História Café Com Amor {JiKook} - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jimin, Jungkook
Tags Bangtanboys, Bts, Café, Daddy/babyboy, Drama, Jikook, Jimin, Jungkook, Kookmin, Lemon, Violencia
Exibições 176
Palavras 2.634
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


"O que você está fazendo aqui em pleno domingo a noite?"
SHAUDHAUDHAUHDUAHSUAS NÃO QUERO DEIXAR MEUS ANJOS CURIOSOS. Aproveite e não se acostume com capítulo fora da data HDHEUSHJDJJAJFJ

P.S.: Na hora da dancinha do Kookie, aconselho a ler ouvindo uma música lenta.

P.S..: Sim o kookie dança 🌚❤'

P.S...: A capa não foi feita por mim. Salvei de um FC do Twitter.

Boa leitura! - Hihi ❤❤🌚🌚

Capítulo 5 - Daddy


Fanfic / Fanfiction Café Com Amor {JiKook} - Capítulo 5 - Daddy

Ao ouvir o barulho, o loiro se levantou. Caminhou até a cozinha. Precisava beber algo ou até mesmo sentir um gosto de álcool na boca. Pegou uma garrafa de vinho e despejou uma certa quantidade do líquido em uma taça de vidro. Após guarda a garrafa na geladeira, segiu em passos lentos até a sala.

Visualizado cada canto daquele cômodo escuro. Lembrou-se de quando tinha seus 16 anos. Era perdidamente apaixonado no moreno - até hoje é.

Não poderia esquecer de jeito nem um, da promessa que fez para o garoto quando estavam na lua de mel.

— Por que você não quer que eu use algum tipo de brinquedos eróticos por agora?

— Quando eu ver que você estará realmente pronto, irei deixar você usar!

— Promete?

— Prometo!

Riu com a inocência do garoto. Era tão inocente ao ponto de ser fofo. Hoje Park Jungkook é o príncipe das provocações e malicias. Não que Jimin não gostasse. Muito pelo ao contrário. Amava quando Jungkook se fazia de difícil mesmo provocando. Mais o loiro já sabia que no final o moreno acabava se entregando aos prazeres que só o mais velho dava a ele.

Bebeu um pouco do líquido que se encontrava na taça e deduziu que Jungkook teve tempo o suficiente para fazer a tal escolha.

Em passos lentos e curtos caminhou até o corredor em que levava para a porta do quarto. Com a mão livre rodou a maçaneta da porta com cuidado. Suspirou por vencido quando se deparou com a cena a sua frente.

Jungkook estava nu deitado de bruços na cama, brincava com os dedos simbolizando impaciência. Ao ver o loiro entrar levantou o quadril e empinou o máximo que pode a sua nadegas.

Jimin depositou a taça no criado-mudo ao lado da cama e caminhou até ficar frente a nadegas do moreno. Passou a mão com cuidado na pele do mais novo, que soltava algumas arfadas.

— Você lembra quando pediu pra gente brincar com aqueles brinquedos eróticos, e eu não quis? - o loiro acarenciou as nadegas a sua frente. Escutou um gemido baixo como resposta - Use as palavras Jungkook. - deixou as mãos subirem pelas costa do moreno

— S-Sim…- como poderia esquecer daquele dia?

— Acho que este dia chegou, vejo que você está pronto! - Jimin deixou de acarenciar a pele branquinha. Caminhou até o guarda roupa. Bastou ergue os pés para alcançar uma caixa média. - Você acha que está pronto Kookie? - depositou a caixa na poltrona que tinha no canto do quarto.

— Se o Daddy diz que estou pronto… é porque estou.- a voz soou um pouco rouca.

De imediato Jungkook sentiu o suor descer por suas costa quando Jimin deixou um beijo rápido nas duas bochechas da bunda do moreno.

— Tão branquinho - o loiro referiu-se a pele do mais novo - Mas fica linda com alguns tons diferentes. Você não acha Kookie-ah? - caminhou para o rumo da caixa novamente. Mexendo nos objetos para que provocassem barulho. Tirou de lá um chicote preto.

— Sim Daddy. - suspirou. Os toques que havia recebido tinha deixado o moreno excitado. Não tardou em levar a mão até o membro e dar-lhe uma apertada para menizar a dor.

— Jungkook, deixei você se tocar? - ficou atrás do moreno, mas dessa vez um pouco mais perto. Fazendo com que o membro coberto pelo short do mais velho encostasse na entrada do moreno. Puxou os cabelos negros para trás fazendo então o maior olhar para si.

— Não Daddy…- o mais novo choramingou

— Então por que estava se tocando Jungkookie? - puxou mais os cabelos do moreno. Porém o mais novo nada respondeu - quero que conte!

— Contar o que Daddy…? AHH!! - gritou ao sentir o chicote ter contato com a sua nadegas.

Dois

Três

Quatro

Cinco

Seis

Sete

Oito

— Quantos até agora Kookie?

— O-Oito..- choramingou. Ouviu mais um barulho e sentiu uma ardência em sua coxa direita - Nove…- sussurrou

QUANTOS? - elevou a voz enquanto deixava mais uma lapada na coxa do moreno

— Dez Daddy… DEZ!!! - gritou em desespero

Jimin jogou o chicote no chão e acarenciou a parte do corpo do mais novo onde foi atingido com o chicote. A pele estava quente e brutalmente avermelhada, cheia de marcas.

Antes de voltar até a caixa que estava ainda na poltrona, depositou um beijo estralado na nuca do moreno.

Tirou da caixa 3 brinquedos.

— Baby vem cá. - o loiro sentou no pé da cama.

Jungkook engatinhou até chegar perto do mais velho. Afastou quando viu os três objetos na mão do outro. Estava com um certo medo do que o menor poderia fazer consigo.

— Não tenha medo meu amor! - puxou o moreno pelo braço, fazendo o mesmo sentar em seu colo.

Levou um par de orelhinhas de gato felpada até os cabelos negros acima de sí. Deixando as um pouco tortas no meio daqueles fios bagunçados. O moreno sorriu ao ver o menor levantando a cabeça pra ter uma visão melhor para consertar as orelhinhas. Depois de um tempo o loiro conseguio deixa-las do jeito certo.

— Baby, de quatro agora. - apontou para a cama.

Jungkook fez o que o outro mandou, assim ficando de quatro. Não demorou muito e sentiu um dedo do loiro, estava gélido e com certeza havia um pouco de lubrificante ali.

Era um desconforto para o moreno, que após acostumar com o dedo ali mexeu o quadril a preocura de mais contato. Fez careta quando o loiro enfiou mais um dedo fazendo movimentos de tesoura. Apertou os olhos evitando com que algum grunhidos escapasse de sua boca. Não conseguio conter um gemido de dor arrastado quando o menor forçou o terceiro dedo naquela pequena entrada.

Por um tempo que estava acostumada, rebolou algumas vezes sobre os dedos do mais velho. O menor passou a movimentar os dedos na cavidade do moreno, ouvindo gemidos vez alto vez baixo.

Retirou os dedos da entrada do maior, recebendo um gemido de reprovação.

Daddy…- olhou para trás dos ombros com um semblante sofrengo

O moreno revirou os olhos gemendo, quando o plug de metal com um rabo felpado encontrou com a sua entrada. Rebolou um pouco ao sentir o plug dentro de sí.

Jimin levantou da cama, assim tirando sua blusa. Ficando apenas com um short não muito colado, mais que estava apertado por conta da ereção. Pegou a taça do criado-mudo e sentou na cama, mas dessa vez com as pernas do colchão.

— Dance para o seu Daddy. - colocou o outro objeto que estava em mãos ao seu lado na cama.

Jungkook engoliu em seco. Sabia dançar apenas group girl. Não que estivesse com vergonha, mas nunca havia dançado para somente seu Daddy e ainda mais, nunca tentou dançar quando estava nu.

O moreno engatinhou até o seu celular que estava no criado-mudo ao lado do loiro. Colocou uma música qualquer, chingou mentalmente quando o aparelho começou em um toque baixo. Uma música lenta, mordeu os lábios antes de se levantar da cama.

Enconstou na parede, com uma mão acima da cabeça e a outra do lado da perna esquerda. Esperou para que o -a- cantor(a) começasse a cantar. Assim mexendo o quadril com o ritmo da música. As mãos que se encontrava acima da cabeça foram descendo lentamente.

Desencostando da parede, agora o garoto mexia o quadril com mais vontade. Tombou a cabeça para o lado assim que escorregou pela parede de uma forma sexy. Levantando com as duas mãos para acima, assim balançando elas no ritmo.

Deu dois passos até a cama e assim virando de costas para o mais velho que observava tudo sem se quer querer perder um movimento do maior.

O moreno levou as mãos para frente do corpo e desceu rebolando lentamente. O mesmo fez subindo. O toque da música ficava cada vez mais tenso. Jungkook dançava lentamente, enquanto Jimin bebia o vinho na taça.

O mais novo olhou atrás dos ombros, visualizando um Jimin duro, com a mão tampando sua ereção. Para provocar um pouco mais, levou a mão até os fios de cabelo negros, apoiou na poltrona, assim deixando a visão de sua bunda toda para o loiro. Rebolou, fingindo ser estocado. Gemeu baixinho, para provocar o outro. Olhou para a caixa enquanto rebolava sem pudor e sem vergonha, encarou um objeto que lhe chamou muito sua atenção.

Pegou a algema felpada rosa, colocou entre os dentes assim que fez menção de subir na cama. Foi engatinhando rebolando, fazendo com que o plug felpudo balançasse de um lado para o outro. O mais velho percebeu o que o outro queria, assim pegando a algema da boca do moreno.

— Quer que o Daddy te prenda? - ele assentiu balançando a cabeça

O loiro sorriu de lado, enquanto colocava no criado-mudo a taça no qual continha um pouco de bebida ainda.

Juntou as mãos a frente de seu corpo para que o loiro o prendesse. Feito isto Jimin voltou a posição de antes, tomando a taça em suas mãos novamente. Jungkook por sua vez, andou de joelhos até sentar-se no colo do mais velho.

— Você queria o seu bebê rebolando em você Daddy? - sussurrou no ouvido do outro

— Claro! - deixou um tapa na coxa direita do maior

Jungkook sem enrolação, movimentou sobre o colo do loiro que arfava enquanto acarenciava o plug felpado.

Jimin levou a taça de vinho até a boca do garoto, fazendo o mesmo beber o restante de vinho que tinha ali. Jungkook inclinou até os lábios do loiro e tomando-os para si.

Um beijo calmo, acompanhado com a música. O gosto do vinho estava fraco misturado com o gosto doce da boca do maior. Arfadas e gemidos vinham da parte do loiro.

Faça-me seu…- o maior sussurou no ouvido do loiro.

Jimin poderia mentir se falasse que aquelas palavras não teriam feito uma explosão de excitação em si. Logo de imediato soltou o plug em qual estava mexendo e deitou o moreno ao seu lado. E logo depois ficando entre as pernas do outro.

Inclinou-se até o pescoço branquinho a sua frente, deixando ali uma chupada que provavelmente ficaria uma marca roxa.

— Oh, eu também sei provoca meu amor. - Jimin desceu a mão até o membro rígido do moreno. Acarenciando devagar. - Sabe para que serve isto? - inclinou um pouco para pegar o brinquedo erótico.

— N-Não..oh, Daddy…- gemeu baixo, rebolando na mão do marido

— Hm… Então irei te mostrar! - segurou a base do pênis do moreno com certa força, colocando um anel vibrador ali. - Você só não pode gozar! - inclinou até o ouvido do outro. Voltando a posição de antes, ligou o objeto no máximo fazendo o outro gritar de excitação.

Jimin saiu do meio das pernas do garoto. Ficou de pé ao lado da cama. O short já estava encomodando, resolveu por tirar. Assim facilitava fazer o que estava querendo.

Voltou a ficar no meio das pernas do garoto, e se arrepiou todo quando o outro passou a rebolar, iniciando um contato com o pênis do loiro. Jungkook já estava suado, gemendo choramingou quando o loiro encerrou o contato. Tirou as algemas dos pulso do moreno jogando-as para longe.

Desligou o vibrador, recebendo uma bufada como reprovação.

Daddy…- choramingou

— Por que não senta no colo do seu Daddy? - mudou a posição fazendo Jungkook sentar em seu colo.

Jungkook olhou para o membro do mais velho e semi-serrou os olhos. Sem nem pedir, afastou um pouco para trás, puxou a cueca do loiro. O membro ereto pulou para fora.

Jimin puxou o moreno brutalmente, fazendo os troncos de ambos baterem. Iniciou um beijo afoito, necessitado. Jungkook passou a rebolar roçando os membros duros de excitação.

AH, Kookie…- segurou a cintura do outro, apertou forte para que a marca dos dedos ficassem ali por um bom tempo.

O loiro segurou o próprio pênis, colocando o debaixo do moreno. Que rapidamente ficou de joelhos sem deixa-lo ser penetrado.

— Que foi? - o loiro estava confuso. Pensou que tanto quanto ele ambos queria a mesma coisa. Mais viu nos olhos do outro, estava com medo.

— É que…- mordeu os lábios - O plug

— O que tem? Está machucando?

— Não…É que, Jimin... acho que fica meio desconfortável, o plug e o seu…

— Shh, confia em mim! Você vai gostar!

— Vai doer…- sussurrou baixo

— Pense no prazer que vai ter depois. Huh? - o outro nada disse - agora senta devagar…- mordeu os lábios ao ver o moreno assentir

Jungkook sentou devagar, sentindo o pênis do outro lhe invadindo. Competindo espaço com o plug. Gritou. Aquilo estava-lhe rasgando por dentro.

— Jungkook se continuar gritando, vou ter que colocar uma mordaça em você. Não estou afim de receber reclamações dos vizinhos! - a voz soou séria.

Jungkook apertou os olhos para não gritar. A medida que o membro do mais velho foi entrando, dividindo o pequeno espaço, o mais novo arranhou as costas do outro, que provavelmente ficaria cicatriz.

— AH, tão apertado…- sussurrou no ouvido do outro - tão gostoso.

— Jimin…- a voz saiu embargada.

— Que foi meu amor? - apertou a cintura do outro

AAHN…Porque dói tanto?

Após o pênis do mais velho ter sido acolhido pela entrada do moreno, esperou um pouco para que o mesmo acostumasse com a invasão. Jungkook encostou a cabeça no ombro do loiro, grunhia baixinho.

Jimin passou a acarenciar a costa do mais novo, em uma tentativa de minizar a dor. Logo após um tempo, o moreno passou a rebolar devagar. Sentindo um pouco de dor, continuou. Gemeu baixinho no ouvido do loiro, causando um arrepio.

Não precisou do loiro pedir para que fosse mais rápido. Pois o mais novo, passou a calvagar rapidamente. A dor que antes imensa, virou prazer. E Jungkook queria mais daquela sensação.

— Daddy…- chamou o mais velho

— Sim?

AHN…Tão bom. Tão gostoso.

— Você não viu nada ainda…- mudou a posição fazendo o moreno ficar deitado abaixo de sí.

Iniciou as estocadas de vai e vem. Vez rápido, vez devagar. Levando o moreno as alturas. Jungkook apertou os cabelos do loiro, tirando do mesmo um grunhido arrastado. Inclinou até os lábios do moreno. Selando os lábios o beijo aprofundado quando as estocadas passou a serem rápidas sem pudor. Jungkook soltou um gemido um pouco alto quando sua "ponto mágico" foi atingido.

— D-De novo… - pediu sofrengo

Jimin aumentou as estocadas, indo mais fundo no outro. Acertou mais uma vez o tal lugar. Fazendo Jungkook gritar em aprovação.

OH, Daddy…Dei-Deixa eu…AHHHHN…Deixa eu gozar?

— Claro! - levou a mão até o membro esquecido, e passou a masturbar-lo da mesma velocidade das estocadas.

Jungkook gemia, com os olhos fechados. Alguns fios de cabelo se encontrava em sua testa suada.

Oh, como está sexy.

Não demorou muito para que o moreno soltasse seu orgasmo. Melando a mão do outro. Jimin levou a mão suja de sêmen até a boca do moreno, para que o mesmo provasse o próprio gosto.

Jungkook chupou os dedos do mais velho fazendo um barulho como "ploc ploc".

Jimin agarrou os cabelos negros do mais novo, iniciando as estocadas novamente. Dessa vez sem hesitar algum movimentado rápido. O moreno gemia alto o nome do loirinho. Jimin ao ouvir os gemidos, se desfez do interior do mais novo.

OOOOHHH. - Gemeu baixo no ouvido do moreno

Saiu de dentro do garoto, deitou ao seu lado. Ambos estavam com a respiração descompassada. Jungkook arrastou o corpo para perto do marido, e deitou a cabeça no peito do mais velho.

Jimin depositou um beijo no topo da cabeça do mereno. Desceu as mãos até o plug, e retirou-o de lá. Assim deixando um Jungkook aliviado.

Fecharam os olhos deixando o cançasso dominar o corpo. Ambos dormiram agarrado, um sentindo o cheiro do outro. O loiro apagou a luz esticando os braços até o interruptor. Deu o último beijo nos cabelos do garoto antes de dormir.


Notas Finais


HDUAHDUAHSUAHSHAUHSUAHS Não fique tão felizinhas, próximo capítulo vai ter treta ~🌚

Tá, não quero ser tão filha da puta. Quero me explica. Tenho direito u.u
Bom, para que este capítulo acontecesse, o capítulo anterior tinha quer ser daquele jeito. Como vi que algumas de vocês não gostaram da agressão toda, vou manerar na violência u3u ❤❤
Sorry se fiz o capítulo anterior triste. ❤

Até o próximo capítulo ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...