História Casal Clichê - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Got7
Tags Markandjimin, Markmin, Yoonkook
Visualizações 2
Palavras 1.204
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Lemon, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Mas uma história com shipps diferentes que nem sei se as outras pessoas conhecem ou sequer pensaram na possibilidade.

A fic ainda não tem nenhuma capa mas se quiserem mandar alguma para mim eu agradeço ;)

Não sei se vai ser uma fic longa, depende da repercussão que tiver.

Enfim aproveitem e ignorem qualquer erro ^-^

Capítulo 1 - Mark está obcecado


Andava sempre calmamente com passos leves e curtos, suas coxas eram fartas assim como sua bunda, que geralmente era o foco de meus frequêntes sonhos eróticos, magro e baixo, os cabelos curtos em formato de tigela que quase tapavam seus olhos, que se apertavam quando sorria. 

Me recuso a acreditar que o sorriso de Park Jimin não tenha sido esculpido por deuses,  com a mas perfeita harmonia entre o conceito de beleza e extrema fofura,  que me conquistou com uma facilidade imprecionate.

Além de ser bonito externamente sua beleza interior tembém é invejável, gentil, educado, amoroso, esforçado e teimoso são as principais características de sua personalidade.

Observa-lo de perto para conseguir tais características não foi uma tarefa difícil, já que o garoto é inocente de mais, desconfiou pouquíssimas vezes da minha repentina aproximação, todas  elas orientadas por seu cão de guarda, que dizia ser um amigo próximo, sempre o cercando e impedindo que eu me aproximasse em sua presença, não é como se fosse uma real ameaça- pelo menos é o que espero - mas para manter a confiança que ainda estava ganhando permanecia o mais longe possível quando o yoongi aparecia, que quase sempre me lançava um olhar  reprovador e pedia gentilmente que eu me retirasse antes que ele me desse um soco.

Apesar dos dois não terem nada haver um com o outro eles se davam perigosamnte bem, o que me deixava um tanto incomodado, sei que é uma relação antiga entre eles e que não deveria me meter, mas é inevitável, quando estão juntos agem como os casais clichês de filmes românticos, como poderia não sentir nem um pouco que seja de ciúmes? além de que, todos os sorrisos que já vi do Park, são motivados por ele.

Até agora não consegui ter uma real aproximação com o Jimin,  apenas sabia o básico sobre sua personalidade, e meus conhecimentos sobre sua aparência foram obtidos por meio de aulas perdidas totalmente dedicadas ao estudo de seu comportamento e apreciação de sua beleza, não consegui nada de importante em suas redes socias, nos quais ele quase nunca estava conectado, dificultando minha comunicação com ele fora da escola.

Minhas contínuas tentativas eram quase sempre falhas, algo que começou a me deixar  frustrado, não poderia simplesmente me livar do Min, e se ele quisesse algo a mais com o Jimin? oque faria? ele já estava a passos largos de mim, não conseguiria alcançá-lo se esse fosse o caso, e já estou apegado demais a ele para esquece-lo sem ao menos tentar, mesmos com a certeza de derrota, precisava arranjar um plano de aproximação urgentemente, porém teria de voltar minhas atenções as os estudos por um tempo, a semana de provas está próxima, e caso não queira gastar meus dias de férias, dentro de uma sala de aula sendo encarado por professores mal humorados essa era a única opção que me restava.

Jungkook on

Me sentava sempre ao fundo da sala para não ser incomodado durante meu sono, enquanto os professores ditavam suas respectivas matérias sem que eu os dessem o mínimo de atenção, os mesmos já estavam tão acostumados com a situação que nem ao menos se preocupavam em me repreender.

Porém nem tudo do que acontecia a minha volta passava despercebido por mim, e algo que notei foi a estranha atenção que o Mark dava para o Jimin em quase todas as aulas, olhava descaradamente para o garoto quase babando, mas lerdo do jeito que o Jimin era, ele nem notou o outro o encarando e sempre se mantinha focado aos deveres propostos pelos professores.

Se isso me incomodava? bastante.

Não vá achando que é porque eu gosto do Jimin ou algo do tipo, quase não notava sua presença, o que me incomodava era que depois das aulas o Mark fazia questão de me contar em detalhes, todas as informações que ele conseguiu reunir do Park no dia e quando não conseguia, ele se irritava e jogava tudo em cima de mim, falando de maneira irritadiça, rápida e gesticulando mais que o necessário.

Como um bom amigo que sou, aguento seu momento drama queen mesmo que contra gosto, reclamando bastante e quase implorando que tome logo uma providência e  vá logo dar em cima do garoto, ao invés de ficar se lamentado para mim.

Não me lembro exatamente quando nossa amizade começou, só me recordo como nos conheçemos, andava bastante com o Jackson e Jaebum que já o conhecia e acabou por nos apresentar, de primeira o achei quieto demais e deduzi que fosse uma pessoa chata de se lidar -  Eu realmete não estava errado, mas ele não é tão ruim quanto imaginava - porém quando o Jackson começou a namorar com o Jin e Jaebum com o BamBam - Casais que me surpreenderam pois nunca os imaginei juntos - Reconsiderei a ideia de passar um tempo com o Tuan, e acabamos por criar laços mesmo que não me lembre quando esse começaram a serem feitos.

Mesmo dizendo não surpotá-lo e deixar claro minha insatisfação por ter de ouvir suas lamúrias, acabei me preocupando ao ver ele quieto demais, viajando em seus próprios pensamentos enquanto encarava um ponto fixo, para matar minha dúvida sobre seu momento pensativo, acabei por reservar o tempo do recreio para pergunta-lo o que diabos aconteceu.

Quando o sinal tocou, esperei que a maioria dos animais que atravavam uma puta batalha para ver quem conseguiria sair primeiro de sala, que saissem, segui com os olhos o Mark seguindo Jimin em direção ao refeitório, com um breve sorriso em meus lábios ao perceber o quão obsecado ele estava.

Depois da sala estar vazia, me levantei e segui em direção ao mesmo destino dos outros alunos, o avistei em uma mesa próxima a do jimin que comia junto ao Yoongi, e riam divertidos de algo que o menor avia o contado enquanto Mark os observava com um olhar acusatório.

Me aproximei de sua mesa não ganhando sua atenção, pois parecia preocupado demais em observar cada gesto que os garotos a sua frente exerciam, cheguei mais próximo de si e toqui em seu ombro, o assustando e virando bruscamente para me encarar com uma feição assustada, logo depois se acalamando ao contar que era eu que o havia tocado.

Me sentei ao seu lado e com um sorriso divertido em meus lábios fiz a seguinte pergunta:

- Se continuar os encarando assim vai acabar os assustando, pensei que quisesse conquistar o Jimin e não afasta-lo - ele fingiu não ouvir minha provocação, e ignorando totalmente minhas palavras apenas perguntos o que eu queria me olhando de forma desconfiada.

Me senti um pouco envergonhado de prosseguir com o que havia planejado com a forma direta como reagiu, um tanto incomodado limpei minha garganta antes de copiar sua ação e ser direto - Quero perguntar porque você está meio aluado esses dias, antes vivia me atazanando me contando coisas extremamente desnecessárias sobre o Jimin e sua vida -  meu comentário fez ele rir, tímido - Quero que me conte o que está acontecendo, sim? - perguntei como se falassem com uma criança e ele respondeu com um leve acenar de cabeça e eu sorriso que tirou o ar de meus pulmões por alguns segundos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...