História Butterfly - Capítulo 30


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Jeon Jungkook, Jimin, Jimina, Jungkook, Jungkooka, Park Jiminie
Exibições 34
Palavras 666
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Essa e a Jimina e o Jimin

Capítulo 30 - Pedido de casamento!


Fanfic / Fanfiction Butterfly - Capítulo 30 - Pedido de casamento!

Pov Kooka on
E lá estava eu, era dia dos namorados e nem sinal do Kook,ele havia sumido não atendia as ligações e nem apareceu  O_o
Para piorar a situação o Jimin havia dado flores para a Jimina, deu até chocolate! E ficaram vendo filme romântico... E eu? Fiquei de vela claro, e o Kook? Sumiu de vez...
Peguei uma mala e fui colocando todas as minhas roupas, estava cansada! Cansada disso! Cansada de ser esquecida! Cansada dessa dúvida... O que eu significava pro Kook? Com certeza um nada!
Peguei a mala e sai sem interromper a cena linda do Jimin e da Jimina, eu estava sofrendo mas ela não precisava me seguir até o Brasil, até porque o Jimin à amava, e até um cego viria isso
Fui até o aeroporto e comprei a passagem, nem acreditava... Lá aconteceu o mais inacreditável... Lá na Coréia havia conhecido o amor da minha vida, mas infelizmente eu não sou o amor da vida dele, eu era vários nada pra ele O_o E isso me doía muito...
Fiquei esperando o vôo olhando o show de BTS que acontecia hoje, estavam cantando Butterfly e foi o comercial e foi aí que me toquei que não avisei ninguém...
Liguei ao Kook
"O que aconteceu com você? "Me perguntou
"Eu é que pergunto, logo hoje né? Você resolveu sumir... E eu resolvi sumir da sua vida, estou prestes à voltar pro Brasil, avisa a Jimina ok? Foi bom enquanto durou"
Desliguei o celular, nem esperei ele dizer nada, nem queria talvez fosse melhor continuar ali sem resposta esperando o vôo
Olhei para a TV e o intervalo havia acabado de passar, o Kook pegou o microfone e foi ao centro do palco... Pensei que fosse para cantar porém me surpreendi quando ele começou a falar...
"Eu acabei de receber uma ligação... E confesso que essa foi a que mais me doeu  em toda a minha vida,quem me ligou foi o amor da minha vida dizendo que iria me deixar... Talvez ela não saiba, mas eu sinto o mundo parar quando ela sorri, eu sinto vontade de estar com ela à todo momento, eu sinto não poder respirar se não tenho ela por perto, e ela é a pessoa mais incrível que já conheci, ela é inteligente, divertida, amável e forte, ela tem todas as qualidades que sempre procurei, ela é a mulher perfeita pra mim... E se você me ouvir, e sei que está ouvindo, eu sumi hoje pois fui comprar isto*mostra um anel"Fui comprar as alianças para o nosso casamento, deixa a minha mãe te chamar de nora Rafa? "Isso foi o que ele disse e eu paralisei
Nisso o Jimin pegou o microfone e disse "Aproveitando a ocasião mesmo não sendo bom com palavras como o Kook, eu quero que essa garota aqui **aponta pra Jimina** Seja a única de toda a minha vida... Porque independente do que estou à fazer, eu tenho que reconhecer que eu não vivo sem ela, eu te amo senhorita Jimina, quer ficar comigo até ficarmos velhinhos? "
A Jimina chorava e o beijou murmurando um "Sim, eu aceito"
E foi naquele momento que eu percebi, que aquele vôo pro Brasil não iria acontecer, porque por mais que o meu corpo fosse o meu coração estava na Coréia, ou melhor estava com o Kook
Saí correndo do aeroporto e peguei um taxi para o show, e lá na entrada eu disse ao segurança "Ou você deixa eu passar, ou eu não me caso e aquele cara ali *Disse apontando pro kook pela TV *Vai te despedir! "Ele me deixou passar e saí correndo em meio à multidão de armys... Cheguei ao palco correndo e  o Kook chorava, provavelmente achava que naquele momento eu estava indo em direção ao Brasil
Nisso eu cheguei perto dele que estava muito surpreso, limpei suas lágrimas e disse  "Meu amor, não chore! Você é o meu príncipe...E eu aceito ser sua princesa e chamar sua mãe de sogra"




Continua


Notas Finais


A Kooka me ajudou u.u


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...