História Cavaleiros do zodíaco- Universo caotico - Capítulo 430


Escrita por: ~

Visualizações 26
Palavras 1.025
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Mutilação, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, como vão? espero que bem. E la vamos nos para mais uma longa semana cansativa, de voltas as aulas! Sim, minhas ferias acabaram hoje, mas fazer o que? Um dia tem que ter fim.

Capítulo 430 - O fim do treinamento! O pronunciamento de Caos!


Fanfic / Fanfiction Cavaleiros do zodíaco- Universo caotico - Capítulo 430 - O fim do treinamento! O pronunciamento de Caos!

O começo do treinamento dos guerreiros da esperança começou. Eles precisavam juntar toda a força o possível enquanto ainda havia tempo para que eles pudessem lutar contra os guerreiros caóticos de Caos. Sayumi e Artemis estavam juntas a Cronos, onde o grande titã esta lhes concedendo um pouco de poder, enquanto isso Gabriel partiu do santuário rumo a sua antiga vila destruída, onde lá realizaria seu ultimo treinamento.

Todos não sabiam ao certo de quanto tempo havia para que se preparassem, mas era certeza de que não havia muito tempo. Ninguem ficava parado, todos ajudavam uns aos outros, as pessoas que estavam desabrigadas já não brigavam mais por comida ou qualquer coisa do gênero, mas sim se ajudavam na caça e busca de mantimentos para que todos sobrevivessem ao frio da estação. Os aspirantes a cavaleiros auxiliavam a todos e deixavam que os santos e os satélites treinassem sem nenhuma interrupção. No coliseu estava Kotei de leão, Acteon de Raiju e Ariel de coelho lunar. Os três jovens treinavam duro, fazia horas que eles batalhavam por ali sem nenhum descanso, e mesmo assim pareciam estar com o fôlego redobrado, motivados, preparados para a batalha contra qualquer um inimigo.

Kotei- Vamos lá Acteon! Ariel!!!

Acteon- Ah!!!

Ariel- Golpe do coelho lunar!!!

Acteon e Ariel elevam seus cosmos simultaneamente, logo um imenso brilho branco toma conta do local, seguido de inúmeros relâmpagos que caiam dos céus se chocando com violência contra o chão. Os satélites avançavam contra o cavaleiro de leão em uma velocidade absurda.

Kotei- Sintam o rugido do leão!

Kotei solta um grito que mais pareceu um enorme rugido de leão. Sua aura dourada emitia uma luz tão intensa quanto a dos satélites, e logo relâmpagos dourados se chocaram contra os raios de Acteon. O cavaleiro de leão avançou contra os satélites de Artemis, deixando uma trilha de destruição. Os três se golpeavam com uma imensa velocidade, trocando socos e chutes em uma velocidade absurda, muitas vezes acima da própria luz. Era visível a evolução dos três. Enquanto isso, na casa de touro estavam Pyliy de Áries, Tsuki de touro e Chione de lua crescente. As três guerreiras formavam um triangulo, estavam concentradas, elevavam seus cosmos mas não agressivamente. Envolta do corpo da amazona de Áries havia uma pequena aura dourada, já no corpo da satélite de lua crescente havia uma pequena energia branca e preta, e por fim com a amazona de touro havia uma pequena aura branca e dourada. Elas controlavam seus cosmos sem deixar ele oscilar, era possível ver o cansaço que aquilo causava, e em suas expressões demonstrava o esforço exigido, mas mesmo assim elas continuavam imóveis perante a situação. De repente seus cosmos começam a oscilar e elas voltam a abrir os olhos ofegantes.

Pyliy- Esse treinamento de contenção de cosmo... Custa muita energia...

Chione- Sim. Manter o cosmo dentro de nosso corpo e ao mesmo tempo queima-lo ao máximo é algo totalmente desgastante e exige muita concentração.

Tsuki- Sim, mas se conseguirmos utilizar isso em batalha seremos invencíveis, eu sei disso, tenho certeza na realidade...

Chione- ... Alguém já conseguiu dominar essa técnica?

Pyliy- Kotei domina em partes. Gabriel consegue executa-la com perfeição...

Tsuki- ... E Tenkai também. Vamos mais uma vez! Não temos tempo a perder!

Elas voltam a elevar seus cosmos mas ao mesmo tempo não permitiam que suas energias transbordassem de seus corpos, elas treinavam pesado. Enquanto isso, próximo ao litoral ocorria uma grande batalha. Era possível ver o tremor de terra enquanto o ar era cortado por punhos velozes. A velocidade dos combatestes era tão alta que era quase impossível acompanha-los com os rastreamento do cosmo. Eram quatro guerreiros, Manianks de câncer, Kai de sagitário, Báoli de capricórnio e Eneu de lua minguante. Eles trocavam golpes entre si, em uma verdadeira batalha Royal. Quando um abaixava a guarda não tinha tempo de pensar, pois logo outro vinha ataca-lo. Eles estavam exaustos, no entanto continuavam batalhando em alto nível.

Manianks- Desapareçam idiotas! Chamas demoníacas!

Eneu- Tsc! Corte minguante!!!

Kai- Isso não é nada! Trovão atômico!

Báoli- Corte tudo a sua frente... Excalibur!!!

Os golpes se chocavam com violência, destruindo tudo ao redor, cortando as ondas com o simples impacto de energias. Todos os guerreiros treinavam. Enquanto isso enfrente a estatua da deusa Athena, um brilho começou a surgir. Essa luz vai ficando mais intensa, ate que dela surgem as duas deusas irmãs, Artemis e Sayumi.

Artemis- Finalmente...

Sayumi- ... Acho que se passou uns doze dias desde então... Mas finalmente chegou a hora da verdade.

Artemis- Com nosso treinamento com Cronos... Posso mostrar o caminho para eles...

Sayumi- Por favor, faça isso irmã. Eu irei curar nossos guerreiros!

Era visível o aumento de força das duas deusas. Seus cosmos eram imensos, muito maiores do que antes. A reencarnação de Athena então ergueu seu báculo dourado fazendo surgir uma luz intensa nele. Eis que então a mesma luz cai sobre todos os guerreiros das deusas e humanos que moravam nas redondezas do santuário, curando seus ferimentos e trazendo de volta todas suas energias. Todos pararam seus treinamentos.

Báoli- Athena... Ela está de volta!

Kai- Sim...

Eneu- A senhorita Artemis também!

Manianks- Huhuhu... Ótimo...

Todos os guerreiros estavam com todas suas forças, usando suas armaduras totalmente restauradas por Minarai, que mesmo jovem já tinha uma grande habilidade em conserta-las.

Ariel- Ei olhem lá no céu!

Kotei- A lua!?

Acteon- Sim, é a senhorita Artemis nos mostrando o caminho! A batalha vai começar agora!

Kotei- Ótimo...!

Os três que estavam no coliseu correram rumo a luz da lua que brilhava no céu, mesmo que o sol ainda iluminasse o mundo.

Tsuki- Chegou a hora! Vamos!

Chione- Sim!

Pyliy- Vamos lá!

Todos os guerreiros seguiram o caminho que Artemis guiava. Enquanto isso no templo de Athena, a deusa da lua se concentrava para manter o caminho visível para os cavaleiros.

Sayumi- Agora é minha vez de criar o caminho para vocês... Por favor, vençam pela esperança!

Sayumi começa a elevar seu cosmo, sua energia era absurdamente gigantesca. A batalha contra os guerreiros do caos está preste a começar, e a luta para impedir que Erebo volte a vida será decisiva.


Notas Finais


proximo capitulo terça 08/08


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...