História Cellbit e a descoberta de sentimentos - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Alan Ferreira (EDGE), Cauê "BaixaMemoria" Bueno, Douglas "Rato Borrachudo", Felipe "Febatista" Batista, Felipe Z. "Felps", Flavia Sayuri, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "Luba" Feuerschütte, Lucas "T3ddy" Olioti, Marco Tulio "AuthenticGames", Pedro Afonso "RezendeEvil" Posso, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, TazerCraft, Thiago Elias "Calango"
Personagens Alan Ferreira, Cauê Bueno, Felipe "Febatista" Batista, Felps, Flavia Sayuri, João Victor Negromonte Queiroz "Jvnq", Lucas "LubaTV", Lucas Olioti, Marco Tulio "AuthenticGames", Mike, Pac, Pedro Afonso Rezende Posso, Personagens Originais, Rafael "CellBit" Lange, Rafael "Guaxinim" Montes, Rato Borrachudo, Thiago Elias "Calango"
Tags Cellan, Cellke, Cellmitw, Cellnix, Cellps, Celltw, Felke, Mitw
Exibições 127
Palavras 1.813
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Lemon, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oi pessoas! Então.... O capítulo saiu a noite hoje né?! Claro olha o tamanho! E sabem porque desse tamanho, bom foi tudo por causa de vocês que curtem e comentam, saber que vocês estão gostando da um calorzinho no meu coração
Bom
Sem
Enrolaçao
Bora pro capitulo

Capítulo 3 - Ciúmes?


Fanfic / Fanfiction Cellbit e a descoberta de sentimentos - Capítulo 3 - Ciúmes?

      Sabe qual é o melhor jeito de acordar  de vez? É ser perseguido por uma tsunami de fãs malucas, isso sim que acorda. Para você entender a gravidade, é só eu dar um passo na escola que o chão já começa a tremer! Porra,se duvidar eu já corro mais rápido que o Usain Bolt!
     A primeira coisa que eu tenho que fazer quando entro na escola, é olhar para todos os lados procurando a "tsunami", depois, é encontrar um lugar pra se esconder, e em seguida avisar a Pac. Do jeito que falo parece que eu já tenho umas 4 semanas de experiência... Mas não! Só se passaram dois dias! E onde me encontro para tá tendo essa crise de pensamentos? No quartinho do zelador! Isso mesmo meus amigos, no quartinho do zelador, e o pior, o Pac tá demorando muito!
-Menino o que você tá fazendo aqui?! Sai daí agora! -diz o zelador levando um susto assim que abriu a porta
-Por favor zelador, deixa eu ficar aqui, se eu sair lá fora já era -falo
-E eu ligo para isso?! -diz ele colocando as mãos na cintura
-Por favor, você não estar entendo a gravidade do problema! Se elas me pegarem, já era para mim! -digo já ajoelhado segurando a perna do zelador
-Elas quem moleque?! -ele pergunta tentando se soltar de mim
-Que porra é essa? -alguém diz, pera essa voz é familiar... Pac!
-Esse menino tá pirando -diz o zelador apontando para mim
-Me desculpe viu?! Ele tem problema é parece que ele não sabe aonde tem que ir -diz Pac com um sorriso no rosto e me puxando para o corredor -desculpe o transtorno -diz ele já saindo puxando minha mão junto
-Valeu Pac -falo meio sem graça
-Cara você tem que entender que aqui nessa escola tem lugares que você não pode ir! -diz ele parando de me puxar bem debaixo da escada
-É mais...-sou interrompido por Pac tampando minha boca com uma das suas mãos, e a outra apontando para cima, logo depois a escada emite um som de várias pessoas  descendo correndo. Era elas.
      Assim que a muvuca passou, o barulho parou
-Pac valeu mesmo! -digo sentando no chão
-Não tem de que -diz ele se sentando ao meu lado
-Sério se eu pudesse fazer alguma coisa por você... - falo
-E tem -diz ele
        Não sei porque, mas, assim que ele falou essas duas palavras, eu gelei, só duas palavras me deixaram arrepiado
-E-e o que seria? -droga, por que gaguejei?
-Você vai ser me travesseiro -diz ele colocando sua cabeça em meu colo
-Mas Pac só faltam cinco minutos para tocar o sinal -digo
-Que se explora esses cinco minutos! É o suficiente para eu tirar um cochilo -diz ele fechando os olhos
      Ele estava fofo dormindo no meu colo, na verdade, nossa situação estava muito fofa, e falo isso mesmo, por que é verdade. Enquanto ele cochilava, eu acariciava seus cabelos negros como a noite, e meu deus, como o cabelo dele é  macio!
       Todo esse momento acabou quando o sinal bateu, dando 7:30 da manhã, não sei mas algo dentro de mim queria que ele não tivesse batido e que continuassemos ali, mas né, tínhamos que ir para aula.
-Pac... -digo balançando seu ombro -acorda...
-Hum... -diz se levantando do meu colo
-O sinal bateu -falo me levantando e o ajudando a levantar
-Ata -diz ele no meio de bocejo -vamos então...
      Pegamos nossas mochilas e subimos aquelas escadas que eu e Pac a apelidados de escada da China, entramos na sala e sentamos em nossos lugares
-Bom dia! -diz o professor
-Bom dia... -a sala respondeu em coro
-Bom, nesse período nos vamos fazer uma atividade -disse ele
-Vai ser em dupla? -perguntou uma menina
-Sim só que eu que vou montá-las
        Ele pegou a chamada e se sentou em sua mesa
-Quem eu chamar se levanta
       Ele começou a falar os nomes da pessoas formando duplas e falando qual era a atividade, enquanto eu só reza para ficar com Pac
-Rafael Lange... -ele me chama e eu me levanto -e Felipe Z.
      Ah não...queria tanto ficar com o Pac, o jeito é ser educado, olho para ele é dou um sorriso, mais ao contrário ele faz uma cara de bunda, tá bom né, tem cada gente nesse mundo...
-Ok Rafael e Felipe o tema de vocês vai ser uma pesquisa e uma maquete sobre o sistema solar. Podem se sentar -diz o professor e claro, nos sentamos
-Tarik Pacanhan e Mikhael Linker - os dois se levantam -o tema de vocês vai ser fazer uma pesquisas elaboradas e fazer uma propaganda sobre a água no mundo, podem se sentar, agora vocês vão juntar as mesas e fazer atividades com sua dupla
     Depois dessa frase que o professor disse a sala virou uma bagunça, por que afinal quem não gosta de fazer atividade com alguém pelo menos para conversar?! Pois é, eu gosto, só que não foi bem isso que aconteceu, meu parceiro nem olhava para minha cara! Como isso dava raiva. Você tenta conversar com uma pessoa e ela nem olha para sua cara, e se responde uma pergunta é só com um "aham" ou "hum..." Que ódio! Pelo menos o Pac tá melhor que eu, tá rindo e conversando muito com aquele Mikhael... Não fui com a cara dele, sei lá não tô gostando muito de com o Pac tá interagindo com ele.

XXXX QUEBRA DE TEMPO XXXX

      De novo fugindo com Pac das fãs malucas na hora do almoço, cara já tô tão acostumado que nem me canso mais, chegamos na cantina num piscar de olhos!
-E aí, oque acha da sua dupla? -diz Pac sentando em uma das cadeiras da mesa
-Por incrível que pareça... Eu não acho nada -digo me sentando também
-Por quê? -ele me pergunta
-Não sei, tudo que eu perguntava ele não falava nada e se falava era só um "aham" ou um "hum...", nem sei como vamos fazer esse trabalho - falo com a cabeça apoiada na mão
-Hum... Já sei! -diz ele sorrindo
-O quê? -pergunto
-Ele tá bem ali -Pac aponta discretamente para mesa onde esse Felipe e a suposta namorada dele se encontrava -por que você não vai lá e vê se ele pode ir para sua casa fazer uma estava do projeto, para se aproximarem mais?!
-Boa é por isso que eu sou seu amigo -digo feliz
-Só por isso? -diz ele com uma cara de triste
-Não, também porque você é fofo e é a pessoa mais gentil que eu já conheci -digo apertando sua bochecha e indo em direção para mesa desse tal de Felipe
       Cheguei na mesa de Felipe e ele estava conversando muito com a namorada dele
-Felipe né? -digo tentando chamar sua atenção, mas adiantou? Não! Ele continuo conversando com sua namorada como se ninguém estivesse lá
-Ham, ham -dou uma tosse falça, que de novo não adiantou nada
-Conlisença -dessa vez funcionou, mas foi só com a namorada
-Ô menino, não tá vendo que a gente tá conversando não?! -diz ela num tom arrogante
-Vê eu estou vendo, mas parece que os que não tão vendo nem ouvindo são vocês -falo calmo
-Ah você acha que é... -Ela é interrompida pelo Felipe
-Gabriela calma... Deixa que eu resolvo -Ele se vira para mim -então o que você quer de tão importante que interrompeu minha conversa com minha namorada? -ele me pergunta com a voz seca. QUE CUZÃO
-Eu sou aquele menino da sua dupla -falo tentando não esquentar minha cabeça
-Sim e? -ele pergunta de uma forma arrogante
-Bom, para adiantar a primeira etapa do trabalho, eu tava pensando em você ir lá para minha casa -falo já me arrependendo de o ter convidado
-Eu? -ele pergunta num tom sarcástico
-É -falo
-Você só pode tá brincando! Eu nunca iria para sua casa -diz ele cruzando os braços
-Então como a gente vai fazer o trabalho senhor espertão? -falo já ironicamente
-Eu faço uma parte da pesquisa e você faz a outra -ele fala
-E a maquete? -pergunto
-Essa parte você faz sozinho! -ele fala sorrido
-Nem morto eu faço uma maquete sozinho! -falo cruzando os braços
-Então oque vai fazer -ele me pergunta com uma cara sarcástica
      Aí merda, tô sem argumentos é, o jeito é voltar para minha mesa, mais só foi eu virar que vejo aquele Mikhael sentado com o Pac. Puta merda, e eu já achando que aquela conversa foi horrível! É, vou ter que ir lá mesmo não gostando daquele cara. Me aproximo da mesa e percebo que Pac me notou
-Ei Rafa, esse é o Mikhael mas pode o chamar de Mike! -diz ele com um sorriso no rosto
-Prazer -falo seco
-Prazer... - ele fala percebendo que eu não fui com a cara dele
      Enquanto esperávamos a lanchonete esvaziar o Pac e o Mike ficaram conversando bastante animados e eu fiquei fuzilando o Mike com meus olhos, é eu não sei disfarçar quando estou com ciúmes
-Bom gente, parece que a lanchonete esvaziou, vou lar buscar meu prato enquanto vocês guardam a mesa
-Ok -disse Mike
      Logo que Pac foi para a lanchonete, Mike mudou de lugar e ficou na minha frente
-Que foi? -pergunto não entendendo seu ato
     Ele se aproxima de vagar do meu ouvido, e falou com uma voz rouca e seduzente
-Tá com ciúmes do Pac, ou ciúmes que não é você no lugar dele para conversar comigo
       Não sei, mas essa voz, me deixou arrepiado e com frio na barriga. Não estou me entendendo, como uma frase consegue me deixar assim?
-O quê? -pergunto paralisado
-Não precisa ficar com ciúmes -diz ele voltando para seu lugar -eu também tenho olhos para outros tipo...Você
-Quê? -falo ainda sem entender nada
-Não é atoa que você é bonitinho -diz ele mordendo o lábio inferior
-Cara ou você dá em cima do Pac ou de mim, se não você vai acabar magoando ele -digo voltando ao meu estado normal
-E quem você gostaria que eu escolhesse? -diz ele se apoiando na mesa fazendo de novo aquela voz seduzente
-Mike você que tem que escolher-digo o afastando de mim e cruzando os braços
-Gostei de você -diz ele voltando ao normal -já tá me chamando de Mike...
-Eu não tô te entendendo -falo rindo um pouco
-Não tem o problema, pelo menos o ciúme foi embora né? -ele me pergunta rindo também
-É acho que sim -falo
-Amigos?! -ele pergunta estendendo a mão
-Amigos! -digo a apertando
     Logo depois Pac chegou com seu prato, e eu e Mike fomos pegar nossos. Conversamos sobre coisas como jogos, livro, filmes... Enfim, muita coisa... É... Mike até que é um cara legal ao contrário de Felipe

   


Notas Finais


Então pessoas foi esse o capítulo de hoje, amanhã talvez eu poste, agora sábado e domingo definitivamente não postarei.
Bom não esqueçam de deixar aquele comentário cheiroso(de onde eu tirei isso???) e o coração, estamos chegando na meta de 5 favoritos, uhuuuuuu!
Beijão


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...