História Cartas Esquecidas - Segunda Temporada. - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias TazerCraft
Personagens Mike, Pac, Personagens Originais
Exibições 155
Palavras 374
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Hentai, Lemon, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Como prometido, aqui estou, estou aqui.

Para mais ummmmmm suuupeeeeeer capitulooooow :3

Nau sei

Bjs

-q?

Capítulo 2 - Festa?


- ele... - ela diz, entre lágrimas.

Eu estava realmente a ponto de sacudi-la.

- ELE ME PEDIU EM NAMORO!!!!

- Ah. Só isso? Posso voltar a dormir?

- NAAAAAAAO!! VAI TER COMEMORAÇÃO, MEU QUERIDO! - ela grita.

- ok. Eu preciso dormir. - digo, já me cobrindo.

- Cê não tá me entendendo, Paczinho... A COMEMORAÇÃO É AGORA.

- OQUE???? VOCÊS SÃO LOUCOS?!

- Bom, o Rafa eu já não sei...

- Eu quero dormir! Estava tendo um sonho lindo!

Ela me encara, lançando um olhar malicioso.

- Hhmmmmmmm...... com oque? Ou melhor... com quem? - ela sorri.

- Só tava relembrando o dia do meu casamento, ok, querida? - digo, revirando os olhos.

- hmmmmm... sei... falando nisso, cadê seu marido, senhor Picanha?

- Picanha o cacete. Ele tá resolvendo um problema lá em Goiânia, com a família dele.

- Toma cuidado pra não levar chifre, hein! - eu a encaro com um olhar profundo, que eu esperava que transmitisse toda a vontade de mata-la que eu estava sentindo. - Foi mal! Queria ofender não... eu em! - ela ergue as mãos em sinal de rendição.

- Beleza. Quando é a festa de verdade?

- É AGORA, JÁ DISSE. - ela praticamente grita.

- Sério? Pensei que tava zoando.

- Tarik, levanta agora esse corpinho magrelo dessa caralha dessa porra de cama filha da puta agora seu arrombado ou eu vou ter que te tirar daí, porra??! - Ela pergunta.

- Quanto palavrão... vamos sim.

Desço até o hall do prédio em que eu e o Mike estávamos morando e a recepcionista me olha, com um sorriso malicioso. Faço uma cara estranha e ando mais depressa.

Quando chegamos no local, que imaginei que estivesse vazio, tinha muita gente mesmo.

Umas garotas - que, pelo visto, obviamente eram amigas da Isah - estavam cantando sorry em cima do telhado. Isso aí. Você leu direito. No telhado da casa.

Eu só bebi um pouquinho e perguntei pra Isah se eu podia dormir em algum dos quartos. Ela apontou pra um e eu fui.

Quando abri, vi o Rafa e o Felps se beijando.

- Mas... que caralhos...??

É tudo o quê eu consigo dizer. Sinto uma presença atrás de mim.

- É sério isso?


Notas Finais


Helllllllllloooooowww amoebaaaas *///*

VOU POSTAR MAIS UM CAPÍTULO MAIS TARDEEEEE

DEIXA UM COUMENTAURIU PRA ME DEIXAR FELIIIIIIZ


E UM FAVVVOOOOURITUUU TUTS TUTS

É TOIS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...