História Caminho do Sucesso - Capítulo 48


Escrita por: ~

Postado
Categorias Vocaloid
Personagens Len Kagamine, Luka Megurine, Miku Hatsune, Mikuo Hatsune, Personagens Originais, Rin Kagamine
Tags Caminho, Colegial, Luka Megurine, Miku Hatsune, Rin Kagamine, Romance, Songfic, Sucesso, Vocaloid
Exibições 29
Palavras 1.312
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Musical (Songfic), Romance e Novela, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Heey, pessoas!
Eu sei... Nós demoramos para postar o capítulo, mas é que nós estávamos aproveitando um pouquinho as nossas férias!!!
Então... Nos desculpe!!!
Boa leitura.
:)

Capítulo 48 - Capítulo 47


Fanfic / Fanfiction Caminho do Sucesso - Capítulo 48 - Capítulo 47

Anteriormente em “Caminho do Sucesso”...

- Eu? Esquecendo de algo? – Fiz uma expressão de dúvida.

- É assim então? Ok, vai ter que levar roupas agora. – Ela me mostrou a língua.

Eu cai na gargalhada.

- Calminha, não fica estressadinha! – Eu disse ainda rindo muito e ela revirou os olhos.

...

- RIIIN, PRECISO DE VOCÊ URGENTEMENTE, É COISA SÉRIA! VEM AGORA PRA MINHA CASA.

- Nossa...

Me sequei rapidamente e a Nami projetou uma roupa básica em mim. Desci até a entrada do apartamento e, por sorte, dei de cara com um táxi livre, pelo menos não terei que ir andando. Indiquei o local para o motorista e cheguei lá em menos de 10 minutos.

...

- Nenhum de nós queremos.

- Fala com seu pai que você vai se manter no basquete, e que você só se juntou a nós pra fazer companhia.

- Mas o problema não é eu sair do basquete, o problema é ele entender que dinheiro não é tudo no mundo. – Disse Mikuo bufando irritado. – Enfim, vamos continuar com nossa noite.

...

        Enquanto a Miku cantava, a galera ia fazendo o Backing Vocal. Ficou perfeito! E essa música tinha tudo haver com que o Mikuo estava passando, e aposto que não é só ele, mas também um monte de outros jovens que são obrigados a fazer aquilo que os pais querem, como justificativa de ter um futuro melhor. Mas isso não é verdade, acredite em si mesmo, e siga seus sonhos. Garanto que você vai conseguir algo tão bom, se não melhor, que o dinheiro: a felicidade.

 

Agora...

 

Luka Pov’s On

 

Bom... No momento, eu estou no aeroporto junto com o pessoal, se despedindo da Rin, do gatinho dela e da sua pixel, afinal ela embarca hoje em sua jornada.

- Tchau galera! – Ela disse se despedindo da gente.

- Eu vou sentir saudades... – Falei abraçando-a e fazendo o meu típico drama de sempre.

- Também irei... –Ela abraçou todo mundo e foi embora.

- Tchau, Nami, iremos sentir sua falta. – Falou todos os pixels, se abraçando em conjunto.

- SE VOCÊ NÃO GANHAR ESSA BUDEGA, EU VOU FICAR MUITO CHATEADA, OUVIU RIN?!?! – Falou a Miku e a Rin apenas deu um sinal de “ok”.

Ficamos um tempo no aeroporto, apenas esperando o avião decolar. Depois disso, fomos todos para as suas destinadas casas.

- Só eu to com vontade de chorar? – Perguntei me referindo a Leko.

- Só! – Ela disse e logo acrescentou. - Eu estou mais é feliz que ela vai realizar seu sonho.

- Sim, você tem razão... – Falei me sentando no sofá e tirando os sapatos. – Mas da uma tristeza, não?

- Sim... Sem querer tirar esse clima dramático, mas você ainda tem aula, então...

- Eu sei to indo me arrumar. – Falei subindo a escada. – Ou melhor, você poderia fazer isso pra mim, não é? – Comecei a fazer uma cara de cachorrinho pidão e logo meu uniforme apareceu magicamente no meu corpo. – Obrigada, ajudou muito!

- De nada, agora vai logo se não você vai se atrasar...

- Ok. – Falei e fui direto pra escola.

Eu realmente não sei como a Leko pensou na escola, afinal estamos perdendo uma amiga... Ok, não estamos necessariamente perdendo, mas é como se tivéssemos.

Cheguei à escola e no primeiro momento eu não encontro ninguém, dos meus amigos, reunido por aí. Era só o que me faltava! Eu ficar sozinha bem hoje que estou precisando de colo.

- E aí, Luka! – Falou o Luki chamando minha atenção. – Perdida?

- Com certeza.

- A galera ta toda reunida ali. – Ele apontou para uma árvore, onde todos estavam sentados debaixo dela, nós dois fomos até eles.

- Nossa está parecendo um enterro aqui... – Falei observando os seus rostos. - Vamos melhorar esse astral gente.

- Não to muito afim hoje não... – Falou o Len se aconchegando mais na árvore.

- Ok, então. – Falei e me sentei perto deles. – Mas eu duvido que se a Rin tivesse vendo isso não ficaria irritada.

- A gente só não está afim hoje, Luka... – Falou a Miku. – Os dois primeiros horários hoje são vagos deixa a gente relaxar.

- Ok, quando vocês quiserem fazer alguma coisa me fala, eu vou estar na sala de música. – Disse me retirando.

Fui direto para a sala de música, enquanto estava sendo perseguida por uma criatura bem...

- O que é? Agora deu para grudar em mim? – Falei encarando a peste na minha frente. - Sai daqui carrapato.

- Eu não to te seguindo, apenas não queria ficar entediado.

- Vai se divertir com as suas luquetes, porque eu não to a fim de te aturar hoje. – Falei enfatizando “luquetes”.

- Luquetes? – Ele disse rindo. – Não tinha um nome melhor não?

- Olha aqui, Luki, já não estou nos meus melhores dias, então não vem começar a me irritar, por favor. – Ameacei-o e continuei a seguir o meu caminho.

- Sabe que hoje eu fiquei com ainda mais vontade de te irritar... – Ele começou a chegar perto de mim.

- Se eu fosse você se afastava, porque eu to com uma vontade de te bater... – Fechei os meus punhos com força e ele se afastou um pouquinho.

Fomos para a sala de música e avistei a nossa galera lá!

- O que vocês estão fazendo aqui? Ou melhor, como chegaram aqui tão rápido? – Perguntei surpresa vendo todo mundo ali.

 - A professora de música, convocou todo mundo, porque ela queria dar um recado. - O Mikuo falou e logo em seguida a professora começou a falar.

- Então, eu chamei todos aqui para avisar que hoje vocês não terão mais aula, mas eu vou passar um exercício pra vocês... Amanhã terá uma apresentação do clube de música, então quero que vocês escrevam uma canção sobre o que vocês estão sentindo e apresentem-se, entendido? -  Ela perguntou olhando para nós.

- Sim. – Todos os alunos presentes do clube de música responderam.

- Então, boa sorte. – Ela disse se retirando.

Eu iria me retirar também, assim como todos os outros estavam fazendo, mas fui impedida pelo Luki.

- Eu quero te mostrar uma coisa. – Ele disse me puxando para algum lugar.

Chegando no local...

- O que você quer me mostrar aqui na piscina? – Perguntei enfatizando “piscina”.

- Nada... Só te trouxe aqui, pois você estava muito irritada, então decidi esfriar a sua cabeça... Desse jeito! – Ele disse me jogando na água e pulando logo em seguida.

- RETARDADO, IDIOTA, VAI SE FERRAR! – Comecei a jogar água nele e xingar-lo ao mesmo tempo.

- Nossa... Quanta magoa nesse seu coraçãozinho. - Parei de tacar água na criança e comecei a afogar ele, quer dizer tentar... O filho da mãe era muito forte. – Então, já chega né? Já da para perceber que você não é tão forte assim. – Eu dei um soco logo em seguida e ele começou a rir.

- Idiota. – Falei ainda irritada, mas me acalmando um pouco.

- Sabe de uma coisa? – Ele perguntou chegando perto de mim. – Você fica muito fofa com raiva. – Não vou nem falar nada, porque eu acho que vocês já devem saber o que aconteceu.

*Link das imagens nas notas finais*

 

- VOCÊ É IDIOTA OU O QUE?!?! – Gritei me exaltando e sai da piscina. – Eu não estou aqui para o seu entretenimento. – Falei olhando para ele e me retirando.

Esse garoto pensa que é quem? Ele me beija e depois ele me trai e agora ela não sai do meu pé, ah... Eu to cansada disso, ou ele para por bem ou... Eu não faço nada, até porque eu sou da paz, da pomba branca, das vibes boas, a que acredita que o Papai Noel vai sair pela chaminé... A que não quer sofrer problemas amorosos, porque pelo amor  né? Já tem muita gente ao meu redor sofrendo com essas merdas, eu não to a fim de sofrer também!


Notas Finais


Espero que tenham gostado!!!

Não vou comentar sobre o que aconteceu para não dar spoilers, mas parabéns os dois já podem ser atores, porque o nível de drama está em alto nível....

Imagem da Luka e do Luki:
https://lh3.googleusercontent.com/RjCk4N5YnOPVbra7nqo0EkFOCKoywfIQV8wOMXtWk6gOp_6lRuzPvpnJnHxle1mZSqOjoBJe6Q=w1366-h768-rw-no

^.^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...