro

Ela veio comigo ate uma arvore e eu encostei na mesma

-foi ver Betty??

-não... Eu viu ir hoje -ela disse

-okay, era só isso, beijos Karlinha

-beijos Marcinha!

Fui ate Bonnie sen ela perceber, e entrelacei meus braços em sua cintura, e dando uma mordida em seu pescoço, ela deu um pulo de susto

-Oi amor -eu falei no ouvido dela

-oi Marcy

-o casal?? A gente existe ta?? E não somos obrigados a ver essa melacao ai não -Caroço disse

-Caroço, faça-me o favor, você vive de pegação com Brad, então xiu -eu disse

Caroço me fuzilou com o olhar mas eu nem liguei, e todos riram com o meu comentário, ficamos conversando ate que Karla que agora estava no grupo paralisou

-Karla?? Tudo bem?? -perguntamos

-para o que ela ta olhando?? -Fionna perguntou

Então ao me virar eu vi, era Lina...

                Pov's Bonnie on

Karla do nada ficou paralisada e ninguém sabia o por que, então quando me virei na direção que ela olhava, eu sorri, e lagrimas caiam de meus olhos

-Linaaa!! -eu gritei correndo em sua direção

-Bonnie! -ela disse já chorando, nos abraçamos e eu pude ver alguns machucados nela

-Lina... Eu fiquei tai preocupada... Onde esteve?? -eu perguntei acariciando seus cabelos

-estou bem, é una longa história Bonnie, depois conversamos

-okay

Todos foram ao encontro de Lina, Karla deu um abraço nela

Quando o sinal tocou, todos nós fomos pra suas devidas salas, Lina sentou comigo e com Marcy, Marcy estava estranha ultimamente, meio...misteriosa

                 Pov's Karla on

As aulas já haviam acabado, eu me despedi de Cake e fui ate o hospital onde Betty estava

Chegando lá recebi meu cartão e fui ate o terceiro andar no quarto 5

Abri a porta e vi uma garota de cabelos ruivos, pálida, tomando soro nas veias e sangue

-Betty??

Ela virou a cabeca pra minha direção

-Karla...que surpresa -ela disse

-como vai?? -eu perguntei colocando minha bolsa em uma poltrona

-como você mesma pode ver, estou com pulsos cortados, tomando soro e sangue nas veias, ou seja, não estou nas melhores

-eu...eu entendo

-não devia perder seu tempo aqui comigo Karla, devia estar com sua namorada...

-por que cortou os pulsos? -eu disse a cortando

-porque quero parar de sentir essa dor que sinto todos os dias -ela disse e eu a fitei

-que dor??

-a dor de ver a garota que eu amo com outra

-...

-eu tenho raiva de mim Karla, sabe por que?? -ela perguntou e lagrimas já saiam de meus olhos, então fiz sinal de negativa com a cabeca

-porque eu descobri muito tarde o quanto a amo, e agora eu sei como é ser trocado por outro, ver outro beijando o ser que você tanto ama, agora eu sei... -continuei em silencio, sentindo as lagrimas rolar pelo meu rosto -eu sinto muito Karla... Porter feito você passar por tudo isso, sinto muito por eu ter sido tao egoísta em relação a você, eu sinto muito Karla -ela disse

-porque faz isso comigo?? -eu perguntei agora ajoelhada no chão em prantos

-não chore Karla, por favor, eh te amo, eu só queria lhe dizer o quanto a amo -ela disse

Eu a olhei, limpando minhas lagrimas e levantei, fui ate ela e sentei ai seu lado na cama

-ta tudo bem Betty -eu comecei a acariciar seu Rosti

-Karla eu...

Antes que ela pudesse terminar eu me aproximei de seu rosto e lhe dei un beijo, com todo amor que eu tinha por ela

A verdade era que mesmo estando com Cake eu ainda amo Betty, ela não sai de minha cabeca e vendo ela assim me machuca, vendo que ela se cortou porque não suportava a dor de me ver com outra, eu a amava, e agora ela me amava do mesmo jeito...

Quando o ar se fez necessário nos separamos e ela me fitou

-Karla...

-desculpe...eu amo você Betty, de verdade, mas...não quero me machucar

-me da uma chance Karla, apenas uma e te mostro que posso mudar,por favor

-Betty eu...

-pense, pense por favor... -ela disse em tom de súplica

-o-okay, eu preciso ie Betty

-esta bem Karla

Fui embora do hospital e chegando em casa me deitei na cama pensando se eu dava ou não uma chance pra Betty

                Pov's Marcy on

Estava muito ansiosa pra surpresa que eu estou preparando pra Bonnie, então como tenho que fazer alguns preparativos pro pedido, preciso as vezes mentir, e sim, vou pedir Bonnie em casamento, quero que ela seja minha por completo 


              


Notas Finais


Espero que tenham gostado, comentem o que acharam, beijuuuss Babyes


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...