História Changes - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 3
Palavras 1.352
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


Voltay :3
Mais um cap novo diretamente de onde paramos
Beijim de algodão procês e boa leitura s2

Capítulo 3 - Betrayal


Fanfic / Fanfiction Changes - Capítulo 3 - Betrayal

Nem o zelador andava mais pelos corredores do colégio quando Daniel resolveu ir embora, derrotado depois de esperar Nicole por agoniantes duas horas e não ver nem sinal dela. Voltou para casa pelo caminho mais longo para espairecer apesar de ter tido muito tempo para fazer isso enquanto esperava, e quando chegou em casa já era noite. O celular vibrou em seu bolso e a tela se acendeu com o nome de Nicole assim que pisou em casa, mas ele não sabia ao certo se queria ler a mensagem que chegou. Jogou a mochila em um lugar aleatório do quarto, tomou um banho quente, fez um lanche e se deitou na cama, olhando pras telas em branco no fundo do quarto em busca de alguma inspiração noturna que ou qualquer coisa que sua falecida criatividade poderia fazer depois de semanas sem conseguir pintar uma flor sequer, mas no fim sua curiosidade falou mais alto e ele pegou o celular na cabeceira da cama, respirando fundo antes de ler.

 

Nicole: Não pude ir.

Sinto muito.

Grey?

Me desculpa :(

Você deve estar bravo.

Deve estar muito bravo.

Me desculpa!!!

Daniel pensou. Pensou mais um pouco. Tinha todos os motivos para ignorá-la, mas seu coração doeu só de pensar em fazer isso. Outro bipe no celular.

Nicole: Grey?

Daniel: Hey J Acabei de chegar.

Nicole: Podia ter me avisado! Eu quase morri de medo de ter te chateado... eu te chateei?

Daniel: Nah, tive que resolver uns assuntos também.

Nicole: Ah, então tudo certo :D

Daniel: É.

Acho que vou dormir.

Boa noite, Nic ;)

Nicole: Boa noite!

As lágrimas rolaram pelo rosto do rapaz, que enterrou a cara no travesseiro para esconde-las de si mesmo. Os soluços vieram junto com o choro, e só quando faltavam alguns minutos para acordar na manhã seguinte para a aula foi que ele conseguiu dormir.

 

— Só mais dez minutos, mãe.

— Que cara de morte, hein.

A voz de Nicole fez Daniel se levantar num pulo. Das duas uma: ou ele estava sonhando tão alto que conseguiu projetar a garota na sua frente com todos os detalhes perfeitos, ou ela estava mesmo dentro do seu quarto o assistindo limpar a baba que escorria pela boca.

— O que você tá fazendo aqui?

— Bom, você não foi no curso de verão hoje. — ele olhou no relógio. Já se passara meia hora desde que a ultima aula acabou. — Sua mãe me chamou. Disse que você tava deprimido.

— Eu não... Mãe!

A sra. Grey assistia a tudo na porta, tentando conter a risada. De todas as pessoas no mundo ela escolheu logo Nicole para chamar, sua amiga de pouquíssimos dias. Daniel nem imaginava como sua mãe sabia da existência da garota e como elas se conheceram, mas lá estavam elas na sua frente trocando olhares de cumplicidade do tipo que você só troca com alguém que conhece há anos, sendo que elas se conheciam há poucos segundos. A sra. Grey acenou com a cabeça em direção a eles e saiu do quarto, mas Daniel desconfiou de todas as vezes que ela passou na frente da porta para ouvir a conversa dos dois até que a moça fosse embora.

Daniel e Nicole conversaram o resto do dia, que não foi muito. Ele a levou até a saída da casa quando ela disse que precisava ir, mesmo contra sua vontade, pois queria que ela ficasse ali com ele até altas horas — quem sabe o resto da vida. Seus pensamentos de felizes para sempre murcharam quando ela lhe deu um abraço de despedida e caminhou até sumir na curva de uma esquina. Ele então voltou ao seu quarto e se trancou por horas, rabiscando finalmente na maior tela que tinha o esboço da imagem que veio à sua mente naquele momento. Terminou de rabiscar a tela tarde da noite. Decepcionado por não poder começar a pintar ainda naquela noite e cansado mesmo tento dormido o dia inteiro, ele se deitou e voltou a dormir.

 

Acordou na manhã seguinte disposto a ter o melhor dia de todos. Tomou um café da manhã menos gorduroso, deu uma volta no quarteirão e até cumprimentou as vizinhas fofoqueiras que vigiavam tudo na rua da sua casa. Na hora da aula pegou sua mochila, deu um beijo em sua mãe e saiu frenético para o curso.

Seu sorriso e seu bom humor desapareceram logo depois de o primeiro sinal bater. Quando o último sinal também bateu, não tinha quem suportasse o pessimismo dele. Nicole havia faltado a todas as aulas, não dera notícias e ele estava uma pilha de nervos por ter que aguentar Mike o chamando de paranoico possessivo. Chegou em casa louco da vida ansioso por uma mensagem de sua amiga, e seu mundo se despedaçou quando leu o que ela havia lhe mandado.

Nicole: Grey?

Daniel: Oi Nic! Tudo bem?

Nicole: Não muito. Não quero viver mais, parece que o mundo inteiro me apunhalou pelas costas :(

Daniel: Hey, o que houve?

Nicole: Você conhece o Mike, né? Ele é seu melhor amigo, eu acho.

Então, semana passada ele me deu flores! Um monte delas. E... E ele fez uma serenata pra mim. Eu achei tão fofo!

As mãos de Daniel tremeram ao ler aquelas palavras. Ela estava mesmo falando do seu melhor amigo? Porque Mike não havia sequer comentado sobre esse namoro, e ele sabia dos eu interesse em Nicole!

Ele engoliu em seco todos os xingamentos que tinha em mente sobre seu “melhor amigo” e ela continuou falando.

Nicole: Ninguém nunca fez nada assim pra mim. Eu pensei que estivéssemos namorando.

Daniel: Estou feliz por você, Nic.

Nicole: Não! Ele... Ele disse que tinha uma surpresa pra mim hoje. Outra surpresa. Ele me convidou pra ir ao parque. Eu perguntei o que era a surpresa mas ele não me disse. Não consegui esperar e perguntei pra irmã dele o que era a surpresa. Ela me disse pra eu me arrumar, disse eu seria algo ótimo, que eu iria adorar, e então...

Ela parou de digitar e depois voltou.

Nicole: Eu me arrumei toda pra “surpresa”, então quando eu cheguei no parque...

Ah meu Deus

Eu vi ele e minha melhor amiga Jenny de mãos dadas. Com os meus próprios olhos!

Daniel: O que você fez?

Nicole: Já que eu não queria chorar em público eu corri pra casa.

Por que ele fez isso?

Daniel: Mike é um idiota.

Nicole: Acho que nunca vou superar isso. Como a minha melhor amiga não me contou... Quer dizer, como?! Eu confiava nela! Como eu vou confiar em alguém de novo?

Daniel: Bom... mesmo que não confie em mim, eu estou aqui por você, ok? Vai ficar tudo bem.

O rapaz repetiu isso para si mesmo internamente, mas tudo na sua cabeça era ódio por Mike. Ele nunca perdoaria essa traição assim como Nicole. Ele a fez chorar. Era imperdoável, duplamente imperdoável.

Nicole: Obrigada, Dan. Eu só precisava desabafar.

Daniel: Pode fazer isso quando quiser ;)

Nicole: Obrigada mesmo, Grey!

Eu esqueci de te perguntar. Jenny também é da nossa turma de química. Acho que não to preparada pra ir na aula amanhã e encará-la. O que eu faço?

Daniel: Só finja que aquilo não te atingiu. Ela vai ver que não te abalou, que você é melhor do que essa traição.

Nicole: É... É isso ai! Acho que você ta certo. Obrigada, Dan :3

Opa, quase me esqueci do ensaio do coral de hoje. Tenho que ir. Tchauzinho!

Obrigada por alegrar o meu dia.

Daniel: Nada ;D Vou estar por perto se precisar.

Boa noite, Nic.

Nicole: Hahah

Boa noite, Grey! ;3

 

Naquela noite, Daniel tentou dormir. Rolou na cama enésimas vezes e em todas elas o colchão parecia ser feito de pregos. Quando percebeu que não dormiria de jeito nenhum se levantou e selecionou as tintas que queria. Visualizou sua imagem. Pintou furiosamente a noite inteira até os primeiros raios de sol brotarem por entre as folhas da árvore que cobria sua janela. Na hora da aula todo o quarto já estava iluminado, mas seus olhos só viam a escuridão de ser traído pelo seu melhor amigo. 


Notas Finais


É TRETAAA

Espero que tenham gostado
Beijim de algodão procês e até o próximo cap


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...