História By Message - Muke I Cashton - Capítulo 24


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Luke Hemmings, Michael Clifford
Tags Cashton, Lashton, Malum, Muke
Visualizações 131
Palavras 505
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Fluffy, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 24 - Cashton: Terceiro Dia: Um Sorriso de Verdade


Fanfic / Fanfiction By Message - Muke I Cashton - Capítulo 24 - Cashton: Terceiro Dia: Um Sorriso de Verdade

Ashton

Ignorei de novo ele e guardei o meu celular no bolso. A sala já estava vazia, então eu resolvi sair também. Quando sai fui surpreendido por alguém me abraçando por trás.

- Hey, Ashy! - era Calum.

- Hey, Cally, o que foi? Por que tanto bom humor?

- Eu descobri uma coisa e algum dia você também vai saber.

- O que é?

- Eu disse que um dia você vai saber e esse dia não é hoje.

- Seu chato, agora me deixou curioso.

- Morra de curiosidade, Ashy.

Ele me soltou e começou a andar na minha frente. Ele estava animado. Eu nem um pouco. Ele percebeu isso e segurou a minha mão, quase me arrastando.

- Ei, Calum, solta a minha mão.

Ele sorriu para mim, mas não soltou. Me levou até o refeitório e quando chegamos lá, ele disse que estava tão feliz que hoje iria pagar o meu almoço. Agradeço que a felicidade dele me poupou 15 dólares. Nos sentamos numa mesa afastada dos outros alunos e de Mike e Luke também. 

- Ashy, vou no banheiro e já volto, ok?

- Ok. - e ele foi.

Não sei qual é a do apelido, mas eu, sinceramente, gostei. Quando Calum sumiu de vista, senti o meu celular vibrar e eu o peguei do bolso.

 

Stalker (?): O que a tristeza destrói,
O amor conserta.

 

Ash: Pra que isso?

 

Stalker (?): Eu vejo a sua tristeza, Ash. Por que está assim? Eu fico triste de te ver assim.

 

Ash: Não estou triste.

 

Stalker (?): Está sim. Não precisa mentir pra mim, eu só quero voltar a ver o seu sorriso, Ash. O seu sorriso de verdade. Aquele sorriso lindo que só você tem.

 

Ash: Sabia que você está me irritando?

 

Stalker: Eu me preocupo com você, de verdade. Volta a sorrir, Ash.

 

Ash: Só porque alguém quer me ver sorrir, não quer dizer que eu vou sorrir.

 

Stalker: Eu te amo. Eu te amo. Eu te amo muito. 

 

Ash: Para com isso. Só está me irritando mais.

 

Stalker: Vai no corredor do banheiro. 

 

Ash: Para?

 

Stalker: Só vai.

 

Desliguei o celular e me levantei. Peguei a caixinha de suco que eu não havia terminado de tomar e fui até o corredor do banheiro. Quando cheguei lá, vi uma multidão olhando para algo na parede. Quando me viram todos começaram a cochichar. Me aproximei e eles me deram distância. Me engasguei com o suco. Estava escrito de vermelho no meio de um coração: Eu te amo, Ashton Fletcher Irwin.

Não lembro mais se deveria ficar com raiva, mas eu sorri. Aquilo realmente me fez feliz. Fiquei feliz por ler aquelas palavras. Eu estava feliz de verdade em ler aquilo. Aquele maldito Stalker conseguiu roubar um sorriso meu.

 

Stalker: Viu? Essas palavras mágicas fazem qualquer um sorrir. O seu sorriso foi tão lindo que eu acho que vou escrever isso em todas as paredes da rua.

 

Ash: Ai é exagero.

 

Stalker: Não é se for para te ver sorrir de novo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...