História Caidos - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Anjos e Demônios, Beijada Por Um Anjo, Fallen, Sussurro (Hush, Hush)
Exibições 20
Palavras 672
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense, Violência
Avisos: Bissexualidade, Drogas, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


A imagem que aparece em baixo é de Samuel !!

Espero que gostem !!

Capítulo 2 - Prólogolo : Part 2


Fanfic / Fanfiction Caidos - Capítulo 2 - Prólogolo : Part 2

8 de setembro de 1889

Samuel estava arrumando suas malas ele não podia ficar mais nem um minuto mais perto de sua amada ele sabia que se ficasse mas uns instante naquela pousada o que iria acontecer , ele não queria perde ela mais uma vez não suportava toda vez ter que ver tudo se repetir de novo . Ele percebe que deixo o seu livro favorito na biblioteca e faz todo o trajeto até lá aquele livro avia sido ela que o avia dado em sua ultima reencarnação . Ele entra na biblioteca e avista o livro em cima do sofá verde musgo e caminha até o sofá e pega o livro . Ele sente a presença dela , não precisa se virar para saber que é ela que está o observando .

_ Ia embora sem se despedir ?_ Ela pergunta triste .

_ Sim _ Samuel confessa ainda costa pra ela . Ele não precisava se virar para saber que ela estava chorando , se ele se virasse para encara-lá não iria aguentar .

_ Eu fiz algo de errado ? se fiz me perdoe mais não me deixe _ Ela chora .

_ Não você não fez nada de errado _ Samuel responde ainda de costa pra ela .

_ Por favor olhe para mim _ Ela suplica chorando o que faz com que o coração de Samuel aperte . Ele não podia olhar para ela , mas ele não sabia quando teria outra oportunidade de olhar para aquele delicada face . Ele se vira e observa aquele lindos olhos verdes que varias vezes ele pego os observando , e aqueles macios cabelos castanhos ondulados que varias vezes ele teve a chance de tocar , e aqueles lábios macios que todas as vezes que a beijava o deixava louco .

_ Por favor não vá _ Ela suplica chorando .

_ Não posso ficar mais um instante aqui ... sinto muito _ Ele diz e vai em direção a porta . Mais logo para quando ouve aquelas belas palavras saindo dos lábios dela :

_ Eu te amo _ Ela diz com toda a sua força .

Não olhe pra , não olhe pra ela . 

Esses eram os pensamento dele , mais ele não aguento e volto a encara aqueles penetrante olhos verdes.

_ Eu também te amo Teresa _ E as palavras saim da boca dele antes que ele perceba .

Teresa corre em direção a Samuel e o abraça . Ele sentiu o cheiro doce que ela tinha , aquele cheiro que sempre o deixava viciado . Teresa tiro seus braços em volta de Samuel , o nariz dos dois se encostaram saltava pouco para os dois se beijarem . Samuel não consegui para de olhar para aqueles lábios perfeitos que Teresa tinha .

Não a beije ... não a beije ... não a beije .

 Essas palavras ficavam se repetindo na cabeça de Samuel .

Mas os dois não resistiram e se beijaram . Aqueles beijo era algo doce e feroz ao mesmo tempo era um beijo que parecia que iria durar para sempre , mas Samuel sabia que não iria durar na hora que os lábios de Teresa começaram a ficar frios , e ela paro de beija-ló e o  encaro assutada . Samuel entro em desespero .

_ Teresa ... meu amor _ Samuel a segura antes que ela caia no chão .

_ Eu estou morrendo ?_ Ela pergunta sem nem um pouco de medo .

_ Sim _ Ele responde entrando em desespero , mesmo que aquilo sempre acontecesse ele nunca se acostumava em ver sua amada morrer .

_ Por que ?_ Ela pergunta .

_ Por que você se apaixono por mim e me beijo _ Samuel responde e um lagrima cai em sua face .

Teresa fica pálida e fria . Ela sorri 

_ Então irei morrer feliz ... eu te amo_ ela suspira essas ultimas palavras e morrer deixando Samuel sozinho com sua tristeza eterna .

 

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...