História Chingu - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bts, Colegial, Drama
Exibições 98
Palavras 433
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Ficou BEM curtinho, apenas para não deixar vocês na vontade. Boa leitura!

Capítulo 12 - Lies


Fanfic / Fanfiction Chingu - Capítulo 12 - Lies

Finalmente sexta-feira! Glórias! Levantei e me troquei, escoveis os dentes, penteei os cabelos e deixei-o solto. Só de pensar em Yoongi e Taehyung já me dá vontade de faltar à aula.

Levei Joon à creche e fui direto para escola. Eu pisei na entrada e Yoongi estava sentado lá, com cara te taxo me encarando, passei reto.

-Bom dia! –Hoseok, Jimin, Namjoon, Jin e Jungkook.

-Bom dia. –bocejo.

Um silêncio estranho toma conta do corredor.

-Vocês não vão entrar? –pergunto curiosa.

-A professora não chegou. –Jungkook diz.

-Ah...

-Aposto que quando chegar, ira dever muitas explicações a diretora, ela já passou aqui umas dez vezes furiosa. –Jimin.

Eu, Jin, Hoseok e Jungkook damos risada.

-Porque anda tão calado Nam? –Jin pergunta para Namjoon.

-Nada. Só estou com sono.

Depois de uns 15 minutos a professora chega. Fui sentar no meu lugar, mas ele estava ocupado, com um certo babaca. Yoongi! Argh! Faz de propósito.

-Ei, senta aqui. –Namjoon diz apontado para uma carteira ao lado da sua.

-Obrigado Nam.

Sentei-me naquele lugar.

 

 

As aulas passaram rápido, nada demais aconteceu. Tirando o fato de sentir olhares sobre mim, Yoongi.

Finalmente, hora da saída. Ufa!

-Espera! –sinto alguém correr atrás de mim.

Taehyung.

-O que foi?

-V-Você quer ir a minha casa? A gente pode jogar vídeo-game. C-Claro se você quiser, se não quiser, tudo bem, pode dizer sim [...] Quer dizer, pode dizer não... Esquece. –ele estava soando. E estava frio (;-;)

Como eu disse, não irei dar chances a nenhum dos dois, então. Não. Mas que desculpa darei? Ia ser bem maldoso apenas dizer ‘não’. Pensa, pensa, pensa...

-Irei sair com Namjoon, né? –Namjoon passou e foi isso que veio a minha cabeça, eu o puxei pelo braço e ele até se assustou um pouco. –Não é?

-Comigo? –diz desconfiado.

-Com ele? –diz Taehyung.

-S-Sim Namjoon, não lembra que marcamos pra sair hoje? –diz que sim, diz que sim, diz que sim!

-Ah, claro. Tinha me esquecido! –coça a cabeça.

Ainda bem que ele seguiu o roteiro.

-Vamos Nam. –puxo-o para fora da escola.

-Que historia é essa hein? Metendo-me no assunto de vocês dois, sabe que Taehyung é sentimental. Ele pode estar chateado comigo agora, sabia?

-Desculpa. Mas já que está aqui, quer ir ao parque? –tentei mudar de assunto.

-Não vai dar.

-Ah, entendi. –digo sem graça.

-Relaxe, não irei contar nada para Tae.

-Obrigado.

-Se cuide no caminho! –diz se afastando.

-Ainda bem! Essa foi por pouco. –sussurro comigo mesma.

-Falando sozinha outra vez? –Yoongi passa pelo meu lado.

-Cala a boca.

Estou de saco cheio desse garoto. Idiota. 


Notas Finais


Mentira tem perna curta hein! XOXO ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...