História Can I Call You Daddy ? - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Personagens Originais, Rap Monster, Suga
Tags Imagine, Imagine Suga, Min Yoongi, Suga
Visualizações 370
Palavras 1.268
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Comédia, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiee gente, nossa vocês pegaram fogo nos comentários! Eu me surpreendi com tantos deles! Bom, então já que vocês estão já encomendando o caixão, está na hora de prepararmos o enterro. Kkk
Boa leitura!

Capítulo 25 - Então eu não sou importante assim para você.


Já não conseguia dormir mais depois daquilo. Eu sentia uma mistura de nervosismo e curiosidade ao mesmo tempo. Eu queria pular da cama e depois pular em cima dele/dela e começar a sacudilo/lá até eu ter respostas concretas que, o que eu vi era só minha imaginação fértil. Corei ao lembrar de seu "amiguinho".

- Aigoo! Não consigo parar de pensar nisso... - murmuro cobrindo me rosto contra o travesseiro. Eu queria gritar mas não podia, queria surtar até o infinito e além mas não conseguia. Respirei bem fundo.

" Bom isso explica a revista playboy..." pensei. " E a voz também. "

Reviro os olhos batendo minha cabeça contra o travesseiro. Como eu pude ser tão cega ao ponto de não ver os sinais?! 

Suspirei olhando para o teto. Olhei para o lado e vi o corpo de Min Yoongi encolhindo em sua cama. Bufei baixinho cruzando os braços. Como até dormindo ele parece uma garota?!

Tá bom, primeiro, vamos tentar dormir e a amanhã pensamos melhor no assunto.

[...]

Acordei com o barulho do despertado ecoando pelo todo quarto. 

- Ah? O que? - indago olhando para os lados. Me sento na cama e espero meu cérebro ligar de vez, o que foi uma péssima ideia, por que quando isso aconteceu acabei por lembrar da cena de Min Yoongi no banheiro. Corei imediatamente, comecei a me abanar.

Céus e aquele corpo?! 

Não, (S/n), não é a melhor hora para pensar nisso - quem sabe na hora de recreio ou na aula de sociologia - Agora precisamos de um plano. Primeiro, para descobrir mais coisas, eu devo agir naturalmente, mostrar nenhuma reação, agir normal assim então...

Assim que conseguir acalmar mais o fogo em mim, vejo o ser chamado MinYoongi sair do banheiro já vestido com o uniforme. Vejo o os pés à cabeça. Coro de novo e vejo ele entortar a cabeça para o lado, me levanto desastradamente e corro para o banheiro. Tranco a porta e suspiro. 

Certo, o plano A, não deu muito certo.Hora de irmos para ao plano B que é o.... Qual é o plano B mesmo?

                      MIN YOONGI 

Assim que saio do banheiro vejo  (S/n) sentada em sua cama. Por alguma razão ela me olha dos pés até a cabeça, entorno minha cabeça para tentar adivinhar o que ela está pensando até que sem nenhum motivo, as bochechas dela fica vermelha e ela corre pro banheiro. Fico confuso, o que será que acontec...

Nego com a cabeça.

Não Yoongi, ela não deve ter me visto entrar no quarto ontem, você vi com os próprios olhos que ela estava dormindo, a sensação de ter sido observado ontem a noite enquanto estava tomando banho é coisa da sua cabeça!

Suspiro dando de ombros. Pego o meu celular e vejo os horários das aulas.

Ah não.... Tenho três aulas seguidas de sociologia...

[...]

Assim que o sinal toca corro para a lanchonete da escola para conseguir comprar um pão doce mas assim que viro o corredor trombo com alguém. 

- Ah...Foi mal aí. - digo massageando a minha cabeça. Assim que a levanto vejo Min Yoongi no chão me olhando confuso. - Mi-min Yoongi? - indago me levantando.  Começo a ficar nervoso e mordo o lábio enquanto sigo o olhar de Min Yoongi até minha boca. Arregalo os olhos pondo a mão em minha boca. 

Isso só foi minha imaginação certo? Ele NÃO olhou para minha boca certo?

Assim que o mesmo se levanta saio correndo apavorada até o refeitório. 

Isso foi só a minha imaginação não é?

                        MIN YOONGI 

Assim que viro o corredor para ir ao banheiro trombo em uma pessoa. Levanto meu olhar severo mas não o faço quando vejo  (S/n) em minha frente sentada no chão com as pernas abertas. Aproveitei e olhei de relance a sua calcinha. Senti minha ereção pulsar no meio de minhas pernas. Por muita sorte o que tecido é grosso e não aparece nada. Meus olhos se encontram com os dela fazendo minha ereção pulsar ainda mais.

- Mi- min Yoongi?

Suspiro fundo tentando me controlar para não ataca-lá aqui mesmo no corredor. Vejo a mesma se levantar e por alguma razão morder os lábios.

Ah  (S/n), você está me testestando...

Penso assim que me levanto, mas quando olho para o lado ela não está mais ali. Dou de ombros e saio correndo pro banheiro.

Preciso me esvaziar antes que alguém descubra. 

[...]

 Graças a Deus o sinal toca para irmos para o dormitório, não aguentava mais ver aula de química. Pela minha sorte hoje teve sexto horário fazendo eu ficar até tarde. Arrumo minhas coisas e pego o meu celular e o ligo. Claro que eu não ia deixar o meu celular ligado né? Ainda mais com as mensagens de Daddy para me destrair. Por que mês qui vem é o mês das provas e eu não posso me desconcentrar por nada nesse mundo. Absolutamente não. 

Assim que meu celular liga, sou bombardeada por mensagens.  Saio da sala de aula e clico no meu aplicativo de conversa e a maioria são de meus pais. Mas a que mais me deixa curiosa é a mensagem de Daddy, assim que vejo sua mensagem vejo também que foi mandada a meia hora atrás. Engulo em seco e corro para a sala aonde nós nos encontramos.

Abri a porta e como sempre só vejo o escuro. A fecho e olho ao redor. Nenhum sinal de vida. Suspiro até que um pouco... desapontada. Ah claro, não é como se o Daddy ficasse me esperando ou algo do ti...

Assim que giro sinto mãos me empurrarem para o lado me fazendo cambalear e tropeçar em meus pés. Quase que eu caio por falta de equilíbrio. Sinto meu coração desparar.

- Daddy? - indago olhando para os lados, infelizmente não vejo nada.

- Aonde estava? - perguntou. Ouço sua respiração pesada no ar se instalando com a minha. 

- Eu estava na aula.- digo baixinho como se acabasse de revelar um pecado que eu tenha cometido. 

- Que feio babygirl, me trocando para uma aula chata... - disse parecendo zombar de mim. Por alguma razão posso sentir o seu sorriso no rosto.

- Eu n...

- Não adianta retrucar babygirl por que eu sei que para você... - fez uma breve pausa dando passos até mim. Sinto meu coração acelerar só esperando Daddy vir até mim. -  Essas aulas são mais importantes do que...

Sinto seus dedos deslizaram sobre minha pele, os arrepios logo vêem em meus braços.

- Meus toques... - ssussurrou chegando mais perto. Minha respiração começa a ficar pesada sentido já o corpo de Daddy contra o meu. Por incrível que pareça não consigo me mexer nem se quisesse.

- Os meus beijos... - disse beijando o contorno de meu pescoço. Estremeci mordendo os lábios. Assim que virei meu rosto para frente Daddy roçou seus lábios contra os meus. Achei que ele ia me beijar e me agarrar mas assim que fez menção disso ele se afastou.

- Se é isso então você não precisa de mim. - disse.

Ah não,isso já é tortura!

Comecei a procurar o braço de Daddy na escuridão e finalmente achei assim que meus dedos roçaram em sua blusa. Deu um passo a frente e agarrei seu braço o puxando para trás. Assim que se corpo foi para minha direção fiz questão de procurar seu rosto e depois seus lábios. Rapidamente os encaixei em um beijo lento, assim que o ar se fez presente encostei nossas testas.

- Se é isso que você pensa, me deixe mostrar para você que está muito enganado.

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Eitaaa! Eai gente, pergunta... qual é a cor da sua calcinha??😂😂😂🌚🌚
Estou certa que muitas já sabem o que vai rolar né? 🌚🌚
Aiii meu Deus estamos chegando a duzentos e cinquenta FAVORITOS eu estou surrando muito! A cada comentário é um surto! Eu realmente amo vocês :3

Comentem!!! Isso me deixaria muito feliz!!🙏🙏🙏


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...