História Bullying virtual - Capítulo 27


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Alexy, Ambre, Armin, Castiel, Charlotte, Debrah, Iris, Kentin, Kim, Letícia, Li, Lysandre, Melody, Nathaniel, Nina, Personagens Originais, Professora Delanay, Rosalya
Tags Amor Doce, Bullying, Colegial
Visualizações 93
Palavras 1.006
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiii. Aqui está mais um capítulo. Espero que curtam.
~não tenho o que dizer haha~
A música desse cap. é " Smile - Avril Lavigne"
Aproveitem
Bjss

Capítulo 27 - Smile


Pov's Kate

Tudo bom??

Eu: posso só perguntar uma coisa?

Cast: hum, porque não.

Eu: você sabe o motivo do meu sorriso todos os dias?

Cast: hum, deixe me ver.... acho que não.... qual é?

Eu: a primeira palavra da pergunta que te fiz.

Ele pensou um pouco e depois soltou uma risadinha e logo em seguida deu um sorriso. 

Eu:respondeu sua pergunta?

Cast: mas é claro. 

E se inclinou para um beijo. Um beijo doce. Ficamos um tempo assim. Paramos por falta de ar. Ele entrelaçou nossos dedos. Naquele momento eu era a garota mais feliz do mundo. Queria pular, gritar, subir no telhado mais alto da cidade e berrar " Castiel é o MEU namorado, apenas MEU!". Soltei uma risadinha com o pensamento.

Cast: que foi?

Eu: nada não

Cast: não vai compartilhar com seu namorado o motivo da sua felicidade?

Eu: eu já te respondi o motivo disso.

Cast: haha verdade. Sou sortudo de ter uma namorada como você.

Eu: sorte? Não quis dizer azar? Haha

Cast: não haha

Eu: mas... porque isso tão de repente?

Cast: queria primeiro ficar bem amigo pra ter certeza de que você gostava de mim, mais do que amigo.

Eu: e como você soube que eu gostava de você mais do que amigo?

Cast: não vou revelar meus segredos

Eu: Aff chato

Cast: o seu chato

Nos beijamos novamente. Era uma sensação realmente maravilhosa ter alguém assim do seu lado. Ter com quem compartilhar seus medos, sonhos, objetivos, tudo. Ter alguém pra abraçar quando precisar, beijar quando quiser. Ter um ombro pra chorar, uma pessoa pra rir de você e com você. 

 

"Realmente tinha que ser uma pessoa especial e eu escolhi você Castiel. Agora você terá de me aturar sempre."

 

Estava ficando tarde e eu tinha que voltar pra casa. Fui andando com o Cast, quando chegamos na frente da minha casa. Nos beijamos mais algumas vezes e nos despedimos. Entrei em casa e fechei a porta. Encostei minhas costas na porta ainda perplexa. Eu tinha um namorado. Eu tinha um namorado. Meu cérebro não entendia. Demorei pra perceber que alguém realmente me amava.

Subi até o meu quarto e mexi um pouco no meu computador. Troquei algumas mensagens com o Cast e desliguei o monitor. Ia contar pra Rosa na segunda. A Nina me chamou pra jantar. Desci as escadas já de pijama e me sentei na minha cadeira. Preparei um sanduíche, porque de noite sempre como pão com alguma coisa ou um sanduíche mesmo. Dei uma mordida e a Nina já começou a puxar assunto.

Nina: porque você beijou o ruivo?

Engasguei e minha mãe olhou pra mim.

Eu: ãããããã....p-porque a g-gen-gente t-tá.... v-voce s-sabe... j-j-juntos.

Mãe: desde quando vocês estão namorando? Eu conheço ele? Quando vou conhecê-lo? 

Eu: relaxa mãe. Hahahah. Ele me pediu essa tarde e ele é o nosso vizinho?

Mãe: aquele coroa com os dois Goldens???

Eu: mãe! Claro que não! Os outros vizinhos. O amigo do Lys.

Mãe: ata. Só cuidado filha, não vai se machucar. 

Eu: prometo que não vou.

Terminamos de jantar e logo fui pro meu quarto. Peguei meu livro e continuei lendo. Comecei a bocejar e vi que eram 22:03h. Desliguei a luz do abajur e dormi.

 

--segunda feira-- ( pulei o domingo, pois não tinha o que escrever)

Acordei às 6 horas e me arrumei. Coloquei um jeans escuro e uma blusa turquesa com um cinto bege. Nos pés, calcei uma sapatilha. Coloquei a roupa do treino e um par de meias, pois meu tênis já estava na escola, no armário. Coloquei a mala sobre as costas e desci as escadas. Peguei uma barrinha e comecei a comer. Olhei pela janela e os meninos já estavam lá fora. Saí e fechei a porta. Cast logo veio na minha direção. Neguei com a cabeça e ele me olhou confuso. Fiz um movimento com as mãos dizendo "depois".  Ele parou e deu meia volta. O segui e entramos no carro. Fomos normalmente pra aula. Queria contar pro Lys que estava namorando com o Cast, mas achei que ele ia ficar chateado. Sei que o Lys gosta de mim, mas... eu gosto do Cast... Deu um aperto no coração, mas depois contarei à ele. Acho que vou contar no treino. O sinal tocou e fui pra aula, como faço todos os dias. Tivemos aulas bem tediosas. De vez em quando virava pro Cast e ele estava me olhando e sorrindo. Ele movimentou os lábios dizendo "precisamos conversar" e virou novamente pra lousa. Ai meu Deus. O que eu havia feito de errado? Porque ele queria conversar comigo? Parecia sério. Será que é porque de manhã hesitei em beija-lo? Ou o que? Não consegui me concentrar no resto das aulas. Quando chegou o recreio esperei todos saírem da sala. Quando só sobrou eu e o Cast, fui até ele. 

Eu:o-oque foi?  

Cast: sei que pedi pra você ser minha namorada no sábado, mas

Eu:mas...?

Cast: vou direto ao ponto. 

Ele tirou algo do bolso. Era uma caixinha preta. Ele abriu e tirou um colar com um violão. Percebi que tinham as nossas iniciais. Ele colocou no meu pescoço e fiquei um tempo admirando.

Eu:idiota 

Cast: porque? 

Eu: " porque"? - me virei de costas pra ele- Em um relacionamento nunca se diz "precisamos conversar". Você devia ter dito algo como "quero te dar algo" ou sei lá, mas não "precisamos conversar". Eu nem prestei atenção na aula por causa disso. Isso me preocupou.

Cast: ai desculpaaaa minha lindaaaaaaa

Ele me abraçou por trás e beijou meu pescoço. Me virei e selamos nossos lábios. Quando paramos ele tirou as chaves de casa do bolso e me mostrou que o pingente do meu colar era igual ao seu chaveiro.

Eu: o que você fez com o Castiel? Hahah o Cast que eu conheço não é romântico.

Cast: então você não conhece o verdadeiro Cast. Haha

Saímos da sala de mãos dadas e fomos almoçar. Sentamos na mesa como nosso almoço.

Rosa: Kate, que colar é esse?

Olhei pro Cast. Fudeu.

 


Notas Finais


Espero que tenham gostado e não se esqueçam de deixar os seus comentários. Prometo respondê-los. Sei que nos capítulos anteriores não respondi algumas pessoas, mas é porque não sei o que falar... Vou melhorar prometo.
Bjss


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...