História Casadas por Contrato (Camren G!P) - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Camila Cabello, Camreng!p, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Laureng!p
Exibições 1.198
Palavras 1.054
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 35 - Não muda da água para o vinho.


Narração Camila:

Me despertei com um barulho irritante, abri meus olhos passando as mãos pelo criado mudo a busca de meu aparelho.

-A pelo amor de Deus. Resmunguei ao bater os olhos no visor e perceber que esta hora da manhã Shawn esta me ligando em pleno domingo, não isso já é demais para mim, silenciei meu aparelho e voltei a dormir, com a cabeça apoiada no peito de Lauren.

 (...)

Narração Autora:

Fernando com os olhos filtrados na tela do computador portátil levou as mãos ao queixo atento a cada informação que calveja.

-Fernando. A voz de Jeniffer se fez presente ao todo o escritório, um tanto que escuro por ser iluminado apenas pela pouca luz do abajur. –Já logo cedo trancado neste escritório ? Rosnou fechando a porta e indo até ao marido, deixando um selinho em seus lábios. –Vamos sair para algum lugar bacana, estou cansada de ficar em casa. Afirmou massageando os ombros do marido.

-Não esta vendo que estou trabalhando Jeniffer, pelo bem da nossa família. Disse seco.

-Que saco Fernando, nosso casamento sempre foi assim, o seu trabalho, seu renome em primeiro lugar, oque custa sairmos para almoçarmos, é pedir muito?

O homem de vigor despontado suspirou coçando as têmporas –Está bem Jeniffer saímos para almoçarmos fora.

-Certo vou ligar para a Lauren.. Zonou animada.

-Não Jeniffer deixa nossa filha, ela tem uma vida com a Camila deixa ela que desfrute isso, vamos almoçar somente eu e você!

-Tudo bem, pois vamos tomar nosso café da manhã, eu odeio toma-lo desacompanhada.

Fernando se levantou fechando a tampa do computador, e desligando a luz do abajur.

(...)

O olhar cobiçado esmeralda brilham como faíscas de fogo, ao desenhar caminhos imaginários pelas costas desnuda da mulher a frente, Lauren levou os lábios até as costas de Camila fazendo-lhe uma trilha de beijos –Eu te amo tanto. Sussurrou com seu corpo colado ao da esposa, e sua boca agora colada ao ouvido da latina esparrando arrepios pela mesma. –Te quero, te desejo. Deslizou sua língua pela nuca de Camila deixando o local umedecido por sua saliva, suas mãos espalha uma massagem relaxante pelo corpo da morena.

-Eu também te amo Lo, me come de costas. Pediu-lhe e Lauren sentiu uma fisgada em seus testículos apenas por escutar tais palavra serem rosnadas da boca de Camila.

-Quer ser comida de costas por mim meu amor? Questionou-a levando umas  de suas mãos para os seios da latina e os apertou, provocando-a um provocante gemido.

-Quero, quero muito. Disse remexendo seu traseiro pedindo para ser penetrada por Lauren.

-Porra Camila, você me da tanto tesão, sua gostosa. Espalmou uma das nádegas da esposa, e com a outra mão utilizou-a para abaixar a cueca boxer até aos joelhos.

-Humm, deixa eu sentir ele amor. –Enfia esse pau gostoso em mim.

Lauren apertou com as mãos envolta de seu membro, roçando –o na polpa da bunda de Camila –Senti, senti como eu estou Camila. Sussurrou com a voz rouca.

-Perfeitamente dura para mim! Exclamou –Anda Lo me penetra. Disse autoritária.

Lauren afastou as nádegas da esposa, e posicionou seu membro endurecido na entrada da mesma.

Tão subliminar, que Camila agarrou os lençóis entre mãos fechando seus olhos, desfrutando dá maravilhosa sensação de ter Lauren ali dentro de si, a fazendo sua e unicamente sua, pois é assim que Camila se considera inteiramente de Lauren.

Esta que joga seu traseiro para frente e para trás, para frente e para trás, rapidamente entrando e saindo de dentro da esposa. –Ohh Lauren, Ohh que delicia. Gemeu suplicantemente .

-Delica é você meu amor.... –Merda como é gostosa. Apertou a cintura de Camila e deu mais impulso nas estocadas, estocando fundo e forte, precisamente acertando o ponto esponjoso da latina repetidas vezes.

(...)

–De quatro Camz. Ordenou se retirando de dentro da mulher.

-Lauren.. Camila se pôs a choramingar pela sensação de vazio sentida ao as orbes verdes sair-se de si, pois logo se pois na posição pedida, com as duas mãos e os dois joelhos apoiados sobre o colchão e a bunda empinada, servida para Jauregui.

-Assim. Disse Lauren ao pincelar sua glande pela extensão intima de Camila –Você ficou ainda mais suculenta nesta posição.

-Não maltrata Lo, não sabe o vazio que estou sentindo. Zonou em um choramingo.

Lauren sorriu satisfeita voltando com tudo para dentro de si, em uma maneira bruta e violenta estocando-a firme, ate ambos corpos caírem devastados por alcançar um ápice profundamente intenso.

(...)

Narração Camila:

Sai do banheiro enrolada em uma toalha branca, e com os cabelos presos em um coque auto, caminhei até o criado mudo ao lado esquerdo da cama de Lauren.

Peguei meu aparelho, suspirando entediada ao ver que novamente Shawn me liga , com certeza ela ira cobrar o jantar em que o prometi, pois andei pensando melhor e um jantar com Shawn e Lauren, não seria agradável não haverá harmonia neste jantar, deduzindo não valera a pena.

-Camila porque  não me atende!? Foi oque escutei ao atender a chamada e colocar meu celular ao viva voz.

-Porque eu estava dormindo? O questionei.

-Me desculpa, te acordei?

-Não eu acabei de sair do banho.

-Então lembra do jantar prometido? Afirmei com um ‘uhum’ nasal –Podia ser um almoço, oque acha?

-Desculpa-me porem meus pais iram vir almoçar em casa, e para avisar Shawn eu não acho uma boa ideia esse jantar, você tanto quanto eu sabe muito bem que Lauren e tu não se bicam, eu sei que prometi em almoçarmos ou jantarmos algum dia desses, mais Shawn isso não ira pegar bem eu sou casada, e tenho que viver minha vida agora ao lado de Lauren.

-Camila não me leve a mal, eu só quero sua amizade.

-Claro, nos sabemos, que entre nos não existe absolutamente nada, mais há pessoas que veem de outra maneira, sinceramente eu não quero ser motivo de desconfiança para Lauren.

-Essa mulher não merece um por cento do seu carinho Camila, foi exatamente cinco anos te maltratando, e agora com algumas poucas semanas você já esta defendendo está soberana.

-Isso é um afrontamento?

-Não isto é um acertamento, para que você acorde e pare de ser tão boba e inocente Camila, acredita mesmo que Lauren mudou, tem provas concreta disso, acredito que não, uma pessoa não muda da água para o vinho Camila.


Notas Finais


Camila já esta bem ne mores!

Não coma mais hamburguer nem sorvete e nem pipoca.

Ela me disse que ira comer apenas linguiça e ovos e de beber ira beber leite. se é que vocês me entendem AhKKKK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...