História Christmas - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Tags Camren, Camreng!p
Exibições 763
Palavras 1.229
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Romance e Novela
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Roupa que a Camila usa na capa ❤️

Capítulo 2 - She is... Beautiful


Fanfic / Fanfiction Christmas - Capítulo 2 - She is... Beautiful

 Narrador POV.

 Quando Mike estacionou na garagem de casa Camila começou a ficar nervosa novamente, não que ela já não estivesse, estava num carro com estranhos, mas eles pareciam apenas querer o bem dela. Ela só estava mais nervosa agora de conhecer os filhos deles, porque eram adolescentes, ela se sentia envergonhada só de pensar nos olhares sobre ela, com certeza a olhariam com nojo. Ela já estava acostumada com esse olhar.

 Todos saíram do carro e foram em direção à porta da casa, Camila estava respirando fundo diversas vezes, estava com medo, com vergonha. Mike vendo que ela estava nervosa colocou a mão em seu ombro e deu um sorriso tranquilizador. Clara abriu a porta e entrou primeiro, Mike entrou junto com Camila, segurando-a pelos ombros. Seus filhos, que até então estava vendo televisão entediados viraram o olhar para seus pais, se surpreenderam vendo a menina ali.

"Quem é ela?" Chris sussurrou para as irmãs e elas deram de ombros, levantando e indo até os pais.

"Meninas, essa é a Camila. Ela irá passar a ceia conosco, sejam educados." Ele repreendeu Chris com o olhar, o menino olhava Camila da cabeça aos pés.

"Olá, Camila." Os três disseram em uníssono e Camila corou violentamente, três pares de olhos lhe olhando de forma curiosa.

"O-Oi." Ela sussurrou. Seus olhos pararam na menina pálida, que olhava ela com intensidade. Seus olhos eram bonitos...

"Tay, pode levar Camila para um banho?" Clara pediu para a filha e ela assentiu. "Você gostaria de um banho, Camila?" Perguntou, se esquecendo de perguntar se a menina queria ou não.

"Eu gostaria." Ela sorriu fraco e Clara retribuiu, tão parecida. 

"Vamos lá." Taylor sorriu para Camila e puxou ela pela mão, subindo as escadas com uma Camila fazendo de tudo para não tropeçar.

 Clara foi para a cozinha terminar a sobremesa e os dois filhos e Mike ficaram na sala. 

"Quem é ela?" Lauren perguntou quebrando o silêncio.

"Eu a encontrei na rua hoje filha. Chorava tanto, eu fiquei com o coração partido. Ninguém deveria viver nas ruas, ainda mais numa noite de Natal, com fome. Eu simplesmente não poderia deixar ela ali." Ele suspirou lembrando a imagem que teve da menina.

"Ela é bonita, quero ver depois que tomar banho." Chris sorriu e recebeu um tapa forte na cabeça.

"Dê em cima dela e eu quebro seus dentes, moleque." Mike cerrou os olhos, Chris engoliu em seco e assentiu com a cabeça. "Não a deixem desconfortável, por favor."

"Tudo bem." Os dois responderam juntos. 

 Camila sentia falta da água quente caindo sobre seu corpo, relaxando seus músculos, livrando-a do frio. Ela tomava banho com calma, apreciando cada minuto daquele momento. Quando terminou de lavar os cabelos com um shampoo de morangos, o que Taylor disse que era dela, e terminou de lavar o corpo, ela desligou o chuveiro. Pegou a toalha que lhe deram e se enxugou. Abriu a porta do banheiro e se viu sozinha no corredor, foi até o quarto que era de Taylor, ela estava esperando ela lá.

"Oi." Taylor sorriu quando ela entrou, parecia outra pessoa. "Eu peguei umas roupas da Lauren, as minhas não caberiam em você." Ela apontou para as roupas que estavam dobradas na cama. "Ah, e uma calcinha nova dela também, ela nunca usou." Camila corou, como explicaria que não usava calcinhas?

"Taylor..." Ela chamou envergonhada. "Eu não posso usar calcinhas." Sussurrou.

"Por quê?" Taylor franziu o cenho.

"E-eu." Ela gaguejou. A menina iria fugir quando soubesse? "Sou intersexual." Deixou os ombros caírem.

"Ah." Taylor tentou ligar suas palavras e quando percebeu arregalou os olhos. Ela estou isso em química! Mas não sabia se realmente existia. "Ahhh." Ela finalmente disse. "Não tem problema, isso é bem legal na verdade, nunca conheci ninguém assim." Ela riu levemente. "Eu vou ir ver se Lauren tem cuecas femininas tudo bem? E se não tiver eu pego alguma nova que o Chris não tenha usado." Ela saiu do quarto sem esperar Camila responder. 

 Camila ainda hesitante foi até a cama e pegou as roupas analisando, era tudo muito preto, mas ela não estava em posição de reclamar. Eles estavam fazendo tanto por ela. Taylor retornou com uma cueca feminina da Lauren e se retirou para Camila se vestir. 

 Era uma blusa de lã listrada com gola alta, quando Camila vestiu suspirou com o quão quentinha era. Vestiu a cueca e mordeu o lábio inferior envergonhada, não cabia direito em sua bunda. Vestiu a meia calça preta e a saia preta por cima, era um pouco curta, ela desceu o tanto quanto pode. Também tinha uma bota de saltos, ela não sabia andar direito mas mesmo assim colocou, quando terminou ela foi timidamente até o espelho, estava bonita, não se via bonita assim há muito tempo.

"Posso entrar?" Taylor gritou depois de alguns minutos, Camila concordou com um tímido 'sim' "Uau! Você está linda." Ela corou com o elogio e agradeceu. "Fiz um bom trabalho." Taylor se gabou e sorriu de forma doce para a menina. "Vem, vou secar seu cabelo."

 Camila sentou na cama e Taylor passou os próximos minutos secando o cabelo dela, limpo ficava muito mais lindo, estava brilhante e com vida, diferente de como estava quando ela entrou em sua casa. Ela terminou de secar e então resolveu prender em um coque, correu até seu banheiro e voltou com uma tiara de laço preta, colocou em Camila e sorriu com o resultado final. Linda. 

 Clara terminou a sobremesa e colocou na geladeira, a mesa já estava sendo posta por Lauren e Chris, Mike nunca ajudava, sempre com a desculpa de que não poderia levantar peso. Como se pratos fossem peso. Ele ouviu o som de passos na escada e se virou para ver sua filha e Camila descendo, seus olhos se arregalaram e um sorriso carinhoso se formou em seus lábios, a menina parecia outra pessoa. 

"Você está linda, Camila!" Ele elogiou feliz e Camila sorriu envergonhada.

"Obrigada, Michael. De verdade, por tudo que está fazendo." Ela se impulsionou para cima e deixou um beijo apressado na bochecha gorducha de Mike, ele sorriu para ela.

"A mesa está pron..." Lauren parou de falar assim que entrou na sala, seus olhos desceram pelo corpo dela e subiram novamente, ela estava tão surpresa com a beleza da menina. Percebeu que usava suas roupas, mas não ligou, ficaram lindas nela. "Nossa, você está linda." Ela disse assim que alcançou os olhos de Camila.

"O-Obrigada." Camila sentiu sua barriga revirar com o olhar de Lauren sobre si, porque ela ficava tão nervosa? 

"Vamos comer! Estou morrendo de fome." Taylor reclamou dramática e eles riram. Mike deixou a mão pousada nos ombros da Camila enquanto iam até a cozinha. 

"Chegaram." Clara sorriu para os três e demorou um pouco mais de tempo analisando Camila. Ela estava linda, não dava mais para negar que ela era a cópia fiel de alguém do seu passado. Ela só queria confirmar isso, talvez conversaria com Camila uma outra hora.

"Caraca." Chris arregalou os olhos. "Ela tá gatona. Camila, como vai?" Ele ergueu as sobrancelhas e Lauren fechou a cara para o irmão, jogando um guardanapo nele.

"Se comporta, desgraça." Reclamou.

"Não vou falar de novo, Chris." Mike ameaçou e ele bufou. Camila estava achando graça, ele tentou fazer a frase de Joey em friends, ela amava essa série quando era criança. 

"Podem se sentar." Clara avisou. 


Notas Finais


Só vem tombos!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...