História O Caminho da felicidade(Sobre edição) - Capítulo 103


Escrita por: ~ e ~ritobeta1

Postado
Categorias Undertale
Personagens Alphys, Asgore Dreemurr, Asriel Dreemurr, Chara, Frisk, Mettaton, Papyrus, Personagens Originais, Sans, Toriel, Undyne, W. D. Gaster
Tags Chariel, Charisk, Error!sans, Frisk Overpower, Ink!sans, Male Frisk, Papyton, Romance, Sanrisk, Toriel X Asgore, Undertale
Exibições 56
Palavras 1.544
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Fluffy, Hentai, Magia, Mecha, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Sci-Fi, Seinen, Shounen, Universo Alternativo, Violência, Yaoi, Yuri
Avisos: Álcool, Cross-dresser, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Skol está aqui, solitário surfista! Solitário surfista ;-;


Voltamos agora a contar os acontecimentos da Rota Neutra ou Imortal... Continuando sobre o que aconteceu depois de Frisk deixar o mau dominar ele e fugir daquela cidade :3

Eu não sei dizer se esse capítulo é uma referência ou um capítulo mesmo... Isto que acontece quando eu saio para uma festa encho a cara de Skol e quero escrever ainda :c

Capítulo 103 - Arco 6: Continue Determinado!


Fanfic / Fanfiction O Caminho da felicidade(Sobre edição) - Capítulo 103 - Arco 6: Continue Determinado!

Pov. Frisk

 

Evil!Frisk - Você sabe que eu te odeio muito né? Tipo eu te esfaquearia se pudesse e te reviveria apenas para te matar de novo - Tra la la, não era para menos que ele estava tão zangado comigo, vocês acham que eu deixaria um genocida a solta tão facilmente? Mas é claro que não... Eu apenas queria ver a reação dele.

 

Frisk - Esse sentimento de flutuação é tão nostálgico, se você reclamar demais eu paro de te ajudar com a fome - Eu estou brincando um pouco com essa criança mas não quero ver meu corpo ficar fraco por causa disto - Você podia ser menos cruel certo? Quero dizer... Essa é a porra de uma ilha deserta! -

 

Alguém gritou alguma coisa em algum lugar... Que estranho, bateu uma sonolência repentina - Você não pode estar... - Me deitei no ar e comecei a roncar até cair no sono - Oyasumi! - Antes que eu percebesse eu tinha caído no sono... Ignorando os gritos da minha cópia.

 

Evil!Frisk - Filho da puta... Foda-se eu nem preciso da sua ajuda mesmo! - Mesmo dormindo eu ainda continuava escutando o que acontecia na realidade... Digamos que esse seja um dos meus "dons".

 

~ Passagem rápida do Tempo ~

 

Frisk - Olha por que você não desiste? Aqui tem tudo que você precisa... Tem céu, tem mar, tem árvore, tem terra, tem comida e até mesmo uma companhia agradável que no caso sou eu - Ele me ignorou e continuou socando uma árvore... Ele está tentando virar um boneco quadrado e quebrar as árvores com os punhos? Só falta a árvore ficar flutuando no ar... Essas pessoas que não sabem quando desistir...

 

Frisk - Mais um fracasso, pare de fazer barquinho e aproveite o belo dia que está aqui fora, olha que tempo lindo está no horizonte - Tinha uma tempestade de leves ocorrendo na distância mas eu devo dizer que aquele redemoinho era bastante fabuloso - Não me enche o saco, como se eu fosse perder assim! - Olhei para a figura dele tocando fora um pedaço de madeira que devia ter virado um barquinho, ainda resta bastante tempo até Chara renascer, até lá vamos ficar brincando aqui.

 

Frisk - Me diga você quer uma bola de estimação? Você parece um pouco OSSOlitário nessa ilha sabe, não digo só pela sua aparência de mendigo mas também pelo jeito que você se arrasta - Ele tinha recusado ferozmente minha ajuda com a alma da Bravura, eu sou uma pessoa muito gentil então eu aceitei sabendo que ele poderia se virar... Eu ainda acho que foi uma boa escolha!

 

Querido diário: Hoje minha outra metade do mau se abriu para mim e reclamou de como o mundo é injusto e de como ele queria me matar um milhão de vezes... Eu só queria fazer um amigo por que as pessoas não entendem minha boa vontade? Talvez eu esteja fazendo errado? Nem, as pessoas que são estranhas mesmo.

 

Querido diário: Hoje eu testemunhei o nascimento de Tarzan só que sem macacos e gorilas perto dele... A figura de um Frisk pulando enquanto segurando nos cipós foi realmente incrível, pensar que as pessoas podem fazer coisas tão sem sentido me enche de determinação.

 

Frisk - Você parece pior do que uma criança órfã sem orfanato, que tal apenas desistir? Você sabe dessa ideia que você deve matar todo mundo por algum motivo e blá, blá, blá - Eu tinha pelo menos impedido o "meu" corpo de envelhecer, mas os cabelos, as unhas e o estado de fome permaneciam iguais ao de um humano normal, como ele sentia fome como qualquer um ele também ficaria desnutrido.

 

Evil!Frisk - Alguém como você que deixou de lado seus pecados para ter um "final feliz" não merece falar comigo... Seu hipócrita - Ele realmente está puto da vida comigo, eu não o culpo já que não era possível fazer a bola com um rosto desenhado que ele tanto queria.

 

~ Quebra do Tempo ~

 

Evil!Frisk - Finalmente está pronto! Meu deus, como isso demorou... Eu estou livre! - Ele conseguiu construir um barquinho de madeira, isto não me parece nada seguro... Alias para amarrar as tora de madeira ele usou os cipós, e para cortar as árvores... Seus punhos não funcionaram obviamente então ele juntou pedregulhos e ficou martelando-os na árvore durante MUITO tempo... Tão ineficiente.

 

Frisk - Capitão, mar está sendo visto a bombordo, meu deus do céu olhe Capitão! A estibordo tem mais mar ainda! Incrível! - Uma aventura de piratas em meio ao caribe com músicas épicas tocando de fundo e maldições, magias e monstros tudo na sessão da tarde não perca!

 

Evil!Frisk - Seja sarcástico o quanto quiser... Assim que eu chegar em terra eu vou fazer um genocídio sem piedade - Isso vai ser o que veremos não é mesmo? Por enquanto eu não vou interferir... Deixa ele descobrir como esse mundo pode ser poderoso sozinho.

 

Frisk - Capitão olha! A estibordo tem uma visão linda do sol sendo refletido no mar! Ah... A bombordo não tem nada demais além daquele redemoinho - O barquinho como esperado não seria o suficiente para atravessar o oceano, a correnteza furiosa estava nos sugando sem piedade e minha outra parte estava desesperada.

 

Evil!Frisk - Faça alguma coisa! Qualquer coisa! Vamos morrer se continuar assim! - Que horas são? Isso mesmo... Essa é a famosa hora de tomar no cu meu caro amigo, beba um pouco de água salgada para se acalmar.

 

~ Quebra do Tempo ~

 

Será que eu devo comentar sobre o estado que a minha "outra parte" estava enquanto controlando meu corpo? Ele foi arrastado para todos os lados pela correnteza e agora está de cara na areia de uma praia, eu tive que interferir em uma pequena parte pois ele iria se afogar... Pelo visto você não pode viver sem mim não é mesmo?

 

~ Passagem rápida do tempo ~

 

Depois de ter saciado sua sede por comer areia o meu Evil!Frisk começou a vasculhar a ilha, inicialmente a gente pensou que estava vazia mas nós dois encontramos uma vila bastante... Peculiar ou na linguagem de Mettaton "Glamourosa", as casas eram brancas e rosas e meio que tinha várias delas da mesma cor... Que tipo de civilização se desenvolveu aqui? Estou um pouco curioso agora, minha alma de cientista está vibrando!

 

~ Quebra do Tempo ~

 

Frisk - RUN BITCH RUN! - Meu deus do céu Berg, o que está acontecendo aqui? Não olha pra trás Evil! Você não vai querer que eles tem peguem! Muito menos eu quero que eles façam isto com meu corpo!

 

~ Voltando um pouco no tempo ~

 

Inicialmente nós dois fomos recebidos gentilmente pelos moradores(só tem moradores masculinos), lógico que Evil!Frisk planejava fazer seu First Blood nessa ilha mas durante o jantar um dos moradores disse - Como temos um novo morador aqui, acho que devemos fazer o festival certo? - Todos assentiram e pediram para Evil!Frisk ficar na praça esperando... Quando eles voltaram como dizer... Um pesadelo de velhotes usando fantasias de Mahou Shoujo se desenrolava na frente dos meus olhos, o que é isto? Será que Reaper sem querer ceifou minha alma e me enviou ao inferno?

 

Mahou Shoujo chefe - Como novo morador do nosso vilarejo você vai ter que passar pela libertação... Deixe seu eu interior fluir e se vista como nós, você vai sentir imediatamente o grande poder que essa roupa emana - Ele tirou uma roupa de criança que se encaixaria perfeitamente no meu corpo(no do Evil!Frisk já que estava no meu corpo), pela primeira vez eu e Evil petrificamos ao mesmo tempo sem entender.

 

Vários Mahou Shoujo - Venha para o lado rosa da força, vai ser divertido e libertador - Meu deus, não, não, não! Eles pareciam lobos olhando para sua presa que no caso era o "fraco" e indefeso Evil!Frisk só que tinha um problema... Aquele era meu corpo!

 

Frisk - RUN BITCH RUN!

 

~ Quebra do Tempo ~

 

Pela primeira vez na vida eu senti real vontade de ajudar o meu lado maligno quer dizer, ele estava chorando enquanto corria com todas suas forças... Impossível sentir raiva de alguém assim certo? Eu ativei telecinese e flutuei nosso corpo até uma ilha longe daquela onde nós estávamos, embarcamos na ilha e Evil!Frisk ficou ajoelhado no chão tentando acalmar o medo de ser vestido de Mahou Shoujo... Tadinho.

 

??? - *Alvo detectado, que os jogos comecem* - Uma mensagem de voz ecoou por toda a ilha, a ilha começou a tremer e uma fissura se abriu no meio dela e uma espécie de robô começou a sair - Eu sempre estive abaixo de todos mas ninguém está acima de mim!!! - Eu sei que eu tinha planejado enviar o Evil!Frisk para um lugar "irritante" mas que caralhos de ilhas são essas que nós estamos? Tem um vilão de desenho animado na minha frente... E pelo visto apenas 20 anos se passaram desde que eu enviei ele para esse lugar "infernal", vai demorar muito ainda... Mais um dia de aventura na vida de Capitão Jack Frisk, ou deveria chamar a gente de senhor incrível? Tanto faz... Apenas espero que esse Evil!Frisk me divirta um pouco... Ah! E sobreviva também é claro.


Notas Finais


Fazia um tempo que eu não escrevia nada da rota Imortal então eu comecei de leves, sem dar aquela empurrada no caminhão :c

Eu terminei esse capítulo as 00:18 mas posta ele agora não seria um boa ideia, eu vou escrever outro capítulo "hoje" já que eu fiquei um dia sem postar capítulo(o dia que o Rito bugou minha cabeça e meu coração), boa noite a todas... Ou bom dia, boa tarde pelo momento que eu vou estar postando isto :c

Apenas para não perder o costume vou deixar o link de um jogo muito bom :c
http://www.dojo.com/game/kill-the-plumber


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...