História Cavaleiros do zodíaco- Universo caotico - Capítulo 387


Escrita por: ~

Visualizações 27
Palavras 1.023
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, como vão? Espero que bem. Caraca estou tão cansado hoje, hehehehe toda sexta é assim, sabe como é? Rotina puxada.

Capítulo 387 - Kolasis! O altar de Hades!


Fanfic / Fanfiction Cavaleiros do zodíaco- Universo caotico - Capítulo 387 - Kolasis! O altar de Hades!

Amuni se sacrificou, queimando seu cosmo ao máximo para criar uma luz tão intensa quanto o próprio sol, para retirar a alma de Hades do corpo de Kotei, e destruir o muro das lamentações. O imperador do inferno então é expulso do corpo do cavaleiro de leão, e antes que ele parta rumo a Kolasis, o deus do mundo dos mortos leva consigo a reencarnação da deusa Athena, Sayumi. Kai, corre em disparada em direção de sua deusa, e no ultimo segundo consegue segurar a mão da jovem, sendo levado juntos aos deuses rumo a Kolasis. Kotei volta a se levantar, ele estava fraco, sem nenhuma energia, e pior, o jovem cavaleiro de leão estava sem nenhuma esperança. Os cavaleiros de ouro aos poucos vão chegando no palácio do mundo dos mortos, os primeiros foram Gabriel e Báoli. Em seguida, Pyliy, Tsuki e Manianks completam o time. O cavaleiro de libra então diz para Kotei ter fé, e em seguida vai em direção ao caminho de luz que Amuni havia criado. Em seguida vai o cavaleiro de câncer, seguido pela amazona de Áries e pelo santo de capricórnio, restando no local apenas Tsuki e Kotei no local. A amazona de touro então mostra a armadura de leão, que estava negra mas logo voltou a ficar dourada, mostrando para Kotei a vontade que ela tinha em lutar ao lado do santo de ouro novamente, e por fim a amazona de touro entra no caminho de luz, restando apenas o cavaleiro de leão no local.

Kotei olhava diretamente para sua armadura de leão. O metal brilhava intensamente, ela parecia ter uma cor mais clara que as outras armaduras, tendo um brilho que refletia nos olhos de Kotei. A armadura de leão parecia rugir para o jovem guerreiro.

Kotei- ... Você ainda quer lutar... Eu posso ver seu espírito... Irmão... Sayumi...

Kotei encarava sua armadura, sem ousar toca-la, como se tivesse medo de usar sua veste dourada novamente. Enquanto isso a tropa de guerreiros dourados corria pela estrada de energia que o cavaleiro de virgem criou com seu sacrifício. A cada passo que eles davam era possível sentir uma oscilação na ponte dourada de energia.

Gabriel- ... Isso não vai durar por muito tempo... Heh, é uma passagem só de ida.

Manianks- Eu não pretendia voltar... Huhuhu, posso sentir o cheiro podre de Hades!

Gabriel- Bom... É melhor acelerarmos Manianks!

Gabriel queima seu cosmo, logo em seguida Manianks faz o mesmo. Os dois então avançam na velocidade da luz. Mais atrás estavam Báoli e Pyliy, eles também corriam pelo caminho dourado sentindo que a qualquer momento ele pudesse se desfazer.

Báoli- Onde está Tsuki e Kotei?

Pyliy- Eu não consigo sentir o cosmo de ninguém aqui, nem mesmo o seu que está tão próximo de mim. São os efeitos da hiperdimensão, não consigo nem usar minha telecinese.

Báoli- ... é melhor eles se apressarem, antes que isso aqui desmorone...

Pyliy- Sim. Mas eu tenho a impressão que Tsuki já está a caminho, como eu pudesse ver seu imenso cosmo logo atrás de nos.

Báoli- ... Pyliy...

Pyliy- Sim?

Báoli- Quero que saiba, que se um de nos não voltar... Quero que saiba que sempre foi um imenso prazer para mim, andar ao seu lado.

Pyliy- ... Hihihi, as vezes seu coração não é tão afiado quanto sua espada Báoli. É um enorme prazer para mim ter sua companhia.

Os dois então queimam seus cosmos e logo aumentam sua velocidade, correndo pelo grande caminho dourado. Longe dali, bem longe estava o fim do caminho. A ponte que Amuni criou chegava em meio a um buraco dimensional, que resultava em Kolasis. O local era tenebroso, cristais de energia vermelha brotavam do chão devido a energia sinistra de Hades. Um enorme altar cercado pela mesma energia do local, com um grande símbolo de Omega a sua volta tomava conta da paisagem. O chão não era de pedra ou grama, mas sim de algo que parecia ser pura energia avermelhada. A grande estrutura fazia todo o espaço fora de Kolasis se distorcer. Enquanto isso não era possível sentir o cosmo da reencarnação de Athena, foi quando Kai se viu em meio ao local tenebroso.

Kai- ... Aqui... Aqui é Kolasis.

Kai se sentia um pouco zonzo após atravessar a grande hiperdimensão, mas logo o cavaleiro de sagitário se recompõe. Ele olha ao seu redor, buscando Sayumi com seus olhos, no entanto o santo de ouro não vê nada alem da paisagem assustadora.

Kai- Não consigo sentir nenhuma energia aqui... Onde está Sayumi!? E Hades? Kolasis realmente é o altar do inferno...

Kai começa a caminhar pelo local, ele sentia o ar pesado. O cavaleiro de sagitário então anda ate a principal estrutura do local, o grande altar infernal. No topo estava uma joia negra, ela parecia prender varias almas em seu interior, almas atormentadas e malignas, eram as almas do tártaro.

Kai- aquilo é a joia negra das almas... A joia forjada por Thanatos. Criada a partir das almas humanas que vivem no tártaro, sofrendo pela eternidade. Posso sentir seu poder maligno de longe... Eu preciso destruir aquilo!

Kai ergue seu arco dourado, e logo uma flecha feita de energia surge em seu arco. O cavaleiro de sagitário então mira bem no centro da joia negra que soltava energias malignas em sua volta.

Kai- Vá flecha da justiça! Traga a luz da esperança!

Kai atira sua flecha, formando um pilar de luz dourada a sua frente, no entanto antes que ela atinja a joia, o golpe do cavaleiro de sagitário se desfez, assim sequer chegou a tocar seu alvo, como se tivesse uma grande barreira a sua volta.

Kai- O que?

Hades- Não seria tão fácil assim cavaleiro de sagitário...

Kai- Hades!

A voz de Hades ecoa pelo local, e aos poucos o grande cosmo do deus do mundo dos mortos toma conta do local. Uma espécie de neblina surge envolta do altar, a qual causava uma grande pressão no corpo do santo de ouro que parecia indefeso perante aquilo. A alma de Hades surgiu no local, e aquilo seria o marco inicial da batalha contra o imperador do submundo.


Notas Finais


proximo capitulo sabado 20/05


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...