História Can we stay together? - Capítulo 19


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Ayato, Beijo, Colegial, Comedia Romantica, Drama, Harem, Incesto, Liam, Originais, Original Carachter, Otp, Romance, Shoujo, Yaoi
Exibições 1
Palavras 3.016
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishoujo, Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Oi gente. Primeiramente queria dizer que o capítulo anterior ficou curto porque era pra ele ter sido escrito junto com o antes dele, mas eu estava morrendo de sono e teve que ficar separado.

Essa nova foto que coloquei de perfil é uma versão mangá/anime da Sue! Tenho uma da Draya. Mas o app ue eu fiz é meio limitado então não da pra chegar a fundo na essência delas!

Normalmente eu não faço roteiro. Eu as vezes tenho pré ideias e vejo se fica legal ou não. No geral eu falo "vou postar capítulo". Ai leio onde parei o último, escrevo e envio. Então sim, sai bem na hora de modo que as vezes nem eu sei o que vai acontecer muito. Eu dou uma planejada tipo "fulano vai sair com fulana".
Um capitulo de 2000 palavras leva cerca de quase duas horas pra escrever. Além da criatividade, eu tô usando o cel, então demora muito pra digitar aqui. Se fosse no PC seria mais rápido. Mas fazer o que.

Esse capítulo não tô com muitas pré ideias. Vamos ver o que sai... Acho que era só isso que eu queria dizer.

Esse capítulo vai ser misto. Todos os OTP pra história andar mais rápido.

E eu tava ouvindo a Butterfly do BTS e tipo tem tanto a ver com RenLouis. E eu nao consigo dar um nome pra esse shipp.

Capítulo 19 - I like u


No dia seguinte Louis e Ren chegaram praticamente juntos na universidade. Louis estava no pátio quando Ren chegou. Eles foram para a sala que eles sempre ficavam matando tempo e assim que fecharam a porta Louis se jogou em seus braços o beijando. Os dois estavam empolgados e queriam um ao outro. Ren puxava os cabelos negros de Louis enquanto esse beijava seu pescoço. Ren mordia o lábio de Louis enquanto esse traçava todo seu torso e costas com os dedos. Ren tinha uma pegada firme em Louis. Uma de suas mãos estavam na sua nuca enquanto a outra o puxava pela cintura.

"– Dormiu bem ontem?" — Ren perguntou entre beijos.

"– Maravilhosamente bem." — Louis disse.

Ren mordeu o pescoço de Louis e o puxou para o sofá que havia ali.

Não muito longe dali Shane e Katrina conversavam. Sue passou por eles e ela é Shane trocaram um abraço e um beijo. Ela saiu apressada. Estava indo encontrar Ayato que tinha ido mais cedo que ela para a universidade. No caminho ela esbarrou com Liam que evitou que ela caísse com o impacto deles.

"– Calma. Onde a senhorita está indo com tanta pressa?" — Liam falou rindo.

"– Desculpa por ter esbarrado em você. Eu estava indo falar com o Ayato." — Sue disse tomando fôlego.

"– Hm, certo Sue. Corre lá. Te vejo depois então." — Liam sorriu para ela.

"– Claro. Até depois" — Sue saiu e lhe deu um sorriso e acenou para ele. No caminho ela quase esbarrou com outros dois alunos.

Logo Sue encontrou Ayato. Ele lia um livro enquanto ia entrando na sua sala, mas parou assim que Sue o chamou. Ele esperou Sue estar ao lado dele e a abraçou perguntando se estava tudo bem.

"– Eu preciso urgente da sua ajuda. Eu esqueci de fazer um relatório. Você pode me ajudar e me emprestar também o livro da aula do Nicolas?" — Sue disse terminando a frase com um sorriso amarelo.

"– Como assim você esqueceu? Sue, você tem que se importar mais com seus estudos. E eu vou ver se acho o livro para você." — Ayato falou de cara fechada para ela.

"– Eu anotei em uma folha solta e ela acabou indo parar no fundo da bolsa, põe isso eu esqueci. Juro que não foi irresponsabilidade." — Ela fez uma carinha meiga para ele.

"– Você não arruma sua bolsa não? Como você só foi achar isso hoje?" — Ayato falava sério com ela.

"– É que eu precisei pegar meu RG que também estava lá." — Ela disse meio baixo.

"– Seu RG fica jogado no fundo da bolsa? Pelo amor Sue. Seja mais organizada. Você não é mais criança. Quando você chegar hoje, quero que você organize todas suas coisas e principalmente essa sua bolsa que pelo visto sai qualquer coisa de dentro." — Ayato agora falava bravo com ela.

"– Ah claro. Nunca falei pra você mas ela tem um compartimento secreto para outra dimensão." — Ela respondeu com sarcasmo.

"– Vem, vou pegar o livro pra você. E seu relatório peço para um dos meninos te levar. Essa aula eu vou estar na sala do Liam e do Louis. Sua aula com o Nicolas é na segunda, certo? Antes do final da primeira eles levam pra você." — Eles entraram na sala e Ayato procurava um livro no meio de uns papéis, livros e pastas que estavam espalhados em uma mesa.

"– Obrigada irmãozinho. Prometo que vou ser mais organizada. Amo você. Muito, muito. Pode me pedir qualquer coisa. To te devendo. E você fala de mim mas essa mesa está uma bagunça também." — Ela provocou e saiu rindo com o livro.

Não muito tempo depois as aulas se iniciaram. Ayato dava aula para a sala de Liam e escrevia o relatório ao mesmo tempo. Ele abriu um tempo de 5 minutos para uma discussão entre a turma para que ele pudesse conferir o relatório. Ele fez algumas modificações, deixou menos acadêmico e escreveu um bilhete em um papel auto colante:

"Não se esqueça de ler antes. Acho que está bom. Não apronta mais dessas. Te vejo no almoço. Estou com saudades. Te adoro."

Antes do final da aula Ayato chamou Liam e Louis no canto e pediram para que eles levassem um envelope para Sue.

Ayato continuou dando a aula. Ele sabia que Liam e Louis não teriam problemas em perder uma parte da explicação. E qualquer coisa eles poderiam procurá-lo depois também.

Os dois foram em direção a sala de Sue.

"– O que você acha que é isso? Porque ele não esperou o final da aula?" — Louis perguntou.

"– Eu não sei ao certo, mas hoje quando encontrei Sue ela disse que precisava falar com o Ayato urgente. Deve ter a ver com isso." — Liam disse.

"– Faz sentido. Vamos lá." — Louis falou batendo na porta.

O professor de Sue saiu da sala, falou com os garotos e depois entrou na sala e apenas colocou o envelope na mesa de Sue que sussurrou um 'obrigada'. Louis e Liam voltaram para a sala deles.

Sue não teve problemas com a aula do professor Nicolas. Todas aulas se seguiram como sempre. Algumas entediantes, outras mais empolgantes. Louis as vezes pensava em Ren. Era uma pena Ren ser da turma H e ele ser da A. Eles não faziam nenhuma aula juntos. As áreas de estudos deles eram bem diferentes. Ren se lembrava dos beijos com Louis. Ele não via a hora de fugir daquela sala. Hoje os cálculo e fórmulas estavam fazendo ele enlouquecer. Ele só não matava todas as aulas porque não adiantaria muito. Ele continuaria pensando em Louis.

Depois de muitas aulas, minutos que não passavam nunca, suspiros, números, teorias, textos e fórmulas depois, finalmente chegou o horário do almoço.

Sue e Ayato se encontraram. Shane estava com Katrina. Ele já não estava tão empolgado a respeito dela. Ela não fazia muito o tipo dele. Ren estava com Louis. Liam fazia as coisas de sempre. Ele sempre estava com alguém, fosse para dar alguma ordem sobre algum projeto ou para conversar. Liam tinha até algumas amigas que não seguiam o padrão garota louca da universidade Katsuo.

Louis estava deitado no colo de Ren que mexia em seu cabelo.

Sue estava encostada em Ayato e ambos liam.

Shane estava na tesouraria resolvendo coisas. Katrina estava com outras garotas.

Liam tinha acabado de fazer tudo que precisava e caminhava pelos jardins do campus procurando um lugar para descansar.

Ayato fechou o livro e disse para Sue que precisava voltar.

"– Você precisa descansar. Você não está se cobrando demais não Ayato?" — Sue perguntou preocupada.

"– Quanto antes eu terminar, antes eu descanso. Esse é praticamente o último projeto desse mês. Se eu terminar logo vou ter todo o resto do mês para descansar. Essa pesquisa é importante." — Ayato respondeu.

"– Se você diz. Só não se esforce demais." — Ela sorriu para ele.

"– Você vão ficar bem?" — Ele perguntou antes de sair.

"– Vou sim. Se cuida." — Ela sorriu.

"– Você também Sue." — Ele acenou e saiu.

Sue estava lendo quando Liam se aproximou dela. 

"– Hey, resolveu as coisas com o Ayato? Aquele envelope tinha a ver com isso?" — Liam falou.

"– Oi! Ele pediu para você levar né? Obrigada. Tinha a ver com isso sim." — Ela respondeu guardando o livro.

"– Arram. Posso?" — Liam indicou o lugar ao lado dela.

"– Claro!" — Sue sorriu para ele.

"– Como andam as coisas na estufa?" — Ele perguntou.

"– Estão indo bem. Provavelmente vamos conseguir cumprir a meta para o próximo evento." — Sue disse.

"– Isso é bom! Falando nisso, você quer nos ajudar no próximo evento com a decoração?" — Liam falou.

"– Posso pensar sobre." — Ela sorriu.

"– Mas dessa vez não é pra fugir como você fez no evento de boas vindas. Shane contou que vocês ficaram por aí..." — Liam riu.

"– Não foi bem por aí! Falando nisso, onde será que ele está?" — Sue questionou.

"– Muito provavelmente na tesouraria. As coisas estão movimentadas essa semana." — Liam respondeu.

"– Eu havia me esquecido disso. Ele não ia muito lá antes." — Ela disse.

"– Sim. Algumas vezes não é preciso. Por isso ele só foi chamado agora. Você sabe que tem mais garotos né?" — Liam explicou.

"– Sim. Me lembro de Shane ter falado." — Sue respondeu.

Os dois ficaram conversando até o final do almoço. Enquanto isso Ren e Louis conversavam sobre a próxima estréia dos cinemas. Ren segurava a mão de Louis e disse que se ele quisesse, poderiam ir juntos.

"– Falando nisso, quer ir lá pra casa hoje?" — Ren perguntou.

"– Hoje tenho todas as aulas. Ficaria tarde para voltar para a minha depois." — Louis disse.

"– Melhor ainda. Você poderia dormir lá." — Ren falou.

"– Um outro dia talvez." — Louis respondeu.

"– Tá bom. Como foram as aulas hoje?" — Ren mudou de assunto.

"– Intensas, longas, cansativas.... O de sempre." — Louis respondeu.

"– É verdade. Hoje não vou ter nenhum período livre." — Ren suspirou.

"– Hoje o Ayato pediu para eu e Liam irmos levar um envelope na sala de Sue. Parecia ser alguma coisa urgente e ele não poderia largar a aula." — Louis comentou.

"– Faz tempo que não falo com a Sue. Você é Liam são da mesma sala né?" — Ren perguntou.

"– Sim. Seria legal se você também fosse." — Louis sorriu.

"– Também acho. Mas é inviável pegar transferência. Quem sabe no próximo ano podemos ficar todos juntos. Falando nisso, poderíamos sair todo mundo no fim de semana. O que você acha?" — Ren indagou.

"– Eu acho uma boa! Mas você não acha que será um problema se nos virem juntos?" — Louis perguntou sem jeito.

"– Você tem problemas com isso? É verdade que ninguém sabe sobre mim, mas eu não me importo. E também todos sabem que somos amigos e que sempre estamos juntos. Não acho que eles se importariam se soubessem que estamos juntos." — Ren afirmou.

"– É mesmo. Ninguém sabe sobre você. Sobre mim algumas pessoas sabem e outras desconfiam. Mas a maioria não sabe. Você não acha que seria complicado?" — Louis disse.

"– Não. E acho também que nossos amigos não vão ligar. Mas se você se sentir incomodado com isso, podemos ser discretos também. Não tenho problemas com isso. Nem com esconder, nem com os outros saberem." — Ren garantiu a Louis, tentando o acalmar.

"– É verdade. Você já namorou. As pessoas sabiam?" — Louis perguntou.

"– Algumas. Na verdade em um deles todos sabiam porque era uma coisa mais chamativa. No outro nem tanto." — Ren explicou.

"– Entendi. Nenhum deles é daqui né? — Louis perguntou de volta.

"– Não. Apesar de quando eu estava no primeiro ano eu ter namorado essa pessoa. A outra foi antes." — Ren disse.

"– Eu não sabia porque não te conhecia. Aliás me pergunto como nunca havia te visto antes. Você estuda aqui desde o 1° ano? Nós já estamos no terceiro." — Louis estava confuso.

"– Acho que é porque eu mudei um pouco. Mas provavelmente você me viu. Eu já havia te visto. Se lembra de garoto de cabelo preto que sempre estava com uma garota ruiva na frente da universidade?" — Ren perguntou sem jeito.

"– Se for uma ruiva que sempre usava roupa justa ou curta, eu me lembro. Mas o que tem isso?" — Louis ficou confuso.

"– Eu era o cara de cabelo preto. E ela era a minha ex. Meu cabelo era maior também." — Ren falou com medo da reação de Louis.

"– ... você? Espera. Você é ex da ruiva? Você não é gay? Não pode ser você. Aquele garoto era diferente. Ele era bem mais magro também." — Louis andava de um lado para o outro.

"– Dá pra parar com isso Lou? Primeiro, eu andei malhando. Segundo, eu não tenho preferência. A outra pessoa que eu namorei era um garoto." — Ren disse.

"– Você é bi? Espera. É coisa demais. Como assim não tem preferência? Aliás eu realmente achava que você era hétero. Então só agora soube que você era gay. E então agora descubro que você não é. Apesar de tudo fez sentido agora. Mas se você não é gay, porque eu?" — Louis falou sentando ao lado dele de novo.

"– Porque não você? Eu não tenho uma preferência de dizer que saio só com um, ou só com outro. Acho que todo esse tempo que nos conhecemos é motivo suficiente para te escolher. Eu gosto de você." — Ren sorriu para ele.

"–Isso significa que você pode me trocar por uma garota?" — Louis perguntou.

"– Primeiro que não vou te trocar. Segundo que se eu fosse gay seria por outro garoto. Acho que não tem diferença ser um ou outro." — Ren riu.

"– Tem razão. Eu estou sendo idiota, né?" — Louis fez uma carinha de menino inocente.

"— Um pouco. Mas é o idiota mais fofo do mundo." — Ren colocou a mão em seu pescoço.

"– Ainda bem que você não é hétero. Seria um desperdício." — Louis riu.

"– Certo. Podemos marcar então com o pessoal?" — Ren perguntou.

"– Claro. Depois vemos isso. Mas vem aqui antes que tenhamos que voltar para a aula." — Louis falou puxando Ren pra cima dele e o beijando. Os dois ficaram juntos até dar o horário das aulas.

...

Ao final das aulas, Louis estava com Liam esperando por Ren. Shane estava passando por lá e se juntou a eles. Logo Ren chegou. Os quatro começaram a conversar e Louis comentou sobre eles saírem todos juntos. Shane e Liam concordaram e Liam disse que eles precisavam falar com Sue e Ayato também. Mal ele acabou de falar dela, ela apareceu de mãos dadas com Ayato.

"– Sue! Você não morre mais. Liam acabou de falar de você." — Louis disse.

"– Falou o que?" — Sue perguntou.

"– É lindo o amor não é? Ele fala nela e ela aparece." — Shane falou e todos tiram, exceto Liam.

"– Já pode entrar para o circo Shane. Louis e Ren estavam falando de sairmos todos juntos de novo e eu falei que tínhamos que falar com vocês dois. Ignora esse palhaço do Shane." — Liam falou.

"– Ele tá com medo do cunhado." — Shane cochicou com Ren e Louis e eles riram.

"– Entendi. Eu topo." — Ayato falou olhando para Sue.

"– Então só me resta concordar." — Sue falou.

"– Nossa Sue, você não tem vontade própria? Acho que esses garotos que você anda te fazem um pouco mal. Você deveria deixar o Liam e o Ayato um pouco de lado e voltar para o lado branco da força." — Shane brincou.

"– Pelo menos os garotos no lado negro da força são menos babacas né Shane. Você está impossível hoje. O que aconteceu?" — Sue perguntou.

"– Eu estou enlouquecendo. Hoje o dia foi uma loucura. Quase não consegui respirar." — Shane disse.

"– Não estou entendendo mais nada." — Liam disse e os outros concordaram.

"– O Shane fica sarcástico e idiota quando está estressado. Só dar um pouco de colo que isso passa." — Sue explicou.

"– Por isso eu amo ela." — Shane sorriu.

"– Mas ela não é do Liam?" — Louis perguntou confuso.

"– A Sue não é de ninguém." — Ayato falou.

"– Sério que vocês acham que eu e Liam temos alguma coisa? Que iludidos vocês." — Sue falou.

"– Também não precisa partir o coração do Liam assim Sue." — Ren falou.

"– Se eu tivesse um. E parem com isso. Eu e Sue não temos nada." — Liam falou.

"– Até porque o Ayato já teria te matado se tivesse." — Shane falou e todos tiram. Até Sue e Liam.

"– Eu não sou assim também né. Vocês ainda agem como crianças. O máximo que eu faria era mandar Sue para um convento." — Ayato brincou.

"– Aí eu traria as freiras todas para o lado negro da força. Seria expulsa no segundo dia pela madre superiora se ela também não se desvirtuasse. Além do que você não conseguir ficar 1 semana longe de mim Ayato." — Sue brincou.

"– Não mesmo. Mas como você disse, você seria expulsa no segundo dia." — Ayato riu.

"– É sério isso? A Sue não parece ser assim." — Liam falou.

"– É tudo brincadeira Liam. Não leve esses dois a sério." — Sue falou.

"– A Sue é a garota mais perfeita do mundo. Por isso a gente brinca. E só vocês que não perceberam ainda o clima que rola entre vocês. Mas eu prefiro assim." — Ayato falou e Sue e Liam se olharam e depois desviaram o olhar.

"– Está na hora de irmos Ayato. Tchau pessoal. Se cuidem." — Sue disse puxando Ayato.

"– Se cuidem garotos." — Ayato acenou e piscou para Liam.

"– Para de tentar se enganar. Está na cara que vocês se gostam. Você fica enrolando, vai aparecer outro cara interessante e vai tirar ela de você." — Shane disse e Louis concordou.

"– Mesmo se eu gostasse, ela não gosta de mim. Não se esqueçam que nós brigavamos antes." — Liam falou.

Os garotos ficaram conversando ainda um tempo e depois foram para casa. No caminho Ayato perguntou a Sue se ela gostava do Liam. Ela não conseguiu achar uma resposta. 

Depois do jantar, Sue subiu para seu quarto e ficou pensando em todos os momentos que já teve com Liam. Ela não conseguia esquecer de quando quase se beijaram em cima da árvore durante a viagem para o lago. Ela se perguntava se eles se gostavam mesmo. Ela dizia para si mesma que eles não poderiam ficar juntos, até porque há um tempo atrás eles não iam com a cara do outro. 

Sue dormiu se perguntando o que ela queria. Antes que ela achasse a resposta, ela adormeceu.



"Em um reino dois príncipes se amavam em segredo. No reino vizinho, um príncipe não tinha coragem para convidar a princesa para uma dança. Ela olhava os casais de cima do camarote. Um outro principe acenou para ela. O primeiro príncipe não poderia entregá-la assim. A princesa seria disputada num duelo de espadas, a menos que ela fizesse a escolha."








Notas Finais


Pra não cortar esse capitulo que nem eu fiz com o outro, eu escrevi ele em dois dias.

Vamos esperar e ver o que acontece nos próximos capítulos! Mas acho que Sue quem vai fazer alguma coisa. Ou talvez apareça outro garoto...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...