História Camren- Te Amo Para Sempre - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Ariana Grande, Austin Mahone, Demi Lovato, Fifth Harmony, Selena Gomez, Shawn Mendes
Personagens Ally Brooke, Ariana Grande, Austin Mahone, Camila Cabello, Demi Lovato, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Selena Gomez, Shawn Mendes
Exibições 434
Palavras 983
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Luta, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yuri
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


OOIIN BOLINHOS
MOMMY DENS VOLTOU :)
COMETEM POR FAVOR
BOA LEITURA

Capítulo 7 - Capítulo 7


-Oi Lauren. -Camila disse me despertando dos meus pensamentos.

-Oi Camila, eu vim entregar sua blusa. -Eu digo estendendo o braço que a blusa ta e ela pega. -Obrigada mais uma vez.

-Não foi nada Lauren. -Ela disse e pegou a blusa. -Quer entrar?

-Não obrigada, eu so vim entregar a blusa, já estou indo para casa. -Eu disse e ela assentiu. -Tchau Camila.

-Tchau Lauren. -Ela disse.

 

Fui para a minha casa e fiquei na sala assistindo 'Invocação do mal 2', fiquei assistindo ate a campainha tocar e eu gritei de susto (quem não vai gritar? as luzes apagada e na hora do susto a campainha toca) me levantei e fui ate a porta, abri ela e lá estava Camila.

 

-Lauren, Lauren, tem um monstro no meu quarto, por favor mata para mim. -Ela disse rapido e balançando a mão frenetica.

-Hey, calma, monstro? Que monstro? Vamos la. -Eu disse e fui com ela ate sua casa. enquanto ela subia as escadas eu olhava para a bunda dela, minha santa Ally, que bunda. Entrei no quarto dela e a mesma estava atras de mim. -Onde esta o monstro?

-Olha ele ali Laur. -Ela apontou para uma barata. -Mata ele por favor. -Ela choramingou.

-Tá. -Peguei um chinelo e fui ate a barate e a matei, peguei uma folha sem uso e peguei com ela, fui ate o banheiro e a joguei junto com a folha. -Pronto senhorita 'tenho medo de barata'. -Disse rindo, sai do banheiro e so vi um chinelo voando ma minha direção e acertar minha barriga. -Outx muier, ta doida? Doeu sabia.

-Eu não tenho medo. -Ela disse.

-Não, magina, não foi eu que saio da minha casa para te chamar para matar uma barata. -Disse e fui ate ela, fiquei na frente dela e ela me deu um tapa. -Eita porra, assim fico cheia de hematomas.

-É para ficar mesmo. -Ela disse e eu corri dela e ela veio correndo atras de mim. -Volta aqui Lauren.

-Não, você vai bater em mim. -Eu digo correndo e sai do quarto dela, desci as escada e no ultimo degrau eu cai. -AAII.

-LAUREN! -Ela desceu as escadas e sentou ao meu lado. -Você esta bem?

-Estou Camila, não se preocupe, eu so escorreguei. -Eu disse ficando de pé e ela faz o mesmo.

-Tá mesmo? -Ela pergunta e eu balanço a cabeça positivo. -Esta bem, obrigada. -Ela diz e da um beijo na minha bochecha.

-Tenho que ir, a casa esta aberta e não tem ninguem lá. -Digo e ela me leva ate a porta. -Tchau Camila. -Digo dando um beijo na bochecha dela mas pega no canto da boca.

-Tchau Lauren e obrigada. -Ela diz e eu assento com a cabeça.

 

Volto para a minha casa e fecho a porta, vou para a sala e me deito no sofá, fiquei assistindo filme de terror ate 7hrs pm, o tempo fechou e tava chuviscando. Fui para meu quarto, tomei banho me troquei e voltei para a sala, liguei para uma pizzaria e pedi uma pizza de calabresa, demorou 40 minuto e o entregador chegou, paguei a ele e dei uma gorjeta ao mesmo, fui para a cozinha, peguei um como e coloquei suco, sentei e para comer e a chuva ficou mais forte e dava trovoadas. Tava comendo minha primeira fatia e faltou luz.

Ouvi gritos e batidas na minha porta, corri ate lá e abri a porta tão rapido que machuquei meu dedo.

 

-Lauren. -Camila veio ate mim e me abraçou bem forte.

-Hey, o que foi? -Fechei a porta e fui com ela abraçada ate a cozinha e peguei meu celular botando na lanterna.

-Eu tenho medo de trovões -Ela disse escondendo o rosto na curva do meu pescoço. - e faltou energia, é que tenho medo mesmo.

-Ata, então fica qui, tenho certeza que você deixou a porta aberta. -Eu disse e ela assentiu ainda com a cabeça na curva do meu pescoço. -Fica aqui que eu vou fechar, a chave ta na porta?

-Sim, não me deixa sozinha aqui Laur. -Ela diz toda manhosa tirando a cabeça da curva do meu pescoço.

-Mais eu vou so fichar a porta, volto rapido. -Eu disse e peguei um taco de baseball e dei a ela. -Qualquer coisa, pode taca.

-Tá bom, volta rapido. -Ela disse rindo e eu assenti.

 

Sai de casa e fui para a casa de Camila, cheguei lá e a porta estava aberta, ouvi latidos e fui para o quintal, chegando lá, abri a porta e Nark veio ate mim. Peguei um pano e enrolei Nark, peguei ele no colo, fechei as cortas, peguei a chave e fui para a minha casa.

 

-Camila, cheguei e trouxe o Nark. -Eu disse indo para a cozinha e ela quase taca o taco de baseball em mim. -Hey, calma, sou eu e Nark.

-Nark, você pegou ele. -Ela disse pegando o cachorro dos meus braços.

-Sim, ele tava latindo e todo molhado, dai trouxe ele para não ficar la sozinho. -Falei e me sentei. -Vem comer pizza. -Disse e ela se sentou do meu lado, bem colada em mim.

 

Comemos conversando e eu dava risada da Camila quando dava trovoadas. Chamei ela para ir ao meu quarto, chegando lá, me sentei na cama e ela fez o mesmo, Nark ficou de baixo da cama.

 

-Nark também esta com medo. -Eu disse.

-Sim, ele não é fã de trovões que nem eu. -Ela disse. -LAUREN. -Ela gritou e pulou no meu colo depois que ouvimos o barulho do trovão e eu fiquei rindo.

-Calma Camz, é so trovão, não tem por que ficar com medo. -Eu disse e ela virou o rosto para me olhar.

-Mas eu tenho medo. -Ela disse em um sussurro e ela olhou para a minha boca.

-Mais não tenha, eu estou aqui. -Disse também em um sussurro e fomos aproximando mais nossos rosto.

Continua...


Notas Finais


É ISSO AI BOLINHOS :)
ESPERO QUE GOSTEM
DESCULPA QUALQUER ERRO
MOMMY DENS AMA VOCÊS
ATE DE NOITE OU SEGUNDA :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...