História Can I Be Him? ➹ jungkook + jimin • jikook - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor Unilateral, Can I Be Him?, Jikook, Jimin, Jungkook, Kuzu No Honkai, Namjin, Professor, Sope, Taeyoonseok, Yoonseok
Visualizações 17
Palavras 1.345
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Ficção, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 4 - • Four - Acho que estou gostando dele. •


Fanfic / Fanfiction Can I Be Him? ➹ jungkook + jimin • jikook - Capítulo 4 - • Four - Acho que estou gostando dele. •

ANTERIORMENTE!

- Quero brincar! vamos brincar hyung? - Fala num tom sapeca.

- Okay... Do que você quer brincar?

- Disso...

❁ ❀ ✿ ✾❁ ❀ ✿ ✾❁ ❀ ✿ ✾❁ ❀ ✿ ✾

- Disso...

Jungkook que estava por cima de meu corpo, começa a beijar, morder e chupar a pele sensível de meu pescoço, á deixando marcada. Eu fecho meus olhos e a única coisa que vem em minha mente era... Jung Hoseok... ah hyung...

Eu não conseguia parar de imaginar Hoseok ali, isso só me excitva mais ainda, sinto as mãos de meu hyung descendo até a barra da camisa que estava usando a levantando e passando sua mão pela extensão de meu abdômen indo até minha cintura... espera... o que estou imaginando? não é o Hoseok...

Acordo de meu transe e olho novamente para o ser que estava fazendo tudo isso, vendo Jeon ali, já ofegante... não muito diferente de mim. O de cabelos escuros vem de encontro com minha orelha, sinto a sua ereção passar na minha, me tirando um gemido baixo.

Ele sussurra.

- Imagine que é o Hoseok que está fazendo tudo isso com você ok? - sussurra e morde de leve minha orelha, ah... isso está me excitando muito. Apenas asinto.

Ele me encara com um olhar hipnotizante e ataca meus lábios, em um beijo quente, feroz e de tirar o fôlego, depois de alguns segundinhos a imagem de Hoseok vem em minha mente novamente, me fazendo delirar.

Nossas línguas travavam em uma luta, sem perdedores, apenas ganhadores. O sabor de morango se espalhava por minha boca, o Hyung tem um gosto tão bom... tão viciante...

Infelizmente, a falta de ar se fez presente, fazendo com que nós nos separe, mais ainda com corpos colados.

O quarto estava ficando cada vez mais quente, só se ouvia o som de nossas respirações pesadas e ofegantes. Isso estava me deixando louco... com tão pouco...

- Você já esta assim? - "Hoseok" fala apertando a minha ereção. - Wow que rápido... - Dá um sorriso malicioso em minha direção, sinto meu rosto corar, aish, eu tinha que corar uma hora dessas????

Sim gente... eu sou virgem, acho que por isso que estou me excitando fácil assim...

- Por favor h-hyung, não vamos fazer rodeios e vamos para o que interessa... - Imploro, já sentindo um desconforto enorme entre minhas pernas, estava necessitando de ser tocado!

- Vamos com calma... eu prometo fazer você gozar baby... - sussurrou em meu ouvido fazendo-me arrepiar por inteiro.

No mesmo momento que o Hyung estava à caminho da minha causa, escuto o som do meu celular tocando, avisando que alguém estava à ligar para mim. No mesmo instante, tudo volta ao normal, minha cabeça volta a raciocinar normalmente... o que eu estava prestes a fazer? Meu Deus!

Me separo de Jeon e pego meu celular, vendo lá a chamada de Hoseok... era tudo uma ilusão... como sempre...

Sinto meu celular vibrar, olhei para a tela do aparelho que estava ainda em minha mão e vi que era do hyung.

Mensagem On:

Hobi♡: Jimin! cadê você? sua mãe está preocupada! volte pra casa rápido!

Sinto lágrimas descerem de meus olhos, não sei a mínima para o que tinha lido, Tudo não passou de uma simples ilusão, por que meu coração estava doendo tanto assim?... por que sempre era meu coração... que doía?

- H-hyung? - lembro que Jeon ainda estava ali, limpo ligeiramente minhas lágrimas, não queria passar a impressão de que não gostei... no fundo, eu tinha amado, mas não queria admitir, Sentia que estava traindo o Hoseok... mesmo não tendo nada com ele. Virei meu rosto em sua direção, vendo a expressão um pouco chateada de meu maknae, ele não tinha culpa, nós dois estamos no mesmo barco. - M-me desculpa...? - pede sem me encarar, pois estava de cabeça baixá.

- Calma Kookie... está tudo bem okay? e... não precisa se desculpar. - ouvir seu fungado, ai ai... - Venha cá com seu hyung, huh? - peço e abro meus braços o esperando. assim ele fez, veio ate mim e me abraçou, estava realmente carente...

- Por que meu coração dói tanto Hyung? - falou com a voz trêmula, ele estava sentindo o mesmo que eu... nesse momento não iria o largar, ele precisava de alguém, e eu também.

- Sei como se sente meu bebê, mas como você mesmo disse hoje mais cedo, tente ser forte! só assim irá conseguir seguir em frente e lutar pelo seu amor... eu estou seguindo seu conselho, agora só falta você. - me deitei na cama novamente e o trouxe comigo, deixando o moreno deitar sua cabeça em meu peito, começo a fazer carinho no mesmo.

- Promete... - ele pausa, suspira. - Nunca me deixar hyung? - Ele levanta a cabeça para me encarar... ah essa carinha, por que está mexendo tanto comigo ultimamente... isso é errado!

- Por que isso tão derepente Jeon? - O olhei confuso.

- Apenas me prometa Hyung! vai? - vejo mais lágrimas saírem de seus olhinhos lindos que pareciam umas jabuticabas. Sorri em meio as lágrimas que estavam cortando meu rosto... não tinha precebido que estava chorando também.

- Eu promento Jeon, você vai sempre me ter ao seu lado, te enchendo o saco, te perturbando, te abraçando, fazendo tudo com você. - beijo sua testa. - Não tenha medo okay? - O abraço e ele me aperta muito forte... estou estranhando.

- Te adoro Hyung...

Depois disso tudo, resolvemos dormir um pouco, já estava ficando tarde e teríamos aula amanhã, mandei mensagem para O Hyung dizendo que iria ficar na casa do Jeon hoje.

Na casa do meu namorado.

•••

1 SEMANA DEPOIS

Depois desse acontecimento todo, eu e o jeon estávamos "mais próximos" vamos dizer assim...?

Eu e ele não nós desgrudavam um do outro, chegava a ser estranho, pois nós dois sabíamos que não poderia ter sentimento nesse relacionamento, mas estava sendo difícil...

Para mim...

Sim... para mim, sinceramente eu não sei o que estou sentindo. estou começando a ficar com medo, ultimamente venho sentido pontadas de ciúmes quando vejo alguma garota dando encima do Jeon, ou quando ele sai sem me avisar, sinto meu coração bater forte quando o vejo, isso tudo está estranho demais e eu não quero saber o final disso tudo...

Mas eu estava gostando.

Hoje eu e o Tae iríamos dormir na casa do Jin hyung, Iríamos fazer um tipo de festa do pijamas a três, queríamos fazer isso a muito tempo mas não conseguimos por causa de nossos namorados sempre no nosso pé.

- Hyung... - Tae resmunga/me chama manhosamente esticando a última sílaba da palavra "Hyung". - Por que não me respondeu naquele dia que você saiu com o Jungkook? Isso me deixou magoado. - pois a mão sobre o peito e fez cara de super magoado, nossa.

- Pois é, nem sequer mandou o que aconteceu no nosso grupo, poxa... - agora foi hora do Jin se pronunciar.

- Esperávamos mais de você Jiminie.

- Gente, não aconteceu nada, por isso não contei nada... - Vejo eles resmungarem coisas como "ata bom" "então eu e o Namjoon nunca fizemos" - é sério! só rolou uns beijinhos e dormimos juntinhos e só.

- Que sem graça.

- Gente... - os chamei.

- Sim? - eles responderam em conjunto.

- Eu queria contar uma coisa para vocês... só que... e-eu não sei se posso. - mordo meu lábio inferior, estava nervoso, mas queria contar para alguém.

- Pode falar amor, iremos te ajudar com o que precisar! - Jin me abraça de lado.

- É Jiminie-hyung! pode falar! lembra que sou seu best friend? - Ele brinca fazendo aquela carinha dele - moonface - e me dá uma cotovelada meio leve.

- E-eu...

- Não precisa ficar nervoso, apenas nós conte, assim poderemos te ajudar! - Jin tenta me confortar.

- Eu... eu... eu acho que... - suspiro. - Eu acho que estou gostando dele...

Continua!

❁ ❀ ✿ ✾❁ ❀ ✿ ✾❁ ❀ ✿ ✾❁ ❀ ✿ ✾


Notas Finais


isso tá começando a esquentar rsrsr

desculpem a demorinha, estava mt sad pra continuar
mas tamo aí nekkkkkk

dê fav e comente oq sta achando, isso me motiva d++ bicho

espero que tenham gostado bbs💕

se você chegou até aqui, a park isa te ama ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...