História Casados (parte 3) Lara e Shura - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Yu Yu Hakusho
Personagens Botan, Hiei, Kazuma Kuwabara, Keiko Yukimura, Koenma, Kurama Youko, Mukuro, Personagens Originais, Yomi, Yukina, Yusuke Urameshi
Tags Lara Yoko Shura Yomi
Visualizações 17
Palavras 1.312
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 13 - Raizes


Fanfic / Fanfiction Casados (parte 3) Lara e Shura - Capítulo 13 - Raizes

Kurama Yoko, é incrível como essa maldita raposa se embolara em seus planos, primeiro fugira com o receptáculo do seu poder, depois casara-se com a herdeira da maldita Uke-mochi, e agora está de volta ao Makai, enquanto ele ficara exilado numa dimensão espectral, mas você irá pagar Kurama, fazer se erguer o culto Uke-mochi dera muito trabalho e no fim a maldita ruiva conseguira solucionar o problema, então recomeçara o plano estruturara seguidores, constituira família,
ferir a pequena Lara era só uma brincadeira,que muito lhe alegrara, seu poder só seria recuperado quando o equinócio espectral de inverno chegasse e aí voltaria a ser um Deus, podia estar em desgraça, mas assim que o poder voltasse a seu corpo recuperaria seus seguidores conquistaria o Makai, E depois o ridículo Ningenkai, e por fim seu grande objetivo o Rekai.
Mas antes mesmo de recuperar todo seu poder eliminaria Kurama e todas as Uke-mochi e seus companheiros, a maldita família que ele formou, procurou Yomi quando descobriu que Kurama voltara ao Makai, já que ele devia querer vingança em relação à Kurama porém  o tonto ainda parecia apaixonado por Kurama, e agora era companheiro da Uke-mochi ruiva e o filho Shura companheiro Uke-mochi burra. Todos morreriam, primeiro oa teria indefesos, depois lhes mostraria uma agonia escruciante, antes de por fim matar todos aqueles malditos insolentes.
__Senhor vai jantar, em casa hoje?
__Sim, reserve o Archeler para semana que vem.
__Sim senhor.
Já não suporto isso, vou jantar e depois, vou atrás de sangue, hoje eu preciso de sangue.
Ele costumava se lembrar de um tempo onde vivia com minha esposa comandando o céu juntos, e tudo teve fim por causa de uma deusa menor completamente idiota, era agora um mero Yokai, esvaziado pela perda, descobrira na morte e no sangue, um alívio para a inutilidade da vida mortal. Mas em breve voltaria para casa e ia vingar-se de todos que participaram do seu exílio. Todos os malditos que conspiraram para a sua desgraçada queda primeiro, perdera sua esposa, depois seu lugar nos altos céus, por fim jogado no Makai, sendo obrigado a ver seu poder aprisionado e levado ao rei Ema, e o maldito ladrão que contratara levara seu poder ao mundo mortal. Mas ele cobraria com juros de todos que o traíram.

KURAMA
Kurama senti o ar, uma raposa selvagem pode viver mais de10 mil anos, mas a maioria sobrevive por apenas 2 ou 3mil anos devido à caça, e as peripécias que toda raposa faz da própria vida. Ele se estica olha ao redor os garotos e Hiei estão há uma distância confortável para o caso de precisarem abate-lo. Ele renegara seu lado animal por muito tempo, e agora o chamava de volta, ele estava sedento, e por fim se transformou suas características físicas mais marcantes eram seu focinho fino e alongado, a cauda peluda branca e as orelhas eretas, parecia uma raposa das terras árticas.
Sempre foram como todas as raposas um caçador oportunistas que apanhava suas presas vivas, nunca gostou de trabalho inútil, era um exímio estrategista e aprimorara a  técnica de caça mais comum, no início da juventude, pulava sobre a presa e matava rapidamente. Nessa época sua dieta de raposa era ampla e variada e incluia, além de pequenos mamíferos (como roedores e coelhos), répteis, anfíbios, insetos, aves, peixes, ovos e frutas silvestres.
Até que aprendeu a manter a forma "humana" e adquiriu um paladar refinado, mas isso custava dinheiro e ele começou um novo aprendizado, se tornou um ladrão. Como podia ter negligenciado que nascera em forma de animal, ao contrário de Enzo que nascera na "forma humana", o animal fazia parte dele, e a terra o chamava.
Correu o mais rápido que pode, esticando as patas sentindo o cheiro de uma presa uma espécie de leão da montanha, ele salivou e avançara bem rápido cravando suas presas no pescoço do animal, ele geralmente era preciso e limpo porém no frisson da caça estrassalhou sua presa. O que atrairia presas mais inteligentes e difíceis. Subiu em uma grande árvore e ficou a espreita, um demônio da ravina apareceu cedento por sangue, ficou feliz, por ser uma espécie tão grande e com um único objetivo de promover sofrimento. Avançou rápido e certeiro, queria vê-lo sofrer e implorar e assim segui com uma série, de ataques sem refinamento usando só o animal primitivo, as raposas são predadoras solitárias e não se reúnem em grupos, não gostam de dividir suas presas. Meu ouvido me pareceu tão aguçado
__Caramba ele precisava disso mesmo.
__É Renzo, quando o animal primitivo despertou dentro da Karim, ela sofreu muito tinha a sede de adrenalina, e de sangue.
__E eu tive que vir nesse acampamento de verão.
__Você nos ama né Hiei.
__Vai se fuder Renzo.
Eu cacei, boa parte da noite foi uma festa de sangue, eu pensei que aquilo me deixaria sedento ao ponto de perder o controle, mas eu estava muito calmo, e no controle de tudo, não é que o moleque tinha razão.
As raposas constituem casais apenas na época do acasalamento, por isso minha dificuldade estrema com família, uma vez estabelecido, um casal ocupa um pequeno território que passa a defender de outras raposas, como uma família temporária.
As crias nascem após um período aproximado de 8 meses de gestação, que variam conforme a espécie e o ambiente. Nos dias que sucedem ao nascimento, o macho traz o alimento para a fêmea enquanto ela cuida da cria na toca; mais tarde, o casal passa a caçar para alimentar a cria. E No início de um inverno inóspito qualquer, as crias deixam o território e a família se desfaz.
O máximo que dura uma família raposa é 50 anos pra quem vive milhares de anos é como se fosse apenas uns poucos dias. Devo ter dúzias de pequenos parentes, Karim fez um exame complexo pra saber se tínhamos algum parentesco com Renzo, mas não havia. Concordamos de esquecer a possibilidade de irmãos, sobrinhos e filhotes.
Volto a aparência humana, tomo um longo banho gelado, e por fim vou ao acampamento, encarar um Hiei bem furioso.
__E aí a gente?
__Você é um cretino, sabia?
__Você está todo nervoso Hiei?
__Claro vim pro meio do mato à toa.
__Sabe o quanto odeio sair de casa pra nada.
__Eu podia ter ido treinar com o meu mestre quero participar do próximo torneio.
__Oh moleque eu quase não te vejo em casa vive mais com a Karim do que com agente.

__Mother two é bem mais divertida.
__Realmente, lá em casa é divertido apesar de ela e o meu pai não brigarem mais, é um pesadelo acho bom ter o Renzo lá por casa.
__Pois retenha ele lá Shura, essa praga vive me perturbando.
__Você está é com medo de não resistir aos meus belos olhos azuis.
__Vou cortar sua cabeça moleque.
__Não pode arrancar a cabeça dos sobrinhos Hiei.
__Seus filhos, deviam ser mortos são um grande desperdício de oxigênio. Lara te contou que se meteu em problemas?
__Mais problemas?
Shura, me olhou nervoso.
__Teve problemas além do jantar desastroso? Shura e Hiei pelo amor de Deus falem logo.
__Bom ela quase foi abusada e morta perto do laboratório biomédico onde trabalho.
__Ela não falou que ia lá.
__Também não deve ter falado que estava no subúrbio e levou uma facada e tive que resgatar ela numa merda de puteiro cheio de crianças de todas as espécies, ela não se deu conta de onde estava.
__Lara é terrível, realmente uma segurança é necessário.
__Aquela menina precisa ser morta, é uma coisa perigosa, que só da trabalho. __Calado Renzo?
__Ela não gosta de mim e eu não gosto dela. Então eu não tenho que dizer nada , não gosto logo ignoro. Só isso bem papi podia ter trazido uma carne pra gente assar não acham?
Todos que conheciam Renzo sabiam com ele tudo se resolve comendo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...