História Catfish - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Austin Mahone, Camila Cabello, Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Austin Mahone, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton
Tags Ausmila, Austin Mahone, Camaustin, Camila Cabello, Catfish, Namoro, Romance, Virtual
Exibições 21
Palavras 1.070
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Que lacre foi esse, Cabello? Vocês viram??? MDS to morta com a música e o clipe da Cabello. Acordei pra ir a aula e já procurando a música e colocando na minha playlist no spotipobre (versão não paga). Gente to apaixonada mais um pouco por essa mulher. Gente até sonhei com Ausmila 😍😂 tipo coisa boba, ela em uma entrevista falando que se fosse pra voltar com alguém seria com o Aus 😍 isso já bastou pra mim me iludir mais pelo resto do ano. Vou tentar postar em outra fanfic minha no final de semana, não to prometendo nada, mas vou tentar.

Boa leitura babygirls!!

Capítulo 5 - 5° Capítulo


Fanfic / Fanfiction Catfish - Capítulo 5 - 5° Capítulo

Camila P. O. V.

Estou na sala de aula, praticamente abandonada, Ally e Lauren estavam em um momento fofo delas, isso me causa enjôos. Dinah e Normani estão muito ocupadas sendo as nerd's da sala, por incrível que pareça, as duas são muito inteligentes e por isso estão sempre sentando na frente para estudar.

Enquanto eu fico no fundo da sala ao lado do casal grudento que tanto amo, falta poucos minutos para o recreio e mais cedo recebi uma mensagem do Austin, ele falou que iria me ligar no recreio. Provavelmente estou contando os minutos, mas disfarçadamente.

Lauren- Olha quem está aqui, bebê. - as duas se viraram para mim. Reviro os olhos por seu tom irônico.

Eu- O quê você quer, Jauregui?

Lauren- Apenas conversar! - sorriu, franzi o cenho.

Eu- Pelo o quê me lembre, a última vez que falou isso, vocês duas começaram a fazer planos românticos na minha cara como se eu realmente quisesse saber deles.

Ally- Não é bem assim, Mila. - conteu seu riso. - Foi só uma vez.

Eu- Quatro vezes! - corrijo-a.

Ally- Exato, quatro vezes! - sorriu.

Eu- Não enrolem, o quê querem?

Lauren- O quê acha de uma festa hoje de tardezinha?

Ally- É, uma festa apenas amigos próximos.

Eu- Amigos próximos?

Ally- Eu, você, a Lolo, Dinah, Mani. Pizza, bebidas, verdade ou consequência. E ai, o quê nos diz?

Eu- Não sei... Tenho que falar com o Aus primeiro. - Ally me olhou estranha.

Ally- O quê ele pode fazer lá do outro lado da Terra?

Eu- Não é tão longe assim, Allz. - reviro os olhos. - Nós somos namorados, eu tenho que perguntar pra ele primeiro.

Lauren- Também acho, mas ele nem deve ligar, quando vê ele também está saindo e nem te avisa.

Será que ele sai e não me avisa?

Ally- E também quando vê ele faz muitas coisas sem te consultar.

Suspiro, meu ciúmes já começou a apitar no meu sub consciente.

Dinah apareceu com um sorrizinho nos lábios.

Dinah- O quê foi?

Lauren- Austin deve estar enganando a Mila!

Dinah- Por quê? Vocês tem provas?

Ally- Não, mas é assim os namoros por internet. - Dinah revirou os olhos.

Eu- Eu sou uma idiota... - mordo meu lábio inferior.

Dinah- Sapatão é um bicho invejoso mesmo, não é? E tudo pra quê? Pra você ir na festinha delas. - negou com a cabeça. - Vocês já foram mais convincentes...

Ally- Cala a boca, girafa!

Dinah- Maldosas!

Eu- Chega, vocês são ridículas! - pego meu celular, levanto e saio da sala de aula.

Austin não pode estar fazendo isso comigo, ele disse que gosta muito de mim. Não, isso só pode ser invenção das meninas mesmo, elas são terríveis quando querem algo, por isso se dão tão bem. Não espero nada, começo a ligação para o Austin e em menos de dois segundos ele atende com a uma voz de sono, é a primeira vez que escuto sua voz e já me apaixonei por ela.

Ligação on

Austin- Oi, princesa! - sorrio.

Eu- Oi, Aus! Antes de tudo, eu quero saber uma coisa.

Austin- Sua voz é linda, ainda mais com esse sotaque latino. - riu pelo nariz. - Diz ai!

Eu- Você sai sem mim? Bem, sem me avisar.

Austin- Não, até então não sai sem te avisar.

Eu- Desgraçadas...

Austin- Oi? - riu.

Eu- Minhas amigas, elas me confundem. - suspiro.

Austin- Se eu tiver que sair, eu te aviso, certo?

Eu- Certo!

Austin- Mas porquê dessa pergunta?

Eu- Por quê elas me convidaram pra festa que vão fazer, e eu falei que iria perguntar pra você primeiro e elas me falaram que você não me contava as coisas.

Austin- Só uma coisinha, é normal você falar muito rápido? - rimos. - Você já sabe, não vou sair sem te avisar.

Eu- Tudo bem, Aus! - sorrio.

Austin- E se você quiser ir nessa festa é só ir, apenas me diga se vai ter muitos rapazes.

Eu- Pelo o quê a Ally me disse não vai ter nenhum, apenas minhas amigas, tudo bem pra você?

Austin- Sim, mas no outro dia me conta tudo, ok?

Eu- Ok! Te amo! - ops, acho que me precipitei, com a emoção do momento disse isso. Austin ficou sem falas por alguns segundos.

Austin- Eu também! E você está na escola ainda?

Eu- Sim, hoje vou sair mais cedo, e você?

Austin- Sortuda, ainda tenho mais três períodos diferentes.

Eu- Tadinho, meu bebê!

Austin- Faz algo pra mim?

Eu- Tudo quê você quiser!

Austin- Fala em espanhol? Vou amar te ouvir falar em espanhol quando estivermos juntos. - sorrio. - Nossas brigas vão ser engraçadas. - rimos.

Eu- Geralmente quando estou irritada me tranco no quarto e começo a falar sozinha.

Austin- Não vou te deixar sozinha! - riu.

Eu- Ok, hum... Cuando nos encontremos voy a llenarme de besos!

Austin- Meu deus! Você falando assim é a minha mais nova religião! - rimos. - Você falou que quer me beijar não é?

Eu- Sí, te voy a besar mucho entre otras cosas más!

Austin- Nossa, essa eu entendi tudo! - falou sorrindo. - Mal posso esperar pra te ver, essas coisas a mais que você quer, meu sogro não vai gostar de saber, hein... - rimos.

Eu- Ele não precisa saber! - sorrio. - Você tem um quarto só seu?

Austin- Claro, sou filho único.

Eu- Hum, bom saber... Mas mudando de assunto, tenho que ir, amor! Quando chegar em casa te chamo, pode ser?

Austin- Pode sim, amor!

Eu- Besos!

Austin- Besos! - rimos.

Ligação off

Guardo meu celular no bolso e volto para a sala de aula, mas dessa vez a professora já não estava em sala de aula, as meninas conversavam animadamente. Comecei a guardar meu material silenciosamente sem nem olhar para elas.

Mani- Mila, você vai na festa?

Eu- Não sei se quero ir!

Ally- O Austin não deixou? - riu debochada.

Eu- Vai a merda, anã da branca de neve! - pus minha mochila nas costas. - Tchau! - saio da sala sem dar ouvidos aos gritos dela.

Cansei da Ally menosprezar meu namoro e tudo que faço, quando foi a vez dela admitir que amava a Lauren eu estava do seu lado, apoiando-a incondicionalmente. Ela poderia pelo menos fingir que está me apoiando, mas não, em vez disso, põem a Lauren contra também. Vou fingir que não me importo. Ao chegar em casa sorrio ao ver meu papa ali, geralmente fico sozinha o dia todo. Corro até ele e abraço-o.

Eu- Que bom que está em casa, papa!

Alejandro- Vou passar o dia com você! - beijou minha testa. - Anda, vá tirar essa roupa, ponha um pijama e vamos fazer algo legal. - sorrio.

Eu- Pode deixar! - me afasto dele e vou para o meu quarto.

Mudança de planos, sem festa, vou ficar com o meu papa.


Notas Finais


Ally para de ser FDP por favor? Obrigada 🙌😂 comentem e beijinhos 💋⭐


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...