História Caderno Magiko (Reboot) - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Caderno Magiko, Fanchar, Fanfic, Fight, Lutas, Originais, Original, Sonic, Sonic O Ouriço, Sonic The Hedgehog
Visualizações 13
Palavras 1.773
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção, Luta, Romance e Novela, Violência
Avisos: Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Essa vai ser a ultima tentativa de eu escrever esse reboot....

O chamado da aventura chega

Capítulo 2 - Um chamado pra aventura, ou o desejo por vingança?


Fanfic / Fanfiction Caderno Magiko (Reboot) - Capítulo 2 - Um chamado pra aventura, ou o desejo por vingança?

Asheley chega em casa e vai direto pro quarto enquanto sua mãe que estava se preparando para o trabalho estranha:

 

-Não deveria estar na escola querida? (Mãe de Asheley entrando no quarto)

 

-QUERIDA??? DESDE QUANDO VOCÊ SE IMPORTA COMIGO??? VÊ SE ME DEIXA EM PAZ (Asheley batendo a porta na cara da mãe)

 

Asheley pega um retrato dela com seu pai e abraça forte chorando e diz:

 

-Papai....essa dor.....faz ela parar.....por favor....faz essa dor parar.....ta doendo muito (Asheley chorando muito)

 

Asheley estava encolhida abraçando a foto de seu pai quando sua mãe bate na porta de novo:

 

-Filha, posso entrar? (Mãe da Asheley batendo na porta)

 

-Faça o que quiser, a casa é sua mesmo (Asheley enxugando o rosto)

 

-Por que me trata como sua inimiga??? Desda morte de seu pai, parece que eu sou uma estranha pra você (Mãe da Asheley triste)

 

-Não é isso que nós somos??? Desde que eu nasci, você nunca teve um pingo de consideração por mim, nunca participou dos momentos mais importantes da minha vida.....você não passa mesmo de uma estranha pra mim (Asheley furiosa)

 

-Como pode dizer algo assim??? eu sou sua mãe (Mãe da Asheley triste)

 

-Não....uma mãe, cuida de seus filhos, fica junto e participa da vida do seu filho.....você é nada mais do que uma cuidadora (Asheley muito séria)

 

Os olhos da mãe de Asheley enchem de lagrimas e ela diz:

 

-Você não sabe o quanto eu fiz por você....(Mãe da Asheley deixando uma lágrima escorrer)

 

-Me diga uma vez que você esteve presente no meu aniversário, no meu primeiro dia de aula, no dia em que eu me apresentei na escola, na minha formatura do ensino fundamental......você nunca se preocupou em participar da minha vida.....só depois que o papai morreu você decidiu dar uma de "mãe consoladora" sendo que eu preferia que fosse você no lugar dele (Asheley furiosa)

 

A mãe da Asheley emudece e Asheley continua:

 

-Pelo menos ele.....era verdadeiro, já você.....é uma hipócrita.... uma falsa....nunca se preocupou comigo..... ficou tão preocupada em ganhar esse seu dinheiro, que perdeu a chance de me ver crescer.....você não faz ideia de quanto eu te odeio por causa disso (Asheley ódio nas palavras)

 

-N-não filha....eu....eu só queria te dar uma vida digna.....eu só queria te dar uma vida feliz (Mãe da Asheley chorando)

 

-Eu nunca pedi isso, nunca quis que você trabalhasse igual uma condenada por mim....agora você acha que pode vir até mim querendo me consolar por que se preocupa comigo???? Me poupe né??? (Asheley sendo muito dura com sua mãe)

 

O celular da mãe de Asheley toca e Asheley diz:

 

-VÁ PRA DROGA DO SEU TRABALHO ESTUPIDO E ESQUEÇA QUE EU EXISTO.....COMO VOCÊ FEZ TODOS ESSES ANOS DA MINHA VIDA (Asheley gritando)

 

- Só espero que um dia você me entenda.....(Mãe da Asheley saindo do quarto dela)

 

-E eu espero que um dia você entenda a falta que você fez na minha vida quando eu precisei (Asheley batendo a porta do quarto com força)

 

Mãe de Asheley desce as escadas e Asheley fica ouvindo pela extensão de telefone:

 

-Alô?? Rei Lion??? Me sinto tão honrada do senhor me ligar assim tão diretamente pra mim...o que??/ mais um ataque dos humanos na região sudeste??? (Mãe da Asheley preocupada)

 

Asheley vira o telefone d diz sussurrando:

 

-DESGRAÇADOS (Asheley sussurrando)

 

Asheley colocou o telefone de volta na orelha e a mãe da Asheley diz apavorada:

 

-QUER DECLARAR UMA GUERRA FINAL CONTRA OS HUMANOS???? MAS.....MILHÕES DE VIDAS INOCENTES VÃO MORRER (Mãe da Asheley chocada)

 

-"Se for do lado humano é lucro pra nós" (Asheley pensando)

 

-Eu sei que o senhor já está perdendo muitos inocentes nessa trocação de farpas mas imagine o estrago que essa guerra poderá causar na nossa civilização??? É uma faca de 2 gumes e......sim, entendo, o senhor já tomou sua decisão final....sim senhor....estou de acordo...perdão pelo meu atrevimento (Mãe da Asheley triste)

 

-"Que legal, uma guerra que irá acabar com os humanos de uma vez por todas.....eu adoraria estar presente quando os animais estiverem transformando os humanos em entulho" (Asheley animada)

 

-Sim senhor....sou arqueóloga desde....Orbes??? Sim senhor....eu já ouvi falar delas, mas pensei que fossem um mito pra crianças he he.....poderes ilimitados??? Que eu me lembre são 12 orbes e cada uma conjura um poder, Orbe do Fofo, da Água, da terra, da....MAS SENHOR.....COM TODO RESPEITO.....EU NÃO SOU UMA AVENTUREIRA....SOU UMA SIMPLES E HUMILDE ARQUEÓLOGA.....EU SEI QUE SOU A MAIS INDICADA PRA ISSO MAS.....Eu não posso aceitar....me perdoe majestade....se eu conheço alguém pra ir no meu lugar??? Não senhor...meus colegas de trabalho dirão o mesmo pra o senhor (Mãe da Asheley séria)

 

-Hey majestade....eu quero participar disso (Asheley falando no telefone)

 

-ASHELEY....ESTAVA NOS OUVINDO PELA EXTENSÃO?? (Mãe de Asheley falando)

 

-Calada.....escute rei, se tiver alguma coisa que eu possa fazer para ajudar na destruição total daquela espécie....pode contar comigo (Asheley com olhar determinado)

 

-ASHELEY DRENORD DE CONSUELO, DESLIGUE ESSE TELEFONE AGORA MESMO (Mãe da Asheley furiosa)

 

-Estou nem ai pros riscos majestade...eu acho essas tais orbes......desde que o senhor me deixe ver de perto a destruição dos humanos (Asheley séria)

 

-FICOU MALUCA FILHA, OS LIVROS ANTIGOS DIZEM QUE AS ORBES SÃO PROTEGIDAS PELOS MAIS PODEROSOS GUARDIÕES E (Mãe da Asheley séria)

 

-CALA.....ESSA....BOCA.....NÃO QUERO OUVIR NADA DE VOCÊ SUA MULHER IDIOTA......A ÚNICA COISA QUE EU QUERO É VINGAR A MORTE DE MEU PAI....EU NÃO TENHO NADA A PERDER......SE EU SUMIR....BEM....VOCÊ NÃO IRÁ NOTAR MESMO (Asheley desligando o telefone aparecendo na escada)

 

-MAS....(Mãe da Asheley chorando)

 

-Vou ver se a Kat quer vir comigo....afinal....ela é bem mais aventureira que eu (Asheley saindo)

 

-Eu.....eu fui uma mãe tão ruim assim??? (Mãe da Asheley chorando)

 

Enquanto isso na escola, Kat e Zia estavam conversando no intervalo:

 

-Quer dizer que Asheley realmente mudou completamente depois da morte do pai??? (Zia comendo um sanduíche)

 

-Sim....só não a leve a série....ela não é uma má pessoa....só que....seu ódio pelos humanos a cegou de uma forma que ela só enxerga maldade nos humanos (Kat comendo sardinhas)

 

-Entendi....mas....por que você não me odeia também??? (Zia comendo)

 

-Eu não julgo um livro pela capa....falando em livro....por que você não larga desse caderno??? (Kat terminando de comer)

 

-Digamos que esse caderno possui propriedades magicas.....o que eu escrever nele, ira acontecer ou se materializar....quer dizer....nem tudo, já que esse caderno possui limitações (Zia ainda comendo)

 

-NOSSA....QUE DEMAIS, E QUAIS SERIAM ESSAS LIMITAÇÕES? (Kat surpresa)

 

-Hmmm...viagens do tempo, ressuscitar alguém que tenha morrido por causas naturais, ser imortal, desejar riquezas e poder nos 2 sentidos, desejar a morte de alguém ou a extinção de uma raça, resumindo.....coisas pra beneficio próprio (Zia pensativa com a ponta da caneta na boca)

 

-Pode fazer ele funcionar...eu quero ver (Kat animada)

 

-Claro....quer algo em especifico??? (Zia apertando o botão da caneta)

 

-Hmmmm....queria que a Asheley  estivesse aqui (Kat pensativa)

 

-Poderia falar o nome completo dela no caso de existir mais Asheleys por aqui? (Zia olhando pra Kat)

 

-Asheley Drenord de Consuelo (Kat pensando)

 

-Uau....você conhece ela bem mesmo (Zia surpresa)

 

-Claro....somos amigas desdo maternal hi hi (Kat sorrindo)

 

-Então vocês são quase como irmãs??? (Zia sorrindo)

 

-É....por ai.....(Kat pensativa)

 

Zia escreveu no caderno que queria Asheley Drenord de Consuelo junto delas e Asheley apareceu ali na mesma hora:

 

-O QUE DIABOS ACABOU DE ACONTECER??? (Asheley com os olhos arregalados)

 

-Olá Asheley....eu te trouxe aqui e...(Zia acenando)

 

-Coisa repugnante.......Kat o que você ainda faz perto dessa besta do inferno??? (Asheley séria)

 

-ASH....Se você desse uma chance pra pelo menos Zia veria que ela é....(Kat furiosa)

 

-....Uma assassina como qualquer outro humano.....pensa que essa sua cara de pirralha me engana?? Eu sei o motivo de você não ter matado Kat......é por que aqui, têm várias testemunhas (Asheley com o rosto sombrio e macabro)

 

-N-Não...eu não sou uma assassina (Zia assustada)

 

-Os filhotes de humanos neste reino, são vendidos como bichos de estimação.....cadê seus donos??? Normalmente no primeiro dia de uma humana num colégio de animais, os donos ficam por perto pra supervisionar se ele não causará problemas (Asheley muito séria)

 

-Pera....é verdade Zia.....cadê seus donos??? (Kat reparando)

 

-Escutem.....meus pais morreram porque eram muitos velhinhos quando me adotaram....eu posso provar (Zia com os olhos cheios de lágrimas)

 

-Você não teria os matado garota??? (Asheley com olhar sombrio)

 

--N-Não...eu não sou uma assassina...eu juro....olhe....(Zia mostrando uma foto dela com seus donos furries) Eles eram bem velhinhos e eram exploradores, eles encontraram esse caderno.....eu os amava....os amava muito.......eu passei metade do caderno escrevendo os nomes deles pra ver se eles voltavam a vida.....veja (Zia chorando dando o caderno pra Kat olhar)

 

Kat abre o caderno nas ultimas 20 paginas e vê os nomes dos donos de Zia escritos muitas vezes:

 

-Sabe porque eu disse que não poderia reviver pessoas que morreram de morte natural Kat??? Porque eu testei.... eles não me tratavam como bicho de estimação....eles me amavam como se eu fosse filha deles.....eles não podiam ter filhos por serem estereis.....eles queriam adotar uma humana pra cuidar como bicho de estimação.....mas eles perceberão que eu não era cruel e nem selvagem......por isso me adotaram como filha....eu não mataria eles....nunca (Zia chorando)

 

-Fale o que quiser humana.....você os matou pra mim...você é igual a todos os humanos....uns cretinos e (Asheley indo atacar Zia mas Kat entra na frente)

 

-Não se atreva.....Zia não é uma assassina pois ela desejou a vida aos animais que cuidarão dela.....se você ataca-la......será tão cruel quanto os humanos que você diz odiar (Kat furiosa)

 

-Eu vim chamar você pra uma aventura mas pelo visto você se tornou uma traidora (Asheley séria)

 

-Aventura....sobre o que se trata??? (Kat curiosa)

 

-O rei Lion me convocou para achar as orbes do poder para acabar com os humanos de uma vez por todas (Asheley sorrindo)

 

Zia estava com medo e começou a tremer:

 

-JAMAIS IRIA CONCORDAR COM ISSO....(Kat furiosa)

 

-Como quiser, mesmo se nós não fossemos, o rei mandaria outra pessoa.....mas eu não vou desperdiçar uma boa aventura......ate a volta fofa....beijo me liga (Asheley indo embora)

 

-ESPERE.....Eu...eu vou com você.....mas vou justamente pra que essas orbes não sejam usadas pra destruição das especies

 

Zia escreveu pro diretor não notar a ausência delae disse:

 

-Pronta amigas, podemos ir pra nossa aventura (Zia sorrindo)

 

Asheley olhou pra Zia de cima a baixo e disse:

 

-Primeiro lugar....preferiria ser amiga de uma rocha do que ser sua amiga......segundo.....que historia é essa de nossa aventura?? Cretinas como você não servem pra nada (Asheley irritada)

 

-Calma Ash, ela só quer ajudar (Kat sorrindo)

 

-Claro...só falta você convidar toda alegrinha e saltitante esse saco de carne inútil  pra ir conosco e....(Asheley séria)

 

-Claro Kat....estou dentro hi hi (Zia animada)

 

-Você não respeita minhas decisões mesmo (Ashely com olhar T_T)

 

-Garanto que um dia você irá me agradecer

 

-Quero só ver (Asheley irritada)


Notas Finais


No próximo episódio:

Na floresta....espera.....um garoto humano?? Ele quer matar Kat e Asheley??? Eu não vou deixar


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...