História Chama Ardente - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Kaze no Stigma
Tags Ayanoxkazuma
Exibições 35
Palavras 370
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Famí­lia, Harem, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Shounen, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Visual Novel
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Cap curto mas o próximo vai ser maior
Aproveitem.

Capítulo 2 - Conversa - Parte 1


Fanfic / Fanfiction Chama Ardente - Capítulo 2 - Conversa - Parte 1


                     Kazuma:

 Eu não tirava os olhos dela,cada movimento que ela fazia enquanto treinava mais parecia uma dança.(Nota autor:tá bom,agora tu pirou na batatinha.)Fiquei lá observando seu treinamento,realmente,ela melhorou muito suas abilidades.Quando seu treinamento termina,percebo que finalmente ela me vê.Ela fica muito feliz,seus olhos brilhavam,e logo ela pulou em mim e me braçou.

- Kazuma!! - diz ela na maior felicidade do mundo. - Que bom que você está aqui! - dizia ela,ela tá doente?Porém algo mais me chamava atenção...

- Seus peitos cresceram... - Falei a provocando,mas me arrependi logo que senti uma dor em meu estomago.Ela havia me acertado.

-  Kazuma! Seu pervertido!! - diz ela se afastando de mim parecendo um tomate.Começo a rir.

- Nossa você bate muito forte Ayano. - falo

- Você mereceu seu pervertido de merda. - diz ela cruzando os braços.

- Sou pervertido sim. - digo me aproximando dela. - E sabe o que os pervertidos fazem com garotinhas como você. - falei a deixando corada.

- N-Não... - Diz Ayano já meio receosa de saber o que eu diria. Por conta disso comecei a rir dela.

- Hahaha!Você é muito ingênua,princesa. - falei. - Não faria nada com você... eu acho.

- Imbecil... - disse ela fazendo um biquinho com raiva.Mas logo surge um pequeno sorriso.

- Apropósito...Depois quero ver sua evolução em batalha ok? - falei bagunçando seu cabelo e indo em direção à saida. - Você vem? - perguntei estendendo a mão e ela a pegou.

- Onde vamos? - perguntou a ruiva.

- Para um Hotel - falei.

- Quê?! - ela disse soltando-se das minhas mãos.

- É brincadeira. - falei rindo. - Vamos  comer alguma coisa. - falei e fomos em direção à saida do templo,rumo à uma lanchonete perto de lá.

 

 

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

 

Estavamos numa lanchonete,Ayano pediu uma faia de bolo de chocolate,eu pedi um prato de Yakisoba.

- Ei. - diz ela. - Você...Ainda sente algo pela Tsu Rin? - me assustei com sua pergunta.

- Ayano...Por quê tá perguntando isso? - eu realmente não estava entendendo.

- Ah.B-Bem... - ela começa - D-Deixe pra lá... - Ela fala e volta a comer o pedaço de bolo

Onde Ayano queria chegar com essa conversa?

 

----------------

 

 

 


Notas Finais


Até o próximo.
Não vou demorar tanto.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...