História Cause every Night i save your life... - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Sonic The Hedgehog
Personagens Amy Rose, Blaze The Cat, Dr. Ivo "Eggman" Robotnik, Knuckles the Echidna, Miles "Tails" Prower, Rouge the Bat, Shadow the Hedgehog, Silver the Hedgehog
Tags Shadaze
Exibições 13
Palavras 1.119
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Ficção Científica, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Fiz esse cap com muito carinho. Espero que gostem.
Vou tentar postar 1 cap de uma ou mais fics toda semana.
Ah, a fic acabará quando tiver 21 capa no Nyah!

Capítulo 5 - Capítulo 5: Liberto


Blaze não compreendia o que ocorria ao seu redor. Sonic estava com os olhos arroxeados, o que significava que o maldito Mephiles The Dark estava trabalhando novamente. "O que diabos aquele cara quer?" Pensou. Tentou lembrar do plano dele, que até o momento havia sido apenas um monte de ataques contra Shadow.
Já estava ficando complicado permanecer acordada, a felina lutava, mas possuía uma vontade enorme de se render e perder a consciência. Algo estranho para ela, afinal havia sido baleada, sim, mas no braço. Aquela bala não era normal. A gata não sabia, mas munição dos capangas de Mephiles era especial, afinal eram protótipos de futuras armas da G.u.n. . Mas, se Sonic estava possuído, por que havia matado os Babylon Rogues? Indagações surgiam na mente da princesa enquanto um Sonic de orbes roxas se aproximava bem lentamente...
Amy acordou no que lhe parecia um altar, mas na verdade era um resto de uma velha cidade em ruínas. O que agora parecia apenas um monte de pedras já foi a maior, mais rica e poderosa cidade de ouriços.
Silver estava de pé, ao lado da rosada. O viajante no tempo pensava em Blaze. Mas, foi interrompido pela menor, que acordava confusa.
" Eu não estava com Sonic e Blaze?"
Silver pareceu mais confuso que a rosada, pensou um pouco e falou:
" Provavelmente, mas quando eu acordei aqui, você já estava ao meu lado."
Amy corou ao imaginar-se deitada ao lado de Silver. Balançou a cabeça, e para evitar pensar no assunto, perguntou:
" Mas aonde estamos?"
O prateado realmente queria saber. Por isso apenas sussurrou:
" Não sei, mas aparentemente não podemos sair daqui."
Amy ouviu e testou correndo e saltando para fora da pedra em seguida, mas uma aura rosa a puxou de volta. Perguntou baixo, o que diabos era aquilo, Silver não escutou, mas certo ser, sim.
Uma voz feminina disse suavemente:
" É para ter certeza que meus prisioneiros não vão escapar."
Silver e Amy olharam para a dona da voz, era uma morcega, semelhante à Rouge, mas tinha pele azul-escura, orbes vermelhas e presas prateadas. Sem contar que era mais alta, mesmo sem salto (usava uma sapatilha branca) e usava um vestido preto que ia até acima dos joelhos, com um decote "generoso".
O casal de ouriços abriu a boca, mas antes que falassem algo, a morcega se aproximou e olhando para Silver, disse:
" Meu nome é Galye, mãe dos primeiros Chaos, de Mephiles, Time Eater, Dark e Ligth Gaia e principalmente, dos primeiros ouriços."
Os dois estranharam a última parte, mas ao prestarem atenção na referência aos monstros, se colocaram em pose de luta.
Galye estalou os dedos, desfazendo a aura rosada e voou até a pedra onde os ouriços estavam. Logo em seguida, falou, em tom óbvio de desafio:
" Vai ser um prazer lutar com vocês, meus descendentes!"
Blaze acordou. Estava numa esquina em uma tarde de Central City. Sonic, Shadow e os Babylon Rogues estavam desmaiados, na calçada de uma rua à frente da princesa. Mephiles estava de costas. Olhava para o céu, aparentemente iria ocorrer um eclipse. Blaze achou que aquele objeto prestes à cobrir a luz solar não era a lua. Estava certa, se tratava duma Death Egg dominada por Mephiles, Galye e Time Eater.
Blaze se levantou, e já pronta para lançar esferas de fogo no ser sombrio, provocou:
"O grande plano de Mephiles é esse?"
Mephiles virou-se. Olhando profundamente para a gata, dissse:
" O plano não é apenas meu, e está além de sua débil compreensão."
Disse calmamente, mas parecia bradar.
O braço de Blaze voltou a sangrar, porém, quando a mesma olhou, em vez de sangue, saía um líquido roxo. Mephiles, MUITO rapidamente, jogou a guardiã contra a parede e a pegou pelo pescoço. Gritou, já a enforcando:
" Sua alma será minha, assim como  foi com as daqueles cinco inúteis!"
Amy já estava fora de combate.
Silver estava ferido. Mas continuava a lutar, porém sua oponente parecia estar apenas brincando com dois animais de estimação. Galye ria a cada golpe que acertava Silver, provocando-o. O ouriço temia que seu poder telecinético se esgotasse a qualquer momento, mas só podia usá-lo para se defender. Só haviam rochas para jogar na morcega, que, quando Silver as lançava em Galye, a mesma simplesmente as chutava (sem se esforçar) na direção do prateado. O jovem estava tão concentrado em pensar numa forma de atacar Galye, que não a viu voando em sua direção. Ela pegou Silver pelo braço esquerdo, o rodou no ar e o soltou. O prata colidiu com uma pedra, seus espinhos se arranharam, pois os mesmos acertaram uma parte pontiaguada da rocha. Ele sentiu que iria desmaiar, sua visão escurecia, então usou o resto de seus poderes para levantar Galye no ar. Ele a jogaria com força máxima no chão; se ela não tivesse se libertado (facilmente). Galye, antes que Silver desmaiasse, gritou:
" Eu sou a mãe dos seres mais poderosos da história! Achou que iria me derrotar como derrotou os robôs do seu futuro?"
Galye pousou suavemente sobre um galho de uma macieira (aquelas ruínas  ficavam próximas à um jardim). Silver caiu desacordado. Mas outra criatura chamou a atenção dela.
Blaze.
Iria voar para acertar uns chutes na felina e esperar Mephiles. Mas não o fez. O aspecto da felina, chamou sua atenção. Seus pelos estavam cobertos de uma espécie de lodo violeta. Galye sorriu, e ao ver seu filho, falou:
" Já está tudo pronto?"
Mephiles apontou para trás de si. Sonic, Shadow e os Babylon Rogues possuíam o mesmo lodo na pele. O que representava que suas almas estavam completamente submetidas ao filho mais poderoso de Galye.
A mãe do monstro o parabenizou:
" Você agiu como um verdadeiro filho da Deusa da Vingança e do Genocídio!"
Ela sentiu então algo se aproximar. Simplesmente chutou atrás de si, acertou algo e ao se virar, viu que se tratava de Tails. Knuckles também estava por perto, vinha planando. A divindade apenas riu. Mephiles pronunciou algumas provocações:
" Acham mesmo que podem nos derrotar sozinhos?"
Os seis possuídos ( Blaze, Sonic Shadow, Wave, Storm e Jet) gargalharam. Porém a voz de certa agente do governo se fez ouvir:
" E quem disse que eles estão sozinhos?"
Ela e um exército se aproximavam. Uma multidão de soldados dos mais diversos países. Mephiles apenas olhou para os céus. O filho da deusa-morcega riu e falou:
" Mas agora é muito tarde! Meu irmão está liberto e renovado!"
Riu novamente. O cenário ao redor tornou-se totalmente branco. Os reforços sumiram. Se encontravam ali apenas Rouge, Tails, Knuckles, os 6 escravos de Mephiles e os responsáveis por tudo aquilo.
Mephiles, Galye e...
Time Eater.


Notas Finais


E então... Até!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...