História Charles XVII - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags America Horror Story, Delírios, Mistério, Sobrenatural, Terror
Exibições 5
Palavras 730
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Desculpe o capitulo e curto mais importante, rssrss, dsclpem a demora por postar problemas em casa.

Capítulo 3 - Protocolo iniciado!


Ano 2552 -  ou - Ano 500.

Algum lugar da Nova Euroela. 


Depois da 3* grande guerra, o mundo nao foi mais o mesmo, milhares e milhares de pessoas morreram junto com seus continentes, a radiacao mudou boa parte, dessa parte metade das infectadas morreram, os sobreviventes tiveram seu corpo mudado monstruosamente, os chamados Morlocks. Quando o planeta ja estava para morrer, surgiu das sombras ou melhor dizendo dos pesadelos dos homens criaturas, monstros, tirados da ficcao,  mortos vivos, sangue sugas, todas criaturas do sobrenatural eram reais e mortais, entao uma nova guerra surge. 

Os humanos se juntaram, diferencas e o passado foram esquecidos perante a nova ameaca, homen vs criatura, uma nova onda de genocidio e homicidio veio, dividindo o globo, um para cada  lado. O ser humano se redescobriu, sua origem e a extensao de seu corpo, seus dons naturais mais adormecidos durante eras. 

Exercitos da Nova Uniao estavam reconquistando boa parte de seu antigo territorio, porem infectados formaram um grupo de resistencia junto aos  morlocks,  e errantes que lutavam contra o novo sistema, e a Lei Bestial a guerra tambem se tornou interna. 


-Voce tem certeza?! - um homen alto palido, careca de barba ruiva e olhos vermelhos, e vestias ensanguentadas, segurou os ombros do jovem William, o garoto pareceu um boneco nas maos dele. - Nicolai!!... - os longos cabelos loiros de William cairam sobre seus olhos, um verde, outro castanho mel, seus labios eram delicados e rasados, seu rosto tinha gostas de sangue, e ele usava uma manta preta, o garoto era baixo. - essa e a unica... O unico jeito de evitar tudo isso... - eu sei! - Nicolai o soltou e se afastou, chutou um saco branco de lixo e varias latinhas se espalharam. - faca! Antes que.. - o son de uma explosao o interrompeu, o pequeno quarto escuro amarrotado de caixas de papelao e sucatas estremesseu, derrubando porcao das coisas ali. Nicolai se aproximou de William segurou em suas bochechas carnudas, e deslizou o dedo em seu pescoso tatuado, havia cinco imagens pequenas, um circulo, e quatro ideogramas na horizontal. Ele olhou profundamente em seus olhos, entao cintilaram, William entrou em transe, relaxando seu corpo, ele estava sobre seu dominio. 

- Voce esquecera de tudo.. De toda sua vida, de todas as merdas que passamos juntos - uma lagrima de sangue escorreu do olho de Nicolai - seu nome e... - ele riu - ShuazingNeguer.. - o som de mais uma explosao o deixou mais aflito - lembre se da tatuagem, elas significam... - derrepente Nicolai explode, como um balao, deixando uma poca de sangue e partes de pele, um lodo nojento, junto com uma flecha de madeira, um vapor sobe, o garoto continua em transe, seu rosto nao havia vida,  nao havia expressao, uma mulher de roupas de couro, justas, sexy, ruiva com cachos ate a cintura, ela segurava uma Besta, arma que transformou  Nicolai em um saco de viseras, na hora em que a mulher encostou bo garoto, ele disperta com um tranco, olha ao redor, ve o sangue em suas maos, em seu cabelo, olha para a mulher, entao desmaia, caindo em seus colo.  

- merda! - um sotaque russo incofundivel. Ela deitou o garoto no chao,  e entao assionou o comunicador atraz de sua orelha. Apos um bip.  - Mestre  reio que chegamos tarde demais...  Perdemos sua memoria... - outro bip. 

Apos alguns segunfos a resposta. Um homen com voz oca, e mona. 

- Traga o Ellen.. Ele ain..  faz part. ..  - a resposta dele estava falhando. -  Va busc os outros... Deixe... no Eden,...  Volte pa... 2083 e... Nortma.. .  Protocolo final iniciado.. - ele desligou,  a expressao facial dela era de odio, comunicacao radionica temporal era dificil, por causa do fluxo temporal,  mais facil nadar a favor do rio do que ir contra a ele.  

- entao Pandora..- ela olha para o jovem, passa os dedos em seu rosto,  entorta levemente a boca -  criatura estup... -  ouve outra explosao,  entao o pequeno quarto escuro amarrotado comecou a ruir, antes que fosse compretamente ao chao, uma luz extremamente forte nasceu, e entao morreu nos escombros. 

                ......................

- Ele esta limpo? - uma voz rouca perguntou euforico.  

- sim... - o mesmo sotaque russo, era Ellen. 

- mas como isso e possivel?...  Olhe as presas dele! - ambos estavam em um quarto clara, uma luz extremamente forte 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...