História Caratê - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Artes Marciais, Caratê, Karate, Luta, Shotokan
Exibições 15
Palavras 802
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Romance e Novela, Shounen
Avisos: Heterossexualidade, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem! De sua opinião nos comentários! E hey, vocês, leitores fantasmas, apareçam!

Capítulo 9 - The final fight and preparation


 **Salto de um mês em relação ao último capítulo**

Erick ia todos os dias treinar caratê. Seu corpo tinha se viciado em esforço físico. Quando chegava em casa depois do caratê, treinava ainda mais. Seu corpo era outro. Seus músculos estavam definidos, inclusive seus socos estavam fortes. Mas não quanto seus chutes, que ainda eram seu ponto forte junto com a esquiva.

Depois de algumas aulas teóricas sobre a essência do caratê e sua filosofia montada no Tao do yin yang, sua sede de vingança tinha sido amenizada. Seu ódio estava escondido, mais muito forte em relação a Bruno.

A relação dele com Ana,e estava melhor do que nunca. Claro, como Ana era muito sensível, discussões eram constantes. Mas com sua palavra calma, Erick controlava a situação

E é claro, o campeonato se aproximava, mas Erick não tinha muitas informações. Na verdade, ele não sabia nada sobre o campeonato.

**Dia seguinte, academia**

-Bom dia Shihan -Disse Erick entrando no lugar

-bom dia Erick. Chegou mais cedo hoje, por que?

-gostaria de saber mais sobre o campeonato que se aproxima. Não sei nada sobre ele.

-ah claro -Disse Shihan respondendo- o campeonato é interestilos. Todos tipos de lutadores, das mais diversas artes marciais, podem participar. Todos é claro, que representarem sua academia. Só um pode representar. No caso da nossa, você.

-uau, me sinto honrado. Obrigado pela oportunidade Shihan. Mas acho que Ana deveria participar porq...

-Opa para aí.- interrompeu Shihan- eu não posso escolher minha filha. Serei acusado de favoritismo. Igualmente você está fazendo agora. Indicando ela por causa da relação dos dois.

-Sim, o senhor tem razão. Peço perdão.

-bom Erick, você terá que se preparar para lutar contra os mais diversos lutadores. Eu chamarei mestres das mais diversas artes marciais. Junto a eles, um aluno.

-Nossa, obrigado Shihan.

-hoje irei trazer o metre de kung fu estilo tigre, e mais um aluno dessa academia. Vou ligar para lá, já volto.

-Oss-.

Erick esperou em torno de trinta minutos enquanto dava chutes em um saco de pancada.

Até que entra um senhor de aspecto chinês,gordo com uma roupa clássica de kung fu vermelha. Logo em seguida, um brutamonte, de cabelos loiros raspados. Para surpresa de Erick, Bruno.

"Só pode ser brincadeira, como eu odeio e amo o destino ao mesmo tempo!"

-bom, os dois para o tatame por favor- ordenou o gordo chinês. -prazer eu sou Renato, mas isso não importa. Estou aqui para te treinar para o campeonato. Meu aluno que está presente também vai participar do campeonato, o nome dele é bru..

-Bruno - interrompeu Erick- nós somos grandes amigos na escola.

-é mesmo Bruno?- interrogou Renato.

-sim, mestre.

-bom, chega de conversa, os dois em posição para começar. Erick, se você fizer algo de errado eu falo.

-HAJIME!

E a luta se inicia. Bruno com sua perna de trás flexionada e a da frente esticada (típico do kung fu) e suas mãos esticadas con punhos abertos a frente do rosto.

Erick com sua posição Básica de box, trabalhando bem a rotação para o lado contrário de chute de Bruno.

-boa rotação Erick. Continue assim- disse shihan

Bruno tinha um sorriso sarcástico amedrontador em sua face, e Erick sereno como nunca.

O primeiro golpe foi de Bruno que deu um chute extremamente alto que com a faca do pé, ia em direção ao rosto de Erick. Erick se esquivou, e deu chute na perna de base de Bruno, fazendo com que o mesmo tivesse um queda lateral

-MAS QUE BASE DE CHUTE É ESSA BRUNO?- disse Renato

Depois que Bruno se levantou, a luta voltou ao mesmo pé que estava. Até que Erick se aproximou, e encaixou um soco direto, outro soco direto, e um forte jab no abdômen de Bruno, e recuou rapidamente.

Bruno deu risada. Erick demorou para lembrar do calejamento te Bruno, e logo se ligou como teria que vencer Bruno: batendo na cabeça.

Bruno deu um soco duplo no tronco de Erick, fazendo ele ir para trás. Em seguida Erick tentou um chute giratório, mas Bruno agarrou a perna de Erick na panturrilha. Bruno de um chute na perna de base de Erick. Erick foi ao chão.

Erick deu um chute frontal com a sola do pé, mas Bruno agarrou e chutou sua perna de base. Com uma grande força Erick se equilibra, e da um soco giratório com as falanges dos dedos em Bruno. E foi tão rápido, que Bruno desta vez não conseguiu agarrar. Bruno a nocaute.

Erick tentou ajudar Bruno a se levantar, mas sua mão levou um tapa do mesmo.

-muito bem Erick.- elogiou Renato- no meio da luta, você descobriu o ponto fraco de um praticante de kung fu Lo fu. Parabéns. Mais tenho algumas dicas para escapar do agarre de seu poderoso chute. Te espero no campeonato.

Erick olhou para Bruno, que agora tinha expressão de ódio, e deu um sorriso é uma piscada em seu olho direito, e continuou a ouvir os conselhos do mestre Renato


Notas Finais


Se não gostaram desse salto de um mês, por favor comentem. Eu fiz isso porque, não havia nada mais para apresentar na rotina de Erick.
Alguns do golpes usados por Bruno estão nesse vídeo: https://youtu.be/ioKGOJ6hOzo
Um capítulo só de luta, esperam que não se incomodem.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...