História Chapeuzinho Vermelho - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Luke Hemmings, Michael Clifford, Personagens Originais
Tags Ashton, blake, Chapeuzinho Vermelho
Visualizações 27
Palavras 617
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá amores, tudo bem?

O apelido de Valentina será Tina, antes era Nina e por motivos de algo relacionado a isso me magoar muito eu troquei.

Perdoem a hora, eu estou sem sono e resolvi postar

Boa leitura!!

Capítulo 4 - Ashton Irwin


O barulho de um trovão me fez abrir os olhos rapidamente, olhei pela enorme porta de de vidro e vi os relâmpagos brilhantes através da cortina, tateei o chão com meus pés a procura de minha pantufa e me levantei indo até a escada. Eu precisava de água

 

—Blake - meu pai se encontrava com um copo de leite em mãos —Está sem sono? - perguntou

 

—Acordei com sede - respondi —E provavelmente alguém está com fome - apontei para seu copo que fora posto dentro da pia

 

—Agora que matei quem estava me matando - me deu um beijo na testa —Vou voltar a dormir e a senhorita trate de fazer isso logo, está frio

 

Derramei o líquido transparente dentro do copo e me escorando no balcão de mármore, olhei pela janela tendo a visão de um par de olhos verdes no jardim. Meus olhos se arregalaram e se encheram de lágrimas, minhas mãos tremiam e suavam, larguei o copo sobre o balcão e sai correndo para meu quarto, trancado a porta e me escondendo embaixo das cobertas.

 

—Bom dia - mamãe falou

 

—Bom dia querida -papai falou —Esqueceu a luz acesa

 

—Bom dia - me sentei —Eu precisei ir ao banheiro e acabei esquecendo não vai mais acontecer - coloquei café em minha xícara

 

Após o café lavei a louça e fui até o jardim onde aquela fera estivera durante a noite, não havia nada, nem pegadas, nem rastro. Eu estava ficando louca

 

—Blake, querida - Elena uma senhora de idade já um pouco avançada me chamou através da pequena cerca

 

—Sim, senhora Elena - a respondi

 

—Algo estranho estava em seu jardim essa noite, eu posso senti e sei que você também o viu - falou —Tome cuidado querida ou vai acabar saindo ferida

 

Tentando compreender o que ela havia dito, peguei minha chave e celular e sai de casa mandando mensagem para Valentina me encontrar na cafeteria de sempre. Precisava desabafar sobre os ocorridos ou ficaria louca

 

—Blake, isso é realmente louco - falou após eu contar tudo

 

O sino da porta alertou a entrada de alguém e olhei para trás tendo a visão de alguém que jurei que nunca mais iria ver. Ainda com o mesmo jeito de bad boy, e o mesmo sorriso. Ashton Irwin estava de volta.

 

—Blake Mackenzie - Tina gritou e acabou chamando a atenção das pessoas

 

—Não grite - pedi —Estou sentada na mesma que você —Eu só me distrai

 

—Você está bem? - perguntou - Quero dizer você acabou de ver Ashton e está pálida

 

Mostrei uma foto do desenho que havia feito a ela e continuamos conversando. Porém eu não estava totalmente inclusa na conversa. O par de olhos verdes que tanto amei estava no mesmo lugar que eu. O lugar onde tudo acabou. A cafeteria não estava cheia por tanto pude ouvi sua risada, aquela risada que ainda continuava mesma.

 

—Talvez eu deva começar a andar com uma almofada - após pagarmos a conta —Pois será a mesma coisa que saí com você que só me ignora - sua chave caiu no chão

 

—Estou pensando em qual hospício levo minha ficha de loucura - disse —Começando por um animal no meu jardim e depois passando para a minha vizinha que mandou eu ter cuidado

 

Passamos ao lado da mesa de Ashton e senti meu coração bater mais rápido, meu corpo se esquentou após tantos olhares e por fim de esfriou com o vento gelado que estava. Me despedi de Tina e segui meu caminho a pé até minha casa. Uma xícara de chocolate quente e um bom filme como Querido John eram a companhia perfeita para esquecer seu ex namorado que estava de volta.


Notas Finais


Gostaram? Comentem isso é algo bem especial pra mim!
Beijos e até logo, amores!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...