História By Chance - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber, Megan Fox
Personagens Justin Bieber, Megan Fox
Exibições 193
Palavras 1.216
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


A fanfic é minha, mas a ideia não. Ela foi escrita com a ideia da fanfic que a Reehtakis ia escrever. Ela me deu a história e escrevi tudo.
Algumas coisas que vocês precisam saber:

* É a minha primeira fanfic postada SOZINHA.
* Ela tá toda terminada.
* Contém 10 capítulos e 1 especial.
* Temporada ÚNICA.
* Os personagens ME PERTENCEM, são somente interpretados por famosos, ou seja, as características FÍSICAS não me pertencem.
* É uma história com partes eróticas, então, se não gostar não leia.

Vou deixar o trailer nas notas finais de cada capitulo.

Capítulo 3 - Segundo


Fanfic / Fanfiction By Chance - Capítulo 3 - Segundo

Justin Bieber - Point Of View

— Achei que ia voltar mais tarde —Ele falou olhando para mim e desviou para a garota ao meu lado, sorrindo logo em seguida— Vejo que está acompanhado de uma bela mulher. 

— Pai, essa é Megan. Meg, esse é meu pai, Jeremy Bieber.—Falei fingindo ter um pouco de intimidade com ela, afinal ele não poderia saber que eu tava trazendo uma... Desconhecida para a casa dele.

— Finalmente o Justin nos apresentou. —Ele falou beijando a mão dela— Você tem uma bela namorada. 

— É... Uh... Eu... —Ela ficou toda enrolada e me olhou, implorando por ajuda, mas adivinha, eu também não sabia o que inventar.

— Eu sei, não precisa ficar envergonhada. Bom já vou dormir, boa noite, não façam muito barulho.

Ele subiu e eu olhei para Megan que estava confusa, ótimo. Joguei ela contra a parede e beijei seu pescoço, mas ela estava relutante.

— Ele acha que sou sua namorada. 

 

— Não se preocupe com isso agora. Vamos para o meu quarto. —Falei contra seu pescoço e ela arfou.

Megan foi na frente e eu atrás, segurando sua cintura com força, como se ela fosse fugir a qualquer momento. Guiei ela até o quarto e tranquei a porta.

Ela me jogou na cama, sentado, e tirou a jaqueta de couro. Pude vê seu busto super bem marcado pela fina blusa preta de renda. A puxei pela cintura, fazendo com que se sentasse em meu colo.

— Consigo sentir seu amigo —Ela disse em meu ouvido e eu arfei, sentindo-a rebolar gostoso no meu colo. 

— Você é uma vadia —Sussurrei em seu ouvido e ela levantou do meu colo.

Ficou de costas pra mim e foi descendo a calça jeans, quando ela se abaixou para livrar dos pés, senti um formigamento. Sua lingerie preta mal cobria sua intimidade.

Ela voltou a ficar de frente e arrancou a blusa da corpo, jogando em meu rosto. Inalei fundo seu cheiro de luxúria misturado com algo doce.

— Dança pra mim —Mandei e ela sorriu.

Megan virou de costas e desceu até o chão, lentamente. Fez um movimento como se tivesse quicando e subiu de novo. Levou as mãos até a barra da calcinha e ameaçou tirar, como eu disse, ameaçou. Suas mãos subiram aos seios fartos e depois ao cabelo, isso sem parar de balançar a bunda maravilhosa.

— Chega. —Falei e ela riu, sentou novamente em meu colo e puxou minha camisa para cima.

Ajudei ela a tirar a peça e senti suas unhas passando por toda a extensão do meu peitoral. Ela desceu até o cinto da calça e o desfivelou. Joguei ela na cama, me livrei da calça e os sapatos. Beijei seu pescoço, caramba, o cheiro dela era maravilhoso.

Parei de beija-la e encarei seu rosto. Ela estava com os lábios vermelhos, inchados e entreabertos. Seu rosto estava corado. E seus olhos abertos me olhando atentamente. Senti uma conexão forte com ela, mas logo ignorei. Ela era apenas mais uma na minha cama.

Passei minhas mãos por suas costas e arranquei o sutiã. Fitei seus seios e sem pensar duas vezes ataquei-os. Enquanto sugava um, fortemente, o outro estava entre minha mão. Eu o apertava como se fosse impedi-lo de sair dali. Alguns minutos depois, o seio que estava em minha boca trocou com o que estava em minha mão.

— Meu Deus —Ela arfou puxando meus cabelos até sua boca— Preciso que me foda. Agora. 

— Você é bem mandona, não é, anjo?

Soltei uma risada nasalar. Levei dois dedos até a costura de sua calcinha, um de cada lado, forçando-a. Joguei longe e tirei a box branca. Megan me olhou com os olhos arregalados e bufou.

— Era minha preferida.

— Eu pago por ela, dinheiro não é problema.

Meu membro estava incrivelmente duro, com as veias para fora e expelindo o líquido branco e viscoso.

Lambi meus dois dedos e lubrifiquei mais sua entrada. Ela apertou meus braços quando enfiei minha cabeça. Céus, ela era apertada para o senhor caralho.

— Onww Bieber —Ela gemeu baixinho e foi a minha deixa para penetrar fundo.— AH MEU DEUS... ISSO... BEM FORTE

Me debrucei sobre ela e comecei a gemer baixinho em seu ouvido. Ela levou uma das mãos até minha nuca e fincou as unhas afiadas.

Megan rebolava por baixo de mim e aquilo me levava a loucura. Ela se contraía mais a cada movimento. Apertei com força seus seios e ela ergueu as costas da cama.

— Aaaahww... Por... Fa..favor 

— Implora pelo meu pau entrando e saindo com força da sua bucetinha. Anda, implora. —Falei no ouvido e seus pelos se arrepiaram.

— Bieber, me fode gostoso... Com força... Hummm, é assim... Onw assim que eu gosto.

Segurei em sua cintura e coloquei uma de suas pernas torneadas no meu ombro. Aumentei a velocidade e fui o mais fundo que conseguia. Ela apertava com força o travesseiro e abafava os gemidos, morrendo impiedosamente seus lábios.

Ela me mastigou e senti suas pernas tremerem, coloquei meu dedão no seu clitóris e o apertei com força. Ela me puxou para perto de sua boca, gemendo rouco em meu ouvido com o orgasmo. Foi questão de segundos e esporrei dentro dela.
Megan se livrou rapidamente de mim e se ajoelhou, na altura do meu pênis. Sua boca entrou de uma vez que eu caí sentado na cama, sem forças.

— Anw Deus do céu... Chupa, meu anjo, chupa gostoso.

Tive um segundo orgasmos em sua boca e ela retirou a mesma, batendo pra mim e abrindo a boca. Ver minha porra entrando em sua boca e caindo sobre seus seios só me deu vontade de foder mais ela.

— Acha que aguenta mais uma? —Perguntei vendo ela se levantar e rir.

Megan andou até a parede do quarto e empinou a bunda. Andei até ela e dei um tapa forte.

— Outch —Ela gemeu assustada — Me mostra mais, Bieber.

Abri sua bunda e vi aqueles buraquinhos maravilhosos. Peguei seu lubrificante com os dedos e passei no orifício mais fechandinho.

Forcei a entrada e senti meu pau ser esmagado. Deus estava me presenteando, só podia ser.

— Você é uma vadia apertadinha do caralho. —Falei puxando seu cabelo e ela riu.

— Uhum, me come com força, me deixa sem andar por dias.

Foi a gota d'agua. Agarrei com força seus cabelos negros e comecei a entrar com força. Podia ouvir ela batendo na parede xingando Deus e o mundo. Sem aguentar por muito tempo, senti meu orgasmo vim. Megan desceu uma de suas mãos até a intimidade molhada, penetrou dois dedos e seguiu meus movimentos, ou ao menos tentou.

— Eu vou... Meu Deus... 

— Deixa chegar.

Seu corpo vibrou e ela gozou violentamente. Retirei meu pau e fiquei batendo uma, meu líquido gotejava na sua bunda.

Suas pernas fraquejaram e eu a segurei pela cintura, vendo ela querendo desmaiar.

— Vem, anjo.

A peguei em meu colo e deitei na cama. Ela estava procurando ar, assim como eu. Mas definitivamente ela estava mais esgotada do que eu. E me senti orgulhoso disso. Fodi uma garota até ela querer desmaiar.

— Você ta bem? —Perguntei puxando ela para meu peitoral.

— Não sinto minhas pernas —Respondeu rindo e eu a apertei contra meu corpo — Vou só me recuperar um pouco e vou embora, okay?

— Dorme, Megan, amanhã de deixo em casa.

Ela assentiu devagar e fechou aqueles dois diamantes hipnotizantes.


Notas Finais


Espero que gostem da fanfic e deem uma olhada no trailer:
https://youtu.be/OM_2NWbEb_k


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...