História Carta para o Baekhyun - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol
Tags Baekhyun, Baekyeol, Carta, Chanbaek, Chanyeol, Exo, Fluffy
Visualizações 22
Palavras 660
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Fluffy, Slash, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, nem acredito que estou aqui, queria pedir desculpa por qualquer erro ou repetição de palavra, sou nova nisso e ainda tenho muito o que aprender sobre esse universo das fanfics, estou na base da one, porque longfic não vai ser comigo, pelo menos não tão cedo.
Desculpa por ser uma one, Ana. Mas mesmo assim vou dedicá-la a você, te amo!
Gostaria de recomendar as fanfics da winngs, tanto aqui quanto no wattpad, a Pâm é incrível e merece reconhecimento!
Boa leitura, XD

Capítulo 1 - Capítulo Único


          “Baekhyun, sempre fomos melhores amigos desde o nascimento pela influência de nossos pais, eu só não esperava que me apaixonaria por você, só não sei exatamente quando tudo começou. Percebi que algo havia mudado quando você sorria e meu coração acelerava, eu senti como se tivesse a pedra preciosa mais bonita comigo. A forma como seus olhos brilham quando está cantando e sendo você mesmo, me fazia sorrir involuntariamente.

Sou tão sortudo por poder escutar sua voz melodiosa sempre que posso, pois sempre que precisa se preparar para alguma apresentação, sou eu quem você procura. Demorei para perceber que meu coração se aquecia e ficava agindo como bobo quando algo dava certo e recebia um abraço apertado seu. Talvez eu seja bobo mesmo, por você.

Seria tarde pra dizer que eu o amo de uma maneira diferente do que estamos acostumados? Toda vez que te vejo, o mundo parece extinguir-se, o único que permanece em meus pensamentos é você e seus sorrisos brilhantes. Byun Baekhyun, seria um bom nome para colocar na estrela mais brilhante do meu pequeno céu, não concorda? Tudo que eu falo é tão clichê, mas é culpa sua, por me fazer acordar sorrindo ao lembrar de sonhos em que andávamos com as mãos entrelaçadas pela sua praia favorita.

O que me deixa chateado é ver o quão ignorantes as pessoas são, em dizer que homens não podem se amar, que é um erro. Então diante desse réu, eu me considero culpado por amar alguém que me faz bem. Tenho medo de perdê-lo para alguém, e se você me recusasse? Tivesse medo? Eu perderia um amor, um melhor amigo e uma parte de mim. O que seria de Park Chanyeol, sem a pessoa que me alegra quando estou deprimido?

Para mim não há um mundo sem nós como uma dupla infalível, mas por outro lado, e se fosse recíproco? São tantos “e se” que me atormentaram durante todo esse tempo. Percebi seu olhar preocupado por me ver tão frustrado ultimamente, me desculpe por isso, não gosto de vê-lo assim, mas como melhor amigo sei que é inevitável. As dúvidas que deixam cada vez mais louco, não me abandonam. Como seria tocá-lo? Qual seria o gosto dos seus lábios tão bem desenhados? Por mais que provavelmente seja de morango, e por falar nisso, não deixo de reparar o quão vermelhinhos eles ficam após você comer um monte deles.

Não perco nenhum dos seus pequenos costumes, desde o modo que morde sua boca quando está ansioso, até quando fica fazendo sons em tons baixinhos sempre que pensa em uma música. Sabia que você mexe no cabelo á cada dois minutos? Quando você está chateado, bagunça os cabelos como um cachorrinho, eu devia achar isso tão fofo? Chega a ser tão fofo quanto a maneira que você bate o pé e faz bico quando está irritado ou fazendo birra.

Fico triste quando está com sua autoestima baixa, porque você é a pessoa mais linda que já conheci. Ah, como é lindo, me lembra um anjo. Seus olhos amendoados, o cabelo preto e sedoso, um sorriso encantador, as bochechas geralmente coradas e fofas, tudo em você me faz suspirar, és inteiramente perfeito.

Gostaria de saber como criei a coragem de escrever essa carta, provavelmente eu não tenha ela para entregá-la em suas mãos, porém a Yoora com certeza faria isso por mim, e sim, ela sabe de tudo, mas prometeu não contar nada a você. Odeio minha insegurança, sei que nunca conseguiria falar isso pessoalmente, acho que não terei coragem de olhá-lo nos olhos caso leia isso. Só quero que saiba que eu nunca tive tanta na certeza na vida, eu te amo muito, mais do que deveria, sinto muito caso não goste do que ler, é apenas eu e entenderei caso não queira mais me ver, mas peço que entenda e não desista da nossa amizade tão facilmente.

Do seu gigante, Park Chanyeol.”

- Chanyeol, a recíproca é verdadeira. – Sorriu.  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...