História Bubline: os opostos se atraem - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hora de Aventura
Personagens Brad, Cake, Finn, Fionna, Jake, Lady Íris, Litch, Marceline, Marshall Lee, Mordomo Menta, Personagens Originais, Princesa Caroço, Princesa De Fogo, Princesa Jujuba, Principe Chiclete, Príncipe de Fogo, Rainha Gelada, Rei Gelado
Tags Bubbline
Exibições 161
Palavras 970
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Colegial, Fantasia, Hentai, Magia, Romance e Novela, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Ignorem os erros, boa leitura!!

Capítulo 35 - "Quer namorar comigo?..."


Fanfic / Fanfiction Bubline: os opostos se atraem - Capítulo 35 - "Quer namorar comigo?..."

               Pov's Betty on
Era 6:30 da manhã, daqui a pouco iria pra escola, estava comendo um sanduíche quando minha campainha tocou

Fui ate a porta e a abri, e fiquei supresa ao ver que era Karla

-Oi Karla

-oi Betty, posso entrar?

-pode -eu disse dando passagem

Ela entrou e colocou a bolsa encima do sofá e então se virou pra mim

-Betty preciso perguntar uma coisa a você e quero que seja o mais sincera possível -ela disse

-eu prometo

-Betty... -ela parou por um instante e me olhou profundamente -você me ama??

-eu am...

-eu quaro que seja sincera -ela disse me interrompendo

Fui ate ela segurei sua mao e olhie no fundo de seus olhos castanhos

-eu te amo, amo você intensamente, e quero que me de uma chance, eu sei que fui fria, egoísta e manipuladora contigo, mas eu te amo, e tento mudar por ti

Ela então sorriu, e nossos rostos estavam bem próximos, nossos lábios estavam a centímetros de distancia, então eu senti nossos lábios se tocarem e um beijos começar, foi tao bom poder sentir novamente o gosto dos lábios de Karla, então ela logo pediu passagem com a língua e eu concedi, estávamos numa dança com nossas línguas, e ela apertava minha cintura, enquanto eu segurava sua nuca, eu podia sentir agora o calor de nossos corpos, então quando o ar se fez necessário nos separamos e ela me fitou

-eu também te amo Bettty

-eu nunca duvidei -disse lhe dando um selinho

-quer ser minha namorada? -ela perguntou entrelaçando seus bracos em meu pescoço

-é tudo que eu mais quero! -eu disse agora sorridente e distribuindo muitos beijos em seu rosto

-mas você tem que prometer mudar Betty

-eu prometo

Nos abraçamos e ficamos ali trocando carícias, eu mal pude acreditar que agora tinha Karla pra mim, só pra mim

Quando deu 7:00 eu parei a nossa conversa e levante

-Tutty precisamos ir, sabe como é o professor

-okay amor, vamos -nos demos um selinho e fomos

                 Pov's Bonnie on

Acordei e estava em meu quarto, era 6:40

-droga! -eu disse levantando rápido e pegando minha toalha

Fui aos banheiro tomei um rápido banho e logo segui pro meu closet, coloquei uma calca jeans clara rasgada, uma regata soltinha rosa clara escrito "Los Angeles" em preto um top preto por baixo e um adidas branco

Fui ate a cozinha, comi um lanche e peguei minha mochila saindo dali

Peguei meu carro e fui a escola, enquanto ia pensamentos vieram a tona, lembrei de minha vó e uma tristeza se apossou de mim, cheguei na escola e fui pra sala pois ja estava atrasada

Cheguei e pra minha surpresa e tristeza Marcy não veio

Sentei ao lado do casal que amo, Marshall e Gumball

-oi gente -eu disse colocando um sorriso falso

-Oi Bonnie !! -eles disseram juntos felizes

-Bonnie, marcy não pode vir porque teve uns trabalhos pra fazer -Marshall disse

-okay, obrigado Marshall -eu disse

Ficamos conversando, e entao deu a segunda aula, Gumball tinha ido pro fundo com a galera e Marshall tinha sentado na minha frente

-já que não quer conversar comigo vou conversar com a Bonnie ! -ele disse pro Gumball que tava lá atrás

-eae -ele disse olhando lra mim e começamos a rir

- você disse que falaria comigo, ai chega aqui e fala "eai"? -eu disse

-hahahaha foi mal

Ficamos conversando então falei:

-Marshall, se eu te contasse uma coisa e você me visse chorar, você me julgaria fraca?

-na verdade dependendo da coisa eu choraria junto -ele disse -porque??

-eu preciso desabafar e confio em ti

-pode falar Bonnie

-eu fui na casa da minha vó -meus olhos começaram a marejar -e ela estava lá, ai minha tia abriu a porta -eu disse com uma voz de sarcasmo -e ela tava gorda no sentido gostosa, e meu vo com aquela cara rabugenta -eu disse rindo pra ver se ajudava -ai eu entrei no quarto da minha vó e... -eu comecei a falhar -o quarto cheirava a morte e ela estava deitada na cama e... -eu coloquei as maos em meu rosto e abaixei a cabeca e comecei a chorar -foi horrível -eu disse

Terminei de contar tudo com choro no meio, e aos poucos veio a galera inteira saber o que tava acontecendo e eu não tinha forcas pra contar

-conta...pra eles...M-marshall -eu disse entre soluços

Ele contou e todos me abraçar dizendo que tudo iria ficar bem

eu levantei a cabeca

-amo vocês

-também amamos você -todos disseram

Gumball me levou pra tomar agua e depois eu me recuperei e todos me animaram

               Pov's Cake on

Estava puta com Karla por ter terminado comigo por causa da vadiazinha da Betty, pois agora ela iria ver

Fui ate Betty na hora da saida e lhe dei os parabéns pela Karla, coloquei um adesivo transparente em minha mao, então na hora do aperto de mao a digital dela ficou ali

-por que esta usando esse plastico? -ela perguntou

-porque eu machuquei minha mão

Fui ate o carro e dirigi ate minha casa

Cheguei lá e passei a digital dela por um cabo de u.a faca e então cortei minhas pernas, bracos, e ombros

              Pov's Betty on

Karla amor, já volto, vou dar uma volta, quero tomar um ar

-okay - ela disse e me deu um selinho antes de eu ir

Abri a porta e fui ate a pracinha, chegando lá encontrei Lord

-oi -eu disse me sentando no banco ao lado dele

-oii Betty, como vai?

-bem e ti?? -eu perguntei

-to mais ou menos

-porque???

-queria ta com Cake agora

Ficamos conversando ali e pude ver o quanto Lord amava Cake, eu queria ajudar ele a conquistar ela, essa seria minha primeira prova a Karla de que mudei


Notas Finais


Espero que tenham gostado, comentem que me anima, beijuuus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...