História By My Side - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Demi Lovato
Tags Demi Lovato, Imagine Lovatic, Lesbian For Demi
Exibições 65
Palavras 1.438
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Bissexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá.

Capítulo 6 - I feel jealous you because I love you,Claire/Clauren is real


Lauren Jauregui Point of view

Aubrey estava sentada no colo de Claire, enquanto sorria para ela. Engoli a seco, sentindo o meu peito doer. Claire era minha, certo? Ou pelo menos eu acho que ela é minha. Fechei os olhos com força, tentando não chorar, mas o que aconteceu a seguir, me atingiu como se eu estivesse sendo atravessada por uma espada : Claire e Aubrey se beijaram. Eu dei um soco na mesa com raiva e subi as escadas indo pra o sótão. Como eu pude ser tão idiota?  Abri a porta do quarto e fui para a estante de livros, pegando o oitavo livro e o sótão se abriu e foi ali que eu me permitir cair em lágrimas.

Suspirei alto antes de me levantar para pegar  um copo de uísque, mas antes que eu pudesse beber, a porta do sótão se abriu novamente e o perfume de Claire, invadiu o local.

Lauren - Você não deveria estar com a sua namorada, não? - perguntei séria e Claire suspirou pesadamente.

Claire - Ela não é minha namorada, Lauren. -Disse com os olhos fechados e suspirou

Lauren - Não foi isso que eu acabei de ver lá na sala, priminha. -Disse sorrindo com ironia

Claire - Lauren, olhe para mim e pare de beber essa droga de uísque. -Disse irritada e tirou o copo de uísque da minha mão.

Lauren - Te amar dói muito, Claire. - Pude ver as lágrimas caírem pelo seu rosto. - Por que você beijou a minha irmã na minha frente, por quê? Eu nunca fui o suficiente para você, não é mesmo? - perguntei nervosa - RESPONDE! -Gritei sentindo minha cabeça girar.

Claire - Não podemos ficar juntas Lauren, você sabe disso. -Eu ri sem humor 

Lauren - Você pode beijar a minha irmã e não pode me beijar?  Por quê? Eu sempre amei você, Claire. - Disse baixo -Eu sofri muito vendo você indo para a Dinamarca e ali, quando eu vi você entrar naquele avião,  eu soube que eu não tinha mais nenhuma chance com você.

Claire - Eu fiz isso para o seu bem, Lern. -Disse segurando o choro.

Lauren - PARA O MEU BEM? -Gritei - Você só pode estar ficando louca, Claire. - Disse negando com a cabeça.

Claire - Pelo Amor de Deus, Lauren. Você tinha uma carreira pela frente e eu estava te atrapalhando, eu estava te impedindo de seguir o seu sonho, Lauren, eu fugi para Dinamarca -Suspirou - porque eu queria esquecer você. Mas, quando eu cheguei lá, eu sentia sua falta, eu queria voltar para casa e dizer que eu te amava, mas eu não podia fazer isso, porque eu ainda não estava pronta para isso.

Lauren - E agora, você está pronta para dizer isso?

Claire - Você está Pronta para ser minha namorada, Lauren? -Eu pisquei algumas vezes e assenti. É claro que eu quero ser a namorada dela. Eu sempre quis isso.

Lauren - É claro que eu estou pronta para ser a sua namorada, Claire Carter Jauregui. - Disse sorrindo e ela me deu um selinho. - Só isso? - Eu fiz bico e ela riu.

Claire -  primeiro você vai me explicar o motivo do seu ataque de nervos, Lauren Michelle. - Eu arqueei a sobrancelha incrédula

Lauren - Não sou obrigada. -Disse irritada e ela assentiu.

Claire - Eu também não. Por isso, nada de beijos hoje. Amanhã, quem sabe, não é? Tchau, Lauren. -Disse e levantou da cadeira que estava sentada e eu me vi sem saída alguma.

Lauren - Eu sinto ciúmes de você, porque eu te amo, Claire. - Disse suspirando aliviada por finalmente admitir aquilo.

Claire Carter Jauregui Point of view.

Nem em um milhão de anos, eu poderia imaginar qual seria a sensação que eu sentiria ao ouvir um "Eu Te Amo" vindo dela. Meu coração pulou ao ouvir aquela frase, meu corpo inteiro parecia ter ficado fora de órbitas e parecia que a minha vida tinha ganhado diversas cores desconhecidas por mim. Minhas mãos estavam suadas por conta do nervosismo, eu me virei e o meu olhar se encontrou com o olhar dela.

Claire - Eu realmente acho que fiquei louca de vez. - Disse rapidamente antes de atacar seus lábios em um beijo.

O tão esperado beijo. Eu suspirei e ela sorriu contra os meus lábios.

Era apenas um encontro de lábios, mas que foi o suficiente para fazer as borboletas no meu estômago se revirassem em um caminho de voltas e mais voltas. Separamos o beijo por falta de ar, maldito ar rarefeito. Encostei minha testa na dela e acariciei seu rosto, ela sorriu e abriu os olhos e me encarou por uns longos minutos, sem dizer nada.

Lauren - Eu Te Amo. - E lá vamos nós de novo. Lauren, estava me desarmando apenas com palavras. Eu suspirei puxando o seu rosto de encontro ao meu para  deixar um longo beijo em seus lábios.

Claire - Eu Te Amo muito mais, Lauren. Eu sempre amei você. - Disse sorrindo e ela assentiu, dando vários beijos em meu rosto e eu ri.

Lauren - Será que agora eu posso te chamar de namorada? -perguntou sorrindo

Claire - Você pode me chamar do que você quiser, meu amor. -Disse sorrindo e beijei sua bochecha

Lauren - ótimo. - Disse animada

Claire - Ótimo por quê? -perguntei confusa e ela riu

Lauren - Porque eu pretendo te chamar de esposa em breve. - Disse sorrindo e abraçou minha cintura com força.

Claire - Eu mal posso esperar para ver isso acontecer. Até porque, eu adoraria ter chamar de esposa. - Ela mordeu os lábios

Lauren - Eu definitivamente vou adorar ser a sua esposa, mas por enquanto, eu serei obrigada a ser apenas sua namorada. -Lauren colocou um de seus anéis em meu dedo e eu sorri para ela. - Ainda não temos alianças de namoro, mas teremos em breve. - Disse sorrindo e eu retribui o sorriso.

Claire - Eu realmente não me importaria se eu não tivesse aliança de namoro, sabe? Porque eu só quero que você esteja ao  meu lado e se eu estiver com você, nada mais importa para mim.-  Lauren sorriu e me puxou para um beijo de tirar o fôlego.

E ali eu tive a certeza de que eu apenas precisava dela e por mais que isso fosse errado ao olhos de outras pessoas eu sabia que o amor que sentíamos uma pela outra realmente valia a pena.

Seu nome Carter Jauregui Point of view.

Papai e Demi estavam concentrados em um jogo de basquete que passava na TV às 10 hrs da manhã, eu estava deitada no colo de Demi que fazia carinho em meus cabelos,vovó estava lendo um livro, Aubrey estava em seu quarto e bem, Claire e Lauren, tinham desaparecido.

Seu Nome -Eu quero a minha Mommy -Disse fazendo manha e Papai riu

Josh - Acho que Clauren, está prestes a ser real. A Claire sempre amou a Lauren desde pequena. -Deu de ombros.

Seu nome -Você está bem? -perguntei assustada e ele riu.

Josh - Quem? Eu? Estou ótimo, querida. - okay, cadê o Josh rigoroso, que não aceita um relacionamento amoroso entre pessoas da mesma família?

Isabel - É pra glorificar de pé. - Disse sorrindo - Josh Carter, aceitando um relacionamento amoroso entre pessoas da mesma família. Acho que Deus já pode me levar. - Eu arregalei os olhos em completo choque

Lauren - Isabel Carter, a senhora não pode nos deixar. - Disse sorrindo e abraçou vovó.

Josh -  Claire, Seu Nome estava desesperada, porque queria a Mommy dela. -Disse rindo

Seu Nome -  Papai! Assim a Claire vai pensar que eu sou carente. -Disse baixo fazendo birra

Demi - E qual é o problema em ser carente, Seu Nome? -perguntou séria

Seu Nome - Eu só tenho medo que ela me ache chata. - Disse dando de ombros.

Claire - Eu amo seu jeito carente e amo te dar atenção também, filhote. -Disse sorrindo e eu retribui o sorriso e ela me abraçou.

Demi -Eu tenho uma pergunta para fazer : Clauren is real? -perguntou sorrindo e Claire suspirou pesadamente enquanto trocava olhares de cumplicidade com Lauren que estava sentada ao lado de vovó.

Claire - Eu realmente tenho que perguntar isso para a Lauren. -Deu de ombros e sorriu.

Lauren - Bem, eu diria sem sombras de dúvidas que Clauren is real. -Disse sorrindo largamente enquanto dava um beijo na testa da minha irmã.

Clauren finalmente se tornou   Real e eu só espero que Lauren cuide bem da minha irmã e faça ela feliz



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...