História Caught in Danger - Jeon Jungkook - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga
Tags Bts, Drama, Jungkook, Romance, Suspense
Exibições 24
Palavras 664
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Hentai, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Primeiramente, obrigado á todos que estão acompanhando a história ! Estou very very very feliz <3
Obrigado pelos comentários de amor <3
Vocês me inspiram muito !
Agora podem ler haha
Boa leitura

Capítulo 4 - Flawless Lie


Fanfic / Fanfiction Caught in Danger - Jeon Jungkook - Capítulo 4 - Flawless Lie

                                                                                     Flawless Lie 

Introdução á arte : O que é Arte ? 

O professor ia colocando la lousa vários tópicos enquanto eu, sentado no fundo, estava pensando no que falar com a tal garota.

Beleza : O rosto simétrico de Kang Yi Na

Equilíbrio : A prática de Kang Yi Na de andar em um salto alto em plena 7:00hrs da manhã

Harmonia : O barulho que as pulseiras caras de Kang Yi Na faziam quando ela se mexia 

Revolta: Não saber nada sobre Kang Yi Na 

O que é isso ? Isso é a definição de arte. Obviamente não foi isso que o professor colocara no quadro negro e muito menos o que eu escrevia em meu caderno. 

E não, não estou ficando louco ... Estamos no começo de tudo isso .

Quando o horário de almoço tinha chegado, junto com uma fome terrível, fui direto para um pequeno restaurante , esquecendo quem estava me esperando lá. 

O restaurante não era 5 estrelas, era pequeno e a variedade de comida não era grande mas era o único lugar para se almoçar perto da Universidade e ocasionalmente cheio de estudantes famintos.

E em uma mesa solitária, longe de qualquer estudante, Kang Yi Na me esperava. Fiquei observando sua postura por um tempo, a cabeça estava apoiada na mão (deveria estar a muito tempo me esperando) e a outra mão estava ocupada mexendo no celular.

Andei em passos rápidos até a mesa e sentando bruscamente em uma cadeira de frente para ela. Yi Na, com meu tal ato, levou um susto mas deu uma leve risada depois.

"Desculpe o atraso" Eu me curvei rapidamente para ela

"Eu que preciso pedir desculpas pelo meu comportamento de ontem" ela disse em um suspiro sincero "Quero muito ter uma amizade com você" 

Na mesma hora, minha mão que estava apoiada sobre a mesa foi acariciada pela mão da garota. 

Mesmo isso sendo um ato estranho para quem se conhecerá a 2 dias atrás, eu deixei passar. Ela deveria ser uma pessoa sozinha, seu olhar mostrava isso. Sua cara mostrava exaustão .

"Você trabalha á noite ?" comecei a conversa/interrogatório 

Ela logo negou. Então estava claro que ela veio de uma família rica.

Ela, para evitar contato, começo a folhear o menu . 

"O que te fez escolher psicologia?" continuei

Yi Na deu de ombros.

"Eu tenho contato com muitas pessoas" e a minha conclusão de que ela era sozinha estava errada " Queria saber o que passa na cabeça de todos. Entender o porquê das pessoas cometerem erros"

Profundo.

Nós pedimos nossa comida que logo foi posta á mesa.

"E você ? Por que Artes ?" ela lançou a pergunta 

No momento em que ia responder, avistei -pela janela- uma figura masculina no lado de fora do restaurante olhando para nós.Ele era extremamente alto para alguém da Coréia, estava com os braços cruzados e uma máscara cobrindo metade de sua cara.

"Jungkook, me desculpe mas eu tenho que ir" Yi Na se levantou rapidamente juntando seus pertences e deixando o dinheiro sobre a mesa " O almoço foi por minha conta hoje!"

"Você não vai ficar para o próximo período de aulas ?" Perguntei me levantando também 

"Eu tenho coisas á fazer "

A vi sair do restaurante e ir do lado ao homem que estava nos esperando. Ele não aparentava ter idade para ser o pai dela mas aparentava -igualmente- ter muito dinheiro. E então eles começaram a andar, um do lado do outro, pela rua até sumir do meu ponto de vista.

Introdução á Psicologia : O que é Psicologia ?

Conhecida como ciência da alma. É facilitar a convivência do ser humano, consigo mesmo, e com outros. Dentro deste campo, fazemos perguntas como :

O que motiva o comportamento?

Qual a ligação entre pensamento e linguagem?

Que são emoções?

Oh, Kang Yi Na ...O que te motiva a ser assim ? Por que você age desse jeito ? E o que eu estava sentindo por você?

 

 


Notas Finais


"Ain Xarope, que capitulo curto" Pois é mas eu não consigo escrever mais do que isso ( eu acho que vocês vão acabar se cansando :)
Beijo no core


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...