História Bugados - O domínio de Péricles - Capítulo 3


Escrita por: ~

Exibições 3
Palavras 217
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Self Inserction, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 3 - Uma batalha feroz!


Tava andando pela rua, até que achei um grupo de pessoas batendo em uma garotinha, e como estou sendo o herói da história, era meu dever ajudar ela para ela se juntar na minha busca, você sabe como é que funciona o clichê, cheguei perto dos malandro que tava chutando a menina, eles olharam pra mim e já queriam mostrar quem é que mandam no bagulho.
Malandrus: Coé pivete, se colar aqui você leva uma porrada, papo reto, pivete.
Weegee: Pivete é tua mãe, aquela vagabunda.
Malandrus: Coé filho da puta, qual é teu nome otário?
Weegee: João!
Malandrus: João?
Weegee: Meu pau na tua mão!
Malandrus: Coé seu filho da puta, papo reto, vou te dar mó porrada, ó!
Weegee: Papo reto morreu, quem come na sua mãe sou eu.
Malandrus: Comer minha mãe é coisa de criança, comer teu cu nunca me cansa.
Weegee: Cansado estou eu, de olhar pra essa tua cara, teu cu é tão largo que agasalha trinta varas.
Malandrus: Porra vei, sabe nem brincar, fui.

Os malandros foram embora e deixaram a menina sangrando no chão( carinha aquela) então eu corri para um hospital, em busca de ajudar a menina, que de tanto levar porrada esqueceu por alguns segundos como andar, então peguei ela no braço e fui correndo pro hospital.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...