História CAN'T (Just Right) MARKSON - Capítulo 23


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, JR, Mark, Youngjae, Yugyeom
Tags 2jae, Fluffy, G7sp, Got7, Jackson, Jinyoung, Júnior, Mark, Markson, Yaoi, Yugbam
Exibições 302
Palavras 465
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Fluffy, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 23 - My Heart




Jackson Wang

-Noivo? - Mark pergunta assustado, olhando para mim .

Um nó formasse em minha garganta, vejo lágrimas grossas descerem de seus olhos . Não era para Mark saber disso .

- Por que escondeu isso de mim? Você sabe como está doendo? - Mark pergunta entre os soluços de seu choro .

- Não tinha por que contar, eu achava que Jinyoung havia morrido . Não tem como eu ter um noivo morto . - Explico no mesmo estado .

- Você pretendia esconder isso de mim para sempre? - Esbraveja, me fazendo  sentir culpado .

- Eu não queria falar de Jinyoung, eu passei muito tempo tentando esquece-lo .- Falo com a voz embargada .

- Missão falhada . - Jinyoung ri .

- Vai em frente! Me mata logo, você ama ele, tanto que é seu noivo . - Mark grita bravo .

- Eu não vou atirar em ninguém! - Grito .

- Ah vai sim . - Jinyoung diz . - Você não pode ficar com dois, ou o sobrinho ou o noivo . Lembra Jackson, quando você pediu minha mão?

- Jinyoung! - Alerto .

- Naquela praia, linda praia! Ao luar, velas aromáticas naquela cabana . - Olho para Mark, que negava com a cabeça .

Mark está me assustando, seu comportamento hoje está diferente, onde está aquele Mark calmo?

Não posso negar o que sinto por Jinyoung, eu não havia o esquecido por completo . Mais também amo muito Mark  . Não tem como eu matar um deles, do nada, como se fosse a coisa mais normal do mundo .

- Deixe de ser fraco, Wang . - Jinyoung diz . - Atire!

- Isso mesmo, atire . - Mark concorda, com um olhar estranho .

Eu não posso fazer isso .

Mais não tenho outra saida .

Respiro fundo, e miro  em Mark, ouço a risada de Jinyoung, e continuo encarando Mark .

- Mark ...  Me descobri muito apaixonado por você, eu ti amo,  deveria ter ti falado a verdade antes . E sinto muito por tudo que você passou, e que vai passar . - Lágrimas pesadas desciam de meus olhos, deixando minha visão turva .

Respiro fundo, agora apontando a arma para Jinyoung, vendo seus olhos arregalar .

- Você foi tão importante para mim, eu realmente ti amo, e sofri muito quando disseram  que você tinha morrido, você voltar do nada, deixa certas coisas confusas. - Abaixo a arma . -Não quero rancor guardado, por isso peço que me perdoem, antes de tudo .

Levanto a arma de novo, e aponto para a pessoa certa, puxando o gatilho, ouço o disparo e gritos .

Mais eu só fiz o certo . Atirei no  grande culpado de tudo .

Meu coração .







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...