História C.d.C - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias VIXX
Personagens Hongbin, Hyuk, Ken, Leo, N, Personagens Originais, Ravi
Tags Leobin, Navi
Exibições 43
Palavras 2.088
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Bishounen, Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shounen, Yaoi
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Me desculpem pela demora,mas é que houve unas coisas em casa,e tudo mais,espero que vocês gostam,desculpa qualquer erro e boa leitura

Capítulo 6 - Os Sentimentos de Leo


Fanfic / Fanfiction C.d.C - Capítulo 6 - Os Sentimentos de Leo

POV de HongBin


Bem vou resumir como minha semana foi extramente estranha e super confusa. 


Segunda-feira : Fui pra escola e passei o dia todo sem meus amigos,a única pessoa que pedia conversar era / é o Leo. Fui grosseiro com ele e tais ,e o pior é que o N e o Hyuk não me contaram porque não tinham ido pra escola.


Terça-feira : Tive que pedi desculpas pro Leo,e o mais estranho que ele convidou pra ir numa festa que ele e seus irmãos iriam  fazer. Os GGP's me levaram pra casa e mais tarde ele,o Leo,havia me ligado para conversar sobre a "A Festa" deles. Fui bem estranho.


Quarta-feira: Fui pra escola (como sempre), N havia chegado somente na segunda aula,isso era estranho ,mas o resto foi tranquilo.Tirando o fato que havia visto o N chorar nos braços de Ravi .


Quinta-feira : Fiquei sozinho novamente,mas o Leo estava lá. Era triste “viver” um dia de aula sem o Hyuk e o N,porém Leo me animou muito,isso foi bem legal da parte dele,e estranho também. Quase no fim das aulas ele,o Leo, havia me convidado á ir ao Parque de Diversões com ele.Até que eu me diverti lá com ele ,sozinho,havia esquecido qualquer sentimento que estava a senti mais cedo,no final das contas ele me deixou em casa,porém havia algo estranho entre nós,um clima intenso e ...ele tentou me beijar pra minha sorte, “minha sorte? ”...bem , voltando ao assunto,minha irmã JiYeon chegou e estragou o clima.


Sexta-feira / Sábado : Finalmente havia tomado coragem na cara,e me declarei de corpo e alma ao mesmo,mas... o resultado não foi o que esperava. N amava/ama outro,e esse outro é o Ravi, e estava/está a namorar com ele antes das férias. Meu mundo havia desabado na hora,com raiva quebrei a porta do meu quarto,ignorei o N o dia todo na escola,porém ainda com ódio e raiva fui na “A Festa”e me divertir muito,de certa forma deixei o que me incomodava de lado,quase pro “fim” ...eu e Leo tivemos um “ pequeno momento intimo” . Nós beijamos e ...e um cara,talvez um mordomo acabou assistindo tudo,quase morri de tanta vergonha ,e o Leo,meio que se declarou-se a mim.Honestamente não sabei o que fazer ,e ainda não sei...
Fiquei refletindo sobre tudo que houve comigo,e sinceramente,eu não sei o que é real e o que é sonho,não sei se ligo pro Leo,se ligo pro Hyuk, se saiu de casa,ou se fico...
 


Hoje a palavra “não sei” está sendo muito usada por mim,pois és a primeira vez que coisas estranhas e confusas acontecem comigo. Essas coisas aconteceram apenas em uma semana e eu sinto como se estivesse passado por isso em anos,ou talvez meses. Tão rápido e sem um botão de “parar”, como um....sei lá. Estranho,muito estranho,mas ...sinto falta do Leo,sim! Eu sinto falta dele,acho que me apaguei muito a ele em tão pouco tempo,em horas,e dois ou três dias...Poxa,uau HongBin,você se superou ,e muito . 


“Mas e agora? o que eu faço ? ”
 

Perguntas sem respostas,me sentia no fundo do poço,sem nada a fazer ...

 

Flash Back -  Jung Taek-Won

POV de Leo

 

Deixei Binnie em casa,ainda de madrugada. Cheguei em casa,“A Festa”  parecia  ainda está rolando,

deixei o carro no estacionamento e entrei na mesa,percebi que enquanto estava fora, algumas pessoas já haviam ido embora ,porém a bagunça no primeiro andar  estava gritando ,subi até o segundo,as coisas ali estavam “calmas”,Ravi e N estavam sentados conversando .

-Tudo bem ai?-perguntei me sentando ao lado dele no sofá- N,você vai dormir em casa ?-terminei .

-Ah oi,é,vou sim,e o Binnie?-o alheiro perguntou.

-Eu deixei em casa,ei onde o Hyuk e o Ken estão ?

-ata,Hyuk foi dormir com Ken

-Dormir?-perguntei.

-É...-terminou o N .

-Hm,bem estou indo também –terminei e fui até meu quarto,troquei de roupa e me joguei na cama,me perguntei se estava bem,porém sinto algo ruim por dentro  sem motivos.

Quando já brilhava,acordei tarde,já era 13:30 da tarde,minha cabeça doía muito,corri até o banheiro com a vontade de colocar tudo o que havia comido e bebido no dia anterior pra fora,e bem isso que aconteceu,pois isto tomei um banho bem gelado para ficar acordado e fiz minha higiene pessoal,me vesti com uma roupa normal, calça jeans masculina clara rasgada nos joelhos,uma camisa social azul-claro e um par de sapatos comuns de cor escura (preto),penteei meus cabelos,e desci pra cozinha,o mais estranho isso tudo ,é que eu não costumo acorda muito tarde. Luke o mordomo ,ou como eu o chamo,Lu,ele já havia preparado meu café-da-manhã .Algumas panquecas,com uma salada de frutas,suco de laranja e ovos mexidos com bacon,tudo estava perfeito,um café da manhã atrasado maravilhoso . E então o mesmo se aproximou de mim e me fez algumas perguntas,que as quais me fizeram lembrar do que havia ocorrido com HongBin.

- “O Senhor Jung irá vê o Senhor Lee hoje?”. “O Senhor Lee ligou ,ele falou que quer conversar sobre o “ pequeno momento intimo”de ontem”. “O Senhor irá retornar as ligações dele? ”

Simplesmente corei por completo neste momento,porém não respondi,e então o mesmo mudou de assunto .

-“Os Senhores Jae,Han,Kim e Cha ainda estão dormindo,se eu fosse o Senhor Jung,iria aproveitar esse tempo para fazer uma visita ao Senhor Lee

-Ah clã-claro,obrigado –respondi já saindo da cozinha,peguei as chaves da Bmw azul e saí de casa.

POV de HongBin

Acordei tarde hoje,por conta da “A Festa” de ontem na casa dos GGP's,para minha sorte não passei mal e nem nada do tipo.Ainda bem . Mas sobre as coisas que houve ,não parei de lembrá-las ,tomei um banho e fiz minha higiene pessoal,coloquei uma calça jeans preta e um moletom vermelho com uma camiseta branca um pouco larga e um par de tênis de cor marrom bem claro. Minha mãe estava na cozinha fazendo algo bastante gostoso ,pois o cheiro estava ótimo.

-O que a senhora está a fazer?-perguntei a observando.-Onde está a JiYeon ?

-Bom Dia tarde bebê,sua irmã saiu e estou fazendo algo pra ti,já que perdeu a hora do almoço e a hora do café !-falou a mais velha- macarrão com molho de tomate acompanhado com almôndegas ,e salada de alface com cenoura ralada ,seu prato favorito ,suco de uva e de sobremesa um pedaço daquele bolo maravilhoso que você trouxe hoje de madrugada! –a mesma arruma meu prato sobre a mesa da cozinha,até que ela olhou para mim me fazendo uma pergunta – Já passo chamar o Leo de genro ,binnie?

-o qu-que?-perguntei todo corado .

-ué bebê ,eu já notei que vocês se gostam ,e da pra vê pelos os chupões em seu pescoço que a  festa foi boa- a mesma sorriu com malicia para mim

-Mã—mãe?!- exclamei passando as mãos pelo meu pescoço .

-Calma filho,tudo bem,você é jovem ,e jovens fazem essas coisas,és normal. E quer saber de uma coisa,você combina mais com o Leo,esse seu amor com N é muito bobo e fraco.O Leo é forte,bonitão,cheiroso,gentil e se deus quiser,vai ser um ótimo e perfeito marido pra cuidar de você-a mesa tinha desfeito o sorriso malicioso,estava feliz com um sorriso bonito,e um pouco corada. –Quero muito  que ele te faça feliz,e amado...Eu quero que você –a mesma parou de falar e se virou- coma bebê,e depois ,se quiser,ligue pro Leo o agradecendo ...Vou no mercado –a mesma veio até mim e me deu um beijo na testa,e saiu correndo pegando as chaves para fora de casa.-Te Amo e até hongBin-a mesma terminou .

-Mãe?!-a observei calado,e havia percebido que a mesma estava com os olhos molhados e a voz tão baixa e calma,porém parecia nervosa.Me sentei e almocei ,na hora de comer a fatia de bolo,uma lembrança surgiu ,meu pai com minha mãe ,quando era mais novo.E então senti uma sensação de alegria e nervosismo ao mesmo tempo,acho que entendi por que minha mãe estava daquele jeito.Depois de comer me levantei e decidi ligar para Leo,mas ele não atendia o celular,e então liguei pra casa dele,porém o mordomo ,um tal de “Lu”,a mesma pessoa que me viu aos beijos com Leo,falou que ele estava dormindo que iria retorna as ligações assim que acorda-se ,e mesmo assim que liguei mais unas duas vezes .  Fiz minhas tarefas de casa,minha mãe ligou avisando que irá para casa de uma amiga e que minha irmã iria dormir na casa do novo namorado dela ,fiquei em casa assistindo televisão ,até que alguém tocou a campainha .

-Já vai,um minuto –falou me levantando e andei até a porta. –Pois não?-perguntei abrindo a porta

-Binnie!-Meus olhos estavam me enganado ?Ou aquilo era real?-

-Leo ?-perguntei olhando o loiro.- O que você – fui interrompido com um beijo do mesmo,apenas corei o olhando.

-Boa tarde –falou o mesmo quando se afastou de mim- o Lu falou que você ligou,eu...eu vim te levar a um lugar especial ,você ta bem?- o mesmo me olhou.

-Hã?es-estou...é lugar especial?Quer dizer,e você está bem também?-tentei disfarça mas não deu certo.

-Estou,e sim ,um lugar especial,vamos?ou você está ocupado ?- o mesmo perguntou.

-Não,quer dizer,claro que quero ir,na-não estou ocupado,estou sozinho em casa,mas onde é esse lugar especial –perguntei tentando mudar de assunto.

-Hm,ótimo,é surpresa ,vamos- o mesmo estendeu a mão para mim.

-claro,eu só vou pega as chaves- falei e peguei as chaves ,desliguei a televisão ,e tranquei a porta -Leo...-antes que pudesse terminar ,fui surpreendido com um pequeno buquê de flores.Peguei o mesmo e cheirei ,nem falei nada apenas sorri,e percebi que Leo estava a me encarar,seu rosto estava um tanto avermelhado ,e o mesmo abriu a porta do passageiro para mim ,em sua BMW azul –Obrigado-falei ao mesmo e dei um selinho em sua bochecha,e me sentei,via que o loiro ficou mais vermelho com aquilo .

-Bem ,co-coloca o cinto..- mesmo falou sentando-se no bando do motorista com o rosto vermelho .

-Claro,você está bem de verdade?Parece com febre!-falei quase rindo ,colocando o cinto.

-S-Sim,estou...o-obrigado-o mesmo terminou e deu a partida da BMW azul.

 

Flash Back -  Jung Taek-Won

POV de Leo

Já no carro ,sentia um calor enorme em meu corpo,e alguns arrepios também,queria vê Binnie ,queria abraçá-lo,beijá-lo e tudo mais,meu amor por ele havia aumentado .Amei a noite os pequenos momentos com ele,estava indo para sua casa,queria e quero mostra os meus sentimentos para o mesmo,mostra que são verdadeiros e fortes,mostra que ele era e é amado por mim. Parei numa floricultura e comprei um buquê de flores,pedi que a mesma fizesse uma mistura de flores que HongBin gosta. Uma mistura de rosas azuis ,com rosas brancas,de fato a moça falou que era difícil alguém gosto de uma mistura de dois tipos tão diferentes de rosas ,mas era especial,e é para alguém especial .

POV de HongBin

Vinte minutos depois ,Leo estacionou o carro num lugar perto de um campo verdes,não tinha ninguém a tarde está com uma leve brisa ,o lugar era lindo de fato .

-Leo..- o olhei e o mesmo sorriu saindo do carro,e então abriu a  porta para mim saí,saí e o empurrei de leve contra o carro,os olhos do loiro se encontravam aos meus,não pensei duas vezes e o beijei,e quando me afastei dei conta de algo...-me desculpa Leo..-sussurrei de cabeça baixa.

-Tudo bem,eu...eu gostei. Binnie,vem – o loiro pegou minha mão e me puxou até o campo.

-Leo e o carro?-perguntei o olhando- o mesmo apertou o alarme do carro,e me olhou ainda sorrindo,ele me levou até o centro do campo .

 

POV de Leo

 

-Binnie ,sobre ontem...olha ,eu ...eu não abusei de você e nem nada,quer diz,eu ...eu não estou lhe culpando,mas..sabe...eu-estava nervoso,queria me abrir mas estava com medo -Binnie...

-Leo,calma...-o moreno me olhou e sentou no chão.Fiquei em pé .

-Binnie...eu te amo...eu te amo há um tempão ,te amo desde quando eu te fiz pela primeira vez,eu sei que você ama o N e tudo mais,mas ...mas eu te amo,e vou fazer de tudo pra você vê que sou o homem pra você. Eu amo tudo em você,seus desfeitos,suas perfeições,seu sorriso,seus olhos,sua boca,seu calor,e até mesmo amo quando você me rejeitava,mesmo sendo uma rejeição você falava comigo,eu ...eu não falei com você antes,por que estava com medo de você não gosta de mim,e sabe você não gostava de mim, e....e eu fiquei tão puto quando você se declarou pro N,e falou que ia pra festa com aquela garota!! EU TE AMO!Eu...eu quero ficar com você...Eu penso em ti todos os meus dias,e agora que você fala e até me beija,eu cheguei numa conclusão...Eu não posso viver sem você Binnie...Você quer namorar comigo,Lee HongBin?-perguntei olhando o moreno

Continuar ..


Notas Finais


Obrigada por ler , e até o próximo capítulo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...