História Cecília - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Original, Romance
Exibições 9
Palavras 1.254
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Será que vai ter o primeiro beijo da fanfic?

Capítulo 5 - Capítulo 5


Fanfic / Fanfiction Cecília - Capítulo 5 - Capítulo 5

–O convida
–Nós três?
–Sim,porque não?
–Seu tio deixa?
–Pergunto depois,mas normalmente ele não me proíbe de fazer muita coisa
–Está bem
–Viva!não gosto de ver você sempre aqui
–O que vou fazer se não ficar aqui no meu quarto?
–Você tem um pátio lindo,desça para tomar sol,arrumar um pretendente,vá a uma reunião "social",meu tio vai fazer uma essa semana lá em casa,vou conhecer uns dos seus amigos e me interagir com a sociedade,você pode ir com seu irmão e sua mãe.
–Pode ser
–Vai ser divertido com vocês lá,senão não vou conhecer ninguém lá,além do meu tio
–Há falando nele,vocês se entendem bem?
–Sim,temos alguns pequenos problemas,desentendimentos,mas o Frederico é uma boa pessoa,não sei o que seria de mim sem ele
–É mesmo
–Pode ser hoje?
–O que?
–O passeio
–Amanhã,ainda tenho que falar com a minha mãe
–Está bem,também tenho que falar com o Frederico,mas acho que ele não vai se importar
–É
–Então já vou,mas tarde passo aqui se der.
–Tchau querida.
–Tchau
Cecília desceu,se despediu de todos e foi para casa,Frederico não havia chegado,a empregada já esperava para o almoço,Cecília subiu e foi esperar Frederico no quarto dele,depois de quase uma hora de espera Frederico chegou,subiu até seu quarto:
–Nossa que susto Cecília,o que faz aqui?
–Estava te esperando,hoje foi você que se atrasou para o almoço
–Tive alguns problemas
–Quer me contar?
–Não,são coisas de profissão.Porque estava me esperando aqui?Porque não ficou lá embaixo?
–Queria te dar uma bronca por ter se atrasado,mas você foi bem convincente
–Não gosto que entrem aqui
–Não mexi em nada,eu juro
–Tudo bem,então vamos almoçar
–Vamos,temos um monte de coisas para te contar
–Quero saber
Já no almoço continuaram conversando
–Fui na casa de Joaquina e percebi que ela raramente sai de casa ou do quarto,então a convidei para passearmos amanhã,tudo bem?
–Tudo,mais cuidado
–Sim,vamos nós três
–Três?
–É ela,o irmão e eu
–Porque?
–O irmão dela vai junto?
–É
–Porque ela disse que a mãe dela só deixa ela sair com o irmão
–Você nem o conhece
–Mas ela sim,ele parece ser uma boa pessoa
–As vezes as aparências enganam
–As vezes,não sempre
–É pode ser,mas nunca se sabe quando é sempre ou as vezes
–Também a convidei para sua reunião "social",disse que ela podia vir com a mãe e o irmão,mas não acredito que virão
–Nem eu,essa gente é estranha;sabia que seu Frescher faleceu ontem?
–Não me lembro dele
–Era um grande advogado,amigo do seu pai e meu também
–Já era idoso?
–Uns sessenta anos imagino
–Me conta um pouco sobre meus pais
–O que quer saber?
–Como vocês se conheceram?
–Eu vim morar aqui,jovem ainda,fui de casa em casa,oferecer meus serviços,até que cheguei na casa dos seus pais,seu pai me atendeu,me ofereceu uma bebida,conversamos um pouco,ele disse que não ficaria com os meus serviços,porque eu era muito jovem,mas podia ir sempre visitar,assim fiz,até que comecei a trabalhar para ele.

–Quanto anos eu tinha?
–Seis
–Não me lembro
–Você era muito criança
–E eu era chata?
–Não,era um doce de criança,se fosse chata não a teria pegado para criar
–Acho que não
–Vou trabalhar a tarde também
–Vai?!
–Sim
–E que horas volta?
–Antes das seis
–O que vou ficar fazendo?
–Não sei
–Não fazemos mais nada juntos
–Cavalgaremos amanhã
–Podíamos ir ao teatro,uma noite dessas
–Você sabe que são poucas as mulheres que vão ao teatro
–Acho isso uma hipocrisia,o teatro evolui muito,temos bons atores e as peças estão cada vez melhores
–Mas continua não sendo um lugar apropriado para moças de família,mas vemos isso mais tarde,agora preciso ir
Passou-se a tarde Cecília ficou lendo na biblioteca,enquanto isso na casa de Joaquina,ela e seu irmão conversavam:
–Perguntei a Cecília o que ela acha de você
–E o que ela disse?
–Que você parece um bom rapaz,simpático,bonito e educado
–Falou tudo isso?
–É e também me convidou para passear com ela amanhã e eu disse que a mãe não me deixava ir sem você
–Joaquina!
–Ela então disse,que podíamos sair os três,eu disse que ia falar com a mãe e ela ia falar com o Frederico
–E você já falou com a mãe?
–Ainda não
–Obrigada por estar me ajudando
–Sei que você está gostando dela
–Muito
–Há e ela também nos convidou para uma reunião social na casa dela,que o tio dela vai fazer essa semana,ela disse que podemos ir nós três,boa hora para você conhecer o Frederico,nem eu o conheço direito,ele só veio aqui uma vez para buscar a Cecília.
–Tive a impressão,quando os vi cavalgando,que ele gosta dela
–Claro que gosta,ele praticamente a criou sozinho
–Não era exatamente disso que estava falando
–Mas é isso que é,vou falar com a mamãe
Passada toda tarde,já as seis da tarde,Frederico chegou.Na casa de Joaquina ela já havia falado com sua mãe,que permitiu que ela passeasse.
Frederico bateu na porta de Cecília:
–Vamos jantar?Tenho algumas coisas para te contar
–Está bem,estou descendo

Já na ceia:
–Quais as novidades?
–O conde de Vilamon vai vim para nossa reunião de depois de amanhã,temos que organizar tudo
–E quem é ele e porque é tão importante ele vir?
–Ele é um ilustre fazendeiro da nossa região,é muito influente no mundo dos negócios,veio de uma família muito importante,seu pai também os conheciam,ele é praticamente o único herdeiro vivo da família e se o consegui o impressionar com os meus serviços,além dele terei muitos outros clientes.

–Prometo me comportar
–Já é o suficiente,e você o que fez hoje?
–Fiquei lendo na biblioteca
–Não foi na casa de sua amiga?
–Não,vou pela manhã,para marcar o passeio
–Depois dessa semana agitada,por causa da reunião,prometo te levar ao teatro,mas só você e eu
–Ótimo,eu adoro teatro
–Você vai dormir agora?
–Podíamos olhar o luar?
–Vamos,então
Depois do jantar,logo que escureceu Cecília e Frederico foram olhar a lua:
–Lindo (disse Cecília)
–Muito
Cecília deitou na grama:
–Cecília,levanta!
–Vem deita aqui,fica mais bonito se é possível.
–Não sou mais criança Cecília
–Nem eu,mas não tem idade para isso,por favor
Frederico deitou-se na grama ao lado de Cecília que falou:
–Viu como fica mais bonito!
–Linda,uma das mais belas visões que já vi
–E qual a mais bela?
–Você
Ambos se olharam,iam quase se beijar,quando Frederico em um lapso voltou a si e se colocou de pé,Cecília em um salto também:
–Já é tarde vamos entrar (Disse Frederico)
–Vou ficar aqui mais um pouco
Frederico tirou o casaco e pôs sobre os ombros de Cecília e entrou
Cecília ficou ali parada a pensar,o que tinha acabado de acontecer ali?será que Frederico estava apaixonado por ela e ela o que tava sentindo por ele,gostava muito dele isso ela tinha certeza,sua mente,mais a confundia do que lhe dava uma explicação,resolveu então entrar,Frederico estava parada a beira da escada a pensar:
–Resolvi entrar,já é tarde,vou dormir
Disse Cecília entregando o casaco de volta a Frederico,que lhe concedeu um espaço para subir,porém não falou uma palavra sequer.Cecília se dirigiu ao seu quarto,mas pela fresta da porta ficou esperando Frederico ir para o quarto dele,depois de muita espera,resolveu procura-lo,então viu a luz ligada do do escritório e entrou:
–Ainda por aqui?
–Sim e você porque não está dormindo?
–Não consegui,vim tomar um copo de leite,mas como vi a luz acesa passei aqui para olhar

–Estou terminando coisas do trabalho
–Eu se pudesse estaria trabalhando
–Não fale besteira Cecília,o trabalho de uma mulher é cuidar do marido e da casa
–Quem sabe no futuro não seja diferente
–Não sonhe Cecília,sempre será aqui
–Mas amanhã vamos cavalgar,não é?
–Sim iremos,daqui a pouco irei dormir
–Boa Noite!
–Boa noite Cecília



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...