História Cecília - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Original, Romance
Exibições 9
Palavras 955
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 14 - Capítulo 14


Fanfic / Fanfiction Cecília - Capítulo 14 - Capítulo 14

Se despediram Frederico a pegou no colo e a levou para a carruagem:
–Você se sente bem,Cecília?
–Sim,só um pouco enjoada
–Você não deveria ter feito isso
–E Joaquina e Ernesto?
–Estão muito preocupados com você,Ernesto me contou que te viu sair,descobri onde você estava,sai correndo e nem falei com eles
–O que direi a eles?
–Se quiser não contaremos a eles,falarei que ficou adoentada
–Você faria isso Frederico?
–Sim,agora descanse
Cecília adormeceu com a cabeça em seu colo,quando chegaram ele a pegou no colo e a levou para dentro,a deitou em sua cama.Depois de deixa-la na sua cama,ele foi falar com seus vizinhos,chegando lá eles já o esperavam:
–O que aconteceu? -Perguntou Ernesto
–Ela havia ido para a casa de um conhecido nosso e lá ficou doente,chamamos um médico e depois trouxe ela para cá
–O que ela tem? -perguntou Joaquina
–Um pouco de febre
–E agora ela está bem?
–Sim,está melhorando
–Posso ver ela?
–Agora não Joaquina,ela está descansando da viagem,mas tarde
–Está bem
–Porque ela fugiu? -Perguntou Ernesto
–Depois vocês conversam com ela
Frederico voltou para casa,foi ver Cecília,ela continuava dormindo,sentou-se ao seu lado,agora o que aconteceria,pensava ele,expôs seus sentimentos,mas isso não mudaria nada,eles não poderiam ficar juntos e ainda tinha Ernesto.
Cecília acordou-se:
–O que foi?
–Falei com os vizinhos,eles virão te ver mais tarde,disse a eles que você estava febril,não lhes contei mais nada
–Eles acreditaram?
–Creio que sim
–Porque sentou aqui?
–Para ficar perto de você
–Você me ama?
–Quantas vezes,Cecília?
–Eu gosto de ouvir
–Eu te amo
Ela sorriu,seus olhos se iluminaram:
–Já pensou o que vai dizer aos seus amigos?
–Só o que você já disse
–E o Ernesto?
–O que tem ele?
–Se sentiu culpado por você ter fugido
–Coitado,ele não merece,mas não o amo,não posso mentir para ele,vou lhe contar que gosto de outro
–Quem?
–Você,seu bobo
–É
–Eu te amo
Os dois se aproximaram e seu lábios se encontraram pela primeira vez e um beijo calmo e profundo
–Desculpa Cecília
–Iria acontecer isso naquela noite,no luar em que você fugiu de mim,lembra?
–Ah Cecília,eu não podia,mas teria evitado tudo isso,o meu medo de te perder foi tão grande
–Já passou
–Porque fez isso Cecília?
–Já te falei,achei que fosse meu irmão
–Aquele louco,idiota
–Ele só queria o meu bem
–Não Cecília!Sempre ouve boatos de que foi ele quem matou a própria família
–Nunca ouvi falar nisso
–Seus pais nunca acreditaram nisso,mas eu não duvido nada que seja verdade,assim como ele te induziu,pode ter feito com eles também
–Mas se isso for verdade é gravíssimo
–Por isso nunca confiei nele
–Foi por isso que não me deixou ir com ele a alguns anos atrás?
–Foi
–Deveria ter me contado
–Você não iria acreditar,iria?
–Não,provavelmente não
–Por isso achei melhor não falar nada
–Mudando de assunto,nós vamos ficar juntos?
–Não sei Cecí,você sabe o que teremos que enfrentar
–Não me importo
–Mas a mim sim,não quero que sofras
–Só vou sofrer se não ficarmos juntos
–As vezes penso,talvez fosse melhor você se casar com o Ernesto
–Óbvio que não,mas você não se importaria?
–Isso me mataria,mas faria por você

–Todos nós sofreríamos,isso não é justo
–O mundo não é justo Cecília
–Mas nós complicamos mais ainda
–Talvez você tenha razão
A empregada interrompeu a conversa:
–Senhor,tem duas pessoas lá em baixo querendo ver a Cecília
–Deixe-os subirem
Eles subiram,Joaquina foi correndo abraçar Cecília:
–Estávamos muito preocupados
–Eu também estava com saudades de vocês
Joaquina riu:
–Tudo bem Cecília? -Perguntou Ernesto
–Tudo
–Vou deixar vocês conversarem sozinhos -disse Frederico se retirando
–Sente-se -disse Cecília aos dois
Eles sentaram:
–Porque você fugiu Cecília -Perguntou Ernesto
–Tive uma discussão com o Frederico
–Mas foi grave? -Perguntou Joaquina
–Naquele momento pensei que sim e resolvi ir para casa do meu tio,aquele que você viu aqui
–E depois como ficou doente?
–Talvez por ter saído a noite,quando cheguei lá,já estava me sentido meio amolada
–Pensei que fosse por minha causa que tinha fugido -disse Ernesto
–Capaz
–Já contei tudo que aconteceu para Joaquina
–Então você já sabe Joaquina?
–Sei
–Espero que entenda
–Entender não entendo,mas tudo bem
–Isso é um não definitivo Cecília? -Perguntou Ernesto
–Sim,me desculpa mas tenho os meus motivos
–Posso saber quais são? -Perguntou Joaquina
–Isso só diz respeito ao teu irmão,se ele quiser saber
–Joaquina volte para casa,me deixa conversar com a Cecília
Joaquina obedeceu,Frederico a viu sair sozinha
Enquanto isso no quarto:
–Então Cecília
–O que vou dizer não vai ser fácil para você
–Mas...
–Eu amo outra pessoa
Ernesto ficou pensativo por alguns segundos e sussurrou:
–Frederico
Cecília ficou surpresa,como ele sabia
Ernesto prosseguiu:
–Agora entendo tudo
–Tudo?!
–Porque vocês discutiram,porque você ficou brava por se casar comigo,me diz Cecília é ou não o Frederico?
–Não posso te dizer,me perdoa,sinto muito
–Ele também gosta de você,vi isso dês do primeiro dia que vi vocês juntos,montando,cheguei a falar para Joaquina,mas ela disse que era besteira,vou me retirar,tchau
–Tchau
Quando ele ia saindo cruzou com Frederico,ambos não disseram nada
–O que houve Cecília? -Perguntou Frederico,logo que entrou
Cecília lhe contou tudo que havia acontecido
–Foi melhor assim -disse Frederico
–Foi sim
–Cecília,estava pensando e achei uma solução para podermos ficar juntos
–Ficar juntos,hum gostei,o que?
–Vamos morar em São Paulo,casamos e começamos uma vida nova
–São Paulo?Mas e a Joaquina ela é minha melhor amiga,não vou mais vê-la
–Não posso decidir nada por você,mas se decidir ficar,não poderemos ficar juntos
–Claro que quero ir com você mas penso na Joaquina
–Ela pode nos visitar
–Ela podia ir conosco
–Nunca que os pais dela iriam deixar
–Mas eu gosto daqui
–Cecília tem tempo para pensar,descansa
–Se formos,quando seria?
–Esperaríamos até o seu aniversário
–Obrigado por tudo
–Pelo que Cecília,eu farei qualquer coisa por você,eu te amo
–Eu também



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...