História Cake Forever - Capítulo 58


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cara Delevingne, Kendall Jenner, Kylie Jenner, Rita Ora
Personagens Cara Delevingne, Kendall Jenner, Personagens Originais
Tags Cake, Cara Delevingne, Celebridades, Kendall Jenner
Exibições 68
Palavras 714
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Poesias, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 58 - A entrevista


Fanfic / Fanfiction Cake Forever - Capítulo 58 - A entrevista

Faltava cinco minutos para as 11:00 e kendall acabava de atender a ligação da repórter.

__Srta Jenner pretendo fazer cinco perguntas e quero deixar claro não acrescentarei e nem tirarei nada de suas respostas, acredito que consiga responde-las pensando que serão responsabilidades suas.

__Claro, estou cientes que serão minhas palavras.

__Ok, podemos começar?

Kendall respirou fundo.

__Sim.

__Voces já se conhecem a um tempo por conta da profissão mas só agora estão engatando em um relacionamento, a minha pergunta é, vocês se relacionam desde de que se conheceram ou é algo recente?

__É algo recente. Eu comecei a sentir algo diferente por ela há um tempo atrás, era algo que tentei entender porque estava acontecendo e ate mesmo tentei afastar, mesmo sem entender. Primeiro porque nunca tinha sentido nada igual antes e estava confusa e segundo, porque não podia falar com ninguem sobre aquilo pois no meu caso sempre corre o risco das informações acabar nas mãos erradas e tinha medo do reflexo que isso poderia ter em mim e tudo mais. Porem foi acontecendo coisas relacionadas e ela que me deixavam um pouco irritada, com ciúmes sabe e das quais eu não conseguia mais disfarçar. Eu não disse nada pra ela ate um certo evento e depois disso nós decidimos dar uma chance.

__E enquanto estavam se dando uma chance, em algum momento você pensou que poderia ser uma fase?

__Não, em momento algum eu cheguei a pensar que pudesse ser uma fase, durante essa fase de teste, por assim dizer, nós tivemos alguns problemas mas isso não fez eu nada do que eu sinto por ela mudar. Acho que foi muito o contrario disso, os problemas que apareceram me fez querer estar ainda mais perto dela, resolvendo eles com ela e tudo mais. Problemas a gente tem o tempo todo, não é algo raro, seria muita ingenuidade minha pensar que com a gente seria diferente. Da medo? Sim, mas é um medo que vale a pena.

__Nós sabemos que Cara é uma garota de mente aberta que não liga pra opinião dos outros, ela vive aquilo que lhe deixa feliz, eu não quero me interprete mal, mas você não assim, digamos que seja mais reservada. Quando começaram a dar uma chance para essa paixão, posso dizer assim? Você ficou com medo do que os outros iam pensar? Ou do que estão pensando agora?

__É como eu disse, eu tinha medo de falar sobre meus sentimentos por ela pra alguém, pelo fato de que outras pessoas pudessem ficar sabendo mas depois eu percebi que não importa o que quer que eu faça as outras pessoas vao pensar de mim aquilo que quiserem pensar, eu vivendo de acordo com o que elas querem ou não, então porque eu vou deixar de ser feliz se nada do que eu fizer ou deixar de fazer, é importante? Eu to feliz agora, em momentos assim as pessoas esperam ganhar apoio, eu espero isso mas se não vier não vai fazer a menor diferença pra mim.

__Perguntei se poderia chamar de paixão?

__Voce pode chamar do que quiser mas eu prefiro chamar de amor.

__Ultima pergunta, você pensa em como vai ser o futuro com ela? Daqui uns dois ou três anos?

__Na verdade eu não penso muito nisso não. Penso em viver o agora com ela, o agora e o futuro andam de mãos dadas. Se parar pra pensar o hoje é o agora e amanha é o futuro. Eu não sei o que vou fazer amanha mas vou fazer alguma coisa e pretendo estar com ela, e você pode pensar que é um pouco desorganizado viver assim mas se tentar fazer isso vai que é libertador.

__Obrigada pela entrevista Kendall, eu gostei muito de fazer isso e espero que possamos fazer isso mais vezes. Eu estou feliz por isso ter acontecido com vocês, acho que mais pessoas poderiam ter essa coragem quer tiveram e desejo toda felicidade pra vocês.

__Obrigada, foi um prazer responder suas perguntas e sim, quem não possamos fazer isso outra vez.

__Tenha uma boa tarde.

__Obrigada, você também tenha uma boa tarde.

Kendall desligou o telefone e respirou aliviada por ter sido tao calma. Pegou sua bolsa na mesa ao lado do PC e desceu para pegar um taxi até o hospital.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...